Caso concreto 6
6 pág.

Caso concreto 6


DisciplinaIntrodução ao Direito I86.488 materiais502.169 seguidores
Pré-visualização3 páginas
Caso concreto 7
(i) Fato social, pois tem como características: generalidade, externalidade ao individuo e coercitivo.
(ii) normal, pois o fato relatado pode ser encontrado em todas as sociedade de todos os tempos.
.
Questão de múltipla escolha:
Letra C.
 
 
1- Qual a contribuição de Durkheim para a Sociologia? Émile Durkheim é apontado como um de seus primeiros grandes teóricos. Ele e seus colaboradores se esforçaram por emancipar a sociologia das demais teorias sobre a sociedade e constituí-la como disciplina rigorosamente científica. Durkheim definiu com precisão o objeto de estudo da Sociologia, estabeleceu um método para analisar os fenômenos sociais e escreveu várias obras, dentre elas podemos citar: As regras do método sociológico; Da Divisão do Trabalho Social; O Suicídio; As Formas Elementares da Vida Religiosa. 2- Segundo Durkheim, qual é o objeto de estudo da Sociologia? Os Fatos Sociais 3- Quais são as características do Fato Social? Explique cada uma delas. 1-A primeira delas é a coerção social, ou seja, a força que os fatos exercem sobre os indivíduos, levando-os a conformar-se às regras da sociedade em que vivem, independentemente, de sua vontade e escolha. 2- A segunda característica dos fatos sociais é que eles existem e atuam sobre os indivíduos independentemente de sua vontade ou de sua adesão consciente, ou seja, são exteriores aos indivíduos. 3- A terceira característica apontada por Durkheim é a generalidade. É social todo fato que é geral, que se repete em todos os indivíduos ou, pelo menos, na maioria deles. 4- Quais são as sanções que o indivíduo sofre quando tenta se rebelar contra as normas e regras sociais? Explique e exemplifique cada uma delas. Legais são as sanções prescritas pela sociedade, sob a forma de leis, nas quais se estabelece a infração e a penalidade subsequente. Ex. As multas de trânsito. Espontâneas seriam as que aflorariam como decorrência de uma conduta não adaptada à estrutura do grupo ou da sociedade à qual o indivíduo pertence. Diz Durkheim, exemplificando este último tipo de sanção: \u201cSe sou industrial, nada me proíbe de trabalhar utilizando processos e técnicas do século passado; mas, se o fizer, terei a ruína como resultado inevitável.\u201d   5- A escola é um fato social? Justifique sua resposta. Sim. A Escola é um fato social. Nela evidencia-se a coerção social que é imposta aos alunos através de regras e normas sociais. Ela é exterior aos indivíduos, ou seja, não depende de vontades ou escolhas pessoais para sua existência. Ela se encontra generalizada por toda sociedade. 6- O que é o fato social normal e patológico? Dê exemplo para cada um deles. Fato normal é aquele fato que não extrapola os limites dos acontecimentos mais gerais de uma determinada sociedade e que reflete os valores e as condutas aceitas pela maior parte da população. Ex. O casamento. Fato Patológico é aquele que se encontra fora dos limites permitidos pela ordem social e pela moral vigente. Os fatos patológicos, como as doenças, são considerados transitórios e excepcionais. Exemplo: Uma taxa elevada de criminalidade. 7-Segundo Durkheim quais são os procedimentos que o pesquisador deve ter para realizar uma pesquisa com objetividade científica? A explicação científica exige que o pesquisador mantenha certa distância e neutralidade em relação aos fatos, resguardando a objetividade de sua análise. Além disso, é preciso, segundo Durkheim, que o sociólogo deixe de lado suas prenoções, isto é, seus valores e sentimentos pessoais em relação ao acontecimento a ser estudado, pois nada têm de científico e podem distorcer a realidade dos fatos. Essa postura exige o não-envolvimento afetivo ou de qualquer outra espécie entre o cientista e seu objeto. A neutralidade exige também a não-interferência do cientista no fato observado. Durkheim aconselhava o sociólogo a encarar os fatos sociais como coisas, isto é, objetos que, lhe sendo exteriores, deveriam ser medidos, observados e comparados independentemente do que os indivíduos envolvidos pensassem ou declarassem a seu respeito. Imbuído dos princípios positivistas, Durkheim queria com esse rigor, à maneira do método que garantia o sucesso das ciências exatas, definir a sociologia como ciência, rompendo com as idéias e o senso comum \u2013 "achismos\u201d \u2013 que interpretavam de maneira vulgar a realidade social. 