Logo Passei Direto

A maior rede de estudos do Brasil

Aula 02 3video play button

Transcrição


pessoal, vamos lá, então nosso terceiro bloco, estamos trabalhando com vocês agora a chamada lei penal. No espaço para nós vamos ver aqui aquelas importantes, como já alertei, será que um fato que ocorreu aqui no Brasil sempre vai sofrer a incidência da lei brasileira? Será que nós vamos ter hipótese em que a lei brasileira vai sair do nosso território e alcançar fatos ocorridos lá fora? Então essa ideia, quando a gente trabalha a chamada lei penal no espaço regras que nós encontramos o artigo quinto do Código Penal, artigo sétimo e artigo oitavo está, Então vamos ver isso olha a sua lei penal no espaço e aqui para só nós vamos ter aqui alguns fenômenos que podem acontecer. Nós vamos ter aqui a territorialidade, que é a regra. A gente vai ver isso está no artigo quinto, no caput do artigo quinto a cabeça do artigo, nós temos a extra territorialidade, além então saindo do nosso território, indo para fora do território, alcançando fatos ocorridos lá fora, isso é exceção, mas pode ocorrer nos termos do artigo sétimo e nós temos aí entra a territorialidade, que também é uma exceção, fato ocorrido aqui e não sendo aplicada a lei penal brasileira brasileira. Olha só que interessante, Então veja pessoal, Quando a gente fala em territorialidade, o local do crime é o Brasil. Lei aplicável, nesse caso, a lei brasileira. Se a gente falando em extraterritorialidade, o fato foi praticado lá fora no estrangeiro e nesse caso, a lei aplicável também vai ser a lei brasileira. Isso extra territorialidade. Um crime pode ter sido praticado fora do Brasil e sofrer a incidência da lei brasileira. Isso é extraterritorialidade. E nós vamos ter entre a territorialidade como já lei, tem local do Brasil aqui, a lei aplicável, a lei estrangeira, um grande exemplo aqui da imunidade diplomática. Um crime pode ocorrer no Brasil, sofrerá incidência da lei estrangeira? Exatamente, não vamos aplicar a lei brasileira. A gente vê isso daqui a pouco a chamada extraterritorialidade. Então comece estudando a territorialidade que a regra. Depois estudamos a extraterritorialidade. A intra territorialidade aqui o nosso tema. Portanto, agora territorialidade, territorialidade. Olha só o que diz o artigo quinto a cabeça no artigo, no artigo quinto caput veja o que você leia comigo. Primeiro, que vou destacar em amarelo aplica se a lei brasileira ao crime cometido no território nacional. Isso é territorialidade aplica se a lei brasileira, o fato que ocorreu aqui no nosso território. Só que essa territorialidade, esse princípio não é absoluto porque é porque nós vamos ter exceções. Nós vamos ter casos, então, de crimes cometidos no nosso território que nós não vamos aplicar a lei penal brasileira exatamente nesse caso o pessoal é o que eu falei ainda Extraterritorialidade está prevista aqui destacar em vez de agora, sem prejuízo de convenções, tratados e regras de direito internacional. Então vamos ver o que está em amarelo e depois a gente vai para que esta em verde. Aplica se a lei brasileira, o crime cometido, um território nacional da territorialidade. Você já sabe sem prejuízo, ou seja, salvo se houver convenções, tratados e regras de direito internacional. Então a territorialidade adotada não é absoluta. Se não todos os crimes cometidos aqui seriam aplicados a lei brasileira. Por isso que se fala que o princípio que o Brasil adotou aqui que o Brasil acolheu o princípio da territorialidade relativa ou temperada, compreendeu isso. Então a pessoa, qualquer regra, um crime, ocorreu aqui no Brasil, a gente aplica a lei brasileira, Territorialidade esse princípio absoluto. Não é possível que o fato tenha ocorrido aqui no nosso país e sofre a incidência de uma lei estrangeira. É a chamada então intra territorialidade da lei penal. Por isso que o Brasil acolheu a chamada territorialidade, temperada ou mitigada ou relativa, não é absoluta. Se fosse absoluta, todos os crimes ocorridos em nosso território sofreriam sempre a incidência da lei brasileira. Não é assim, como a gente viu aqui a territorialidade, ela é relativa. Mas veja se a regra é que um crime ocorrido no nosso território, nós vamos aplicar a nossa lei, a lei penal brasileira. Essa é a regra. Então, o que é importante? Você conhecer o que vem a ser o território, o que se entende por território brasileiro? Qual é o conceito de território brasileiro, para que se o crime ocorrer ali, em regra, nós vamos aplicar a nossa lei. Então, vamos ver isso, o conceito de território e nós vamos ter dois conceitos. Então, nós temos o conceito de território físico também chamado do território propriamente dito, aquela ideia do espaço geográfico que a gente tem e um território conceito de território jurídico, um conceito jurídico de território ou de território, por extensão. Então, vamos ver aqui primeiro conceito território físico e depois do território jurídico. Território físico propriamente dito O espaço geográfico pessoal aqui abrange a porção de terra dentro das nossas fronteiras, abrange não só a porção de terra, mas também o chamado mar territorial e, além disso, a coluna de ar que está acima da terra e do mar territorial. Então, esse é o conceito de território físico ou propriamente dito, você tem que ter em mente que pensam muito claro isso aqui. Olha que qual conceito de território de território físico do território propriamente dita, aquela ideia que a gente tem em mente, território então aquela porção de terra do nosso país? Então que encontra limite nas fronteiras, tudo isso o nosso território, se o crime ocorreu ali, nós vamos aplicar a ela. É brasileira. Então, essa porção de terra entre as fronteiras aí também o mar territorial, o mar territorial também em nosso território. Um crime ocorrido ali no mar territorial vai sofrer incidência da lei brasileira e a coluna de ar. Então aquele espaço aéreo que está ali em cima desse território físico dessa dessa do mar territorial E também dessa dessa porção de terra, tudo está a linha acima de um crime cometido numa aeronave ali, por exemplo, nessa coluna de ar, que corresponde ao espaço físico nosso e também ao mar territorial também é território físico, então aquela ideia de espaço geográfico mesmo. Mas o território não é só isso. Nós temos um conceito jurídico do território ou um território, por extensão, abrange essa ideia dessa porção de terra dentro das fronteiras do mar, territorial, da coluna diária. Então, que está acima dessa porção de terra, do mar territorial. Mas vai além disso, o nosso território. Então vamos ver território jurídico ou, por extensão, aqui, pessoal, ele abrange embarcação ou aeronave públicas. Aqui, o pessoal sempre olha só que interessante, sempre uma embarcação publica uma aeronave pública em qualquer lugar do planeta. Vai ser extensão do nosso território um crime cometido em uma embarcação da Marinha, Por exemplo. Lá nos Estados Unidos, é nosso território pessoal um crime praticado numa aeronave da FAB, por exemplo, da Força Aérea Brasileira, que estava lá sobrevoando a Europa. A França, por exemplo, é território nosso território, por extensão, território jurídico. Aplicamos a lei brasileira se é uma aeronave publica, uma embarcação publica, é território brasileiro, principio da territorialidade e se for uma embarcação, aeronave privadas aí depende. Pode ser nosso território por extensão, também mais desde que olha só uma embarcação privada, uma aeronave privada esteja a serviço do governo brasileiro. Se essa embarcação, embora seja privada, estiver a serviço do governo brasileiro, vai ser também considerado o nosso território. Imagina que o presidente da República, ele faz uma viagem oficial por meio de um avião que é particular, um avião privado, mas que está que foi ali, é fretado, alugado pelo nosso governo para fazer aquela missão oficial, aquela viagem oficial, se um crime ocorreu dentro daquela aeronave Aplicamos a nossa lei é o princípio da territorialidade onde quer que ele se encontra qualquer local do planeta. Se for a embarcação privada da nave privada também e elas se encontrar corporación, encontra se tem lugar que não pertence a nenhum país,