8- Por que o suicídio é considerado um fato social e não um fato individual? O suicídio, amplamente estudado por Durkheim, constituía-se, nesse sentido, em fato social por corresponder a todas essas características: é geral, existindo em todas as sociedades; e, embora sendo fortuito e resultando de razões particulares, apresenta em todas elas certa regularidade, recrudesce ou diminui de intensidade em certas condições históricas, expressando assim sua natureza social. 9- Segundo Durkheim qual é a finalidade da sociologia? Para Durkheim, a sociologia tinha por finalidade não só explicar a sociedade como também encontrar soluções para a vida social. 10- O que é a consciência coletiva? Trata-se do \u201cconjunto das crenças e dos sentimentos comuns à média dos membros de uma mesma sociedade\u201d que \u201cforma um sistema determinado com vida própria\u201d. 11- Durkheim pode ser considerado um evolucionista? Justifique sua resposta. Sim, Durkheim, pode ser considerado um evolucionista. Durkheim considerava que todas as sociedades haviam evoluído a partir da horda, a forma social mais simples, igualitária, reduzida a um único segmento onde os indivíduos se assemelhavam aos átomos, isto é, se apresentavam justapostos e iguais. 12- O que é solidariedade mecânica e solidariedade orgânica? Solidariedade mecânica, para Durkheim, era aquela que predominava nas sociedades pré-capitalistas, onde os indivíduos se identificavam por meio da família, da religião, da tradição e dos costumes, permanecendo em geral independentes e autônomos em relação à divisão do trabalho social. A consciência coletiva exerce aqui todo seu poder de coerção sobre os indivíduos. Solidariedade orgânica é aquela típica das sociedades capitalistas, onde, pela acelerada divisão do trabalho social, os indivíduos se tornavam interdependentes. Essa interdependência garante a união social, em lugar dos costumes, das tradições ou das relações sociais estreitas. Nas sociedades capitalistas, a consciência coletiva se afrouxa. Assim, ao mesmo tempo que os indivíduos são mutuamente dependentes, cada qual se especializa numa atividade e tende a desenvolver maior autonomia pessoal. 13- Por que Durkheim se distingue dos outros positivistas? Durkheim se distingue dos demais positivistas porque suas idéias ultrapassaram a reflexão filosófica e chegaram a constituir um todo organizado e sistemático de pressupostos teóricos e metodológicos sobre a sociedade.   14- Defendendo a imparcialidade e a objetividade da ciência, Durkheim afirma: \u201cO sentimento é objeto da ciência, não é critério de verdade científica\u201d. (p.31) Para Durkheim, a verdadeira ciência deve se guiar pelos sentimentos pessoais do cientista? Por quê? Não. A verdadeira ciência não deve-se guiar pelos sentimentos pessoais do cientista. Porque os sentimentos pessoais nada têm de científico e podem distorcer a realidade dos fatos. 15- (UFU/PAIES/2ª ETAPA/2003) Assinale as afirmativas verdadeiras (V) e as falsas (F) que correspondem às formulações teóricas de Émile Durkheim sobre a divisão social do trabalho. 1 ( F ) Para Durkheim, a concentração da população nas cidades, a expansão da produção e da concorrência econômica, a expansão das comunicações, enfim, o desenvolvimento da divisão social do trabalho acarretou a diminuição da solidariedade orgânica. 2 ( V )A condensação da sociedade, ao multiplicar as relações intersociais, leva ao progresso da divisão do trabalho que, quanto mais acentuada, mais reduz a solidariedade mecânica e aumenta a solidariedade orgânica e os processos de individualização. 3 ( V )Segundo Durkheim, os indivíduos na sociedade moderna só existem porque participam de uma divisão social do trabalho altamente