ESQUEMA BÁSICO DA CONTABILIDADE DE CUSTOS   DEPARTAMENTALIZAÇÃO
5 pág.

ESQUEMA BÁSICO DA CONTABILIDADE DE CUSTOS DEPARTAMENTALIZAÇÃO


DisciplinaContabilidade de Custos16.770 materiais458.468 seguidores
Pré-visualização2 páginas
DISCIPLINA: CONTABILIDADE DE CUSTOS 	
ESQUEMA BÁSICO DA CONTABILIDADE DE CUSTOS - DEPARTAMENTALIZAÇÃO
1 \u2013 Custeio por Absorção - Departamentalização
A apuração do custo por esse método pode ser feita por departamentalização, que consiste em apropriar os custos indiretos aos produtos, por meio dos departamentos. Ou seja, antes de ratear os custos indiretos aos produtos, eu devo identificá-los diretamente com os departamentos, para, em seguida, levá-los aos produtos. Os custos diretos em relação ao produto (MD e MOD) continuam sendo apropriados diretamente aos produtos sem passar pelos departamentos. Tal procedimento tem por objetivo melhorar a apuração do custo por permitir uma maior precisão no rateio dos CIF do que o método do custeio por absorção tradicional (sem departamentalização).
O termo departamento não corresponde somente aos departamentos estruturais da empresa, mas é utilizado para denotar qualquer centro de custo, que consiste em centros de acumulação de custos, podendo ser seção, ou divisão, ou departamento, constantes do organograma da empresa.
Antes de demonstrar o esquema básico da departamentalização, cabe aqui definir o seguinte:
Departamento de apoio ou de serviço \u2013 não atua diretamente na produção e tem por finalidade prestar apoio aos departamentos de produção. Seus custos são transferidos aos departamentos produtivos antes de serem lançados aos produtos. Ex: manutenção, limpeza, almoxarifado, administração geral, expedição.
Departamento produtivo ou de produção \u2013 atua diretamente sobre a produção, sendo seus custos transferidos aos produtos. Ex: Corte, Aplainamento, Montagem, Usinagem, Pintura, Moagem, Galvanização, Mistura, Refinaria.
A apuração do custo total do produto com base no custeio por absorção, via departamentos, obedece ao seguinte esquema:
1- apropriação dos custos diretos aos produtos (MP e MOD)
2- rateio dos custos indiretos aos produtos da seguinte forma:
	2.1- rateio dos custos dos departamentos de apoio aos departamentos produtivos
	2.2- rateio dos custos totais acumulados nos departamentos produtivos, provenientes dos departamentos de apoio e dos próprios departamentos de produção, aos produtos
3- soma dos custos diretos com os custos indiretos, apropriados aos produtos, sendo estes últimos provenientes dos departamentos
Departamentos de Serviço	
Departamento de Produção
	
Produtos
Departamento de Custos Comuns ou de Administração Geral ou ainda Centro de Custo \u201cfantasma\u201d são aqueles centros de custos que acumulam custos em que não há um só setor responsável. A energia elétrica, o aluguel, por exemplo, são custos acumulados neste centro de custo, uma vez que, em geral, há um só custo para todos os setores da empresa. Neste caso, os custos são acumulados neste centro de custo geral para, depois, por critérios de rateio, serem distribuídos a outros centros de custos de serviços ou produtivos.
	
Exercícios:
QUESTÕES TEÓRICAS
1.	O que é departamentalizar uma empresa?
2.	Qual é o conceito de departamento?
3.	O que você entende por departamentos produtivos? Na empresa onde você trabalha, quais são os principais departamentos produtivos? 
4.	O que você entende por departamentos auxiliares da produção? Na empresa onde você trabalha, quais são os principais departamentos auxiliares da produção? 
5.	Qual é a definição de centro de custo? 
6.	Quais são as vantagens da departamentalização?
7.	Quais são os principais critérios de rateios dos custos indiretos para os produtos e departamentos produtivos? 
8.	Como o custo com o aluguel da fábrica pode ser apropriado aos diversos departamentos? 
Como o custo com o refeitório da fábrica pode ser apropriado aos diversos departamentos? 
O que é overhead? 
TESTES
1.	Pode-se afirmar, com relação aos departamentos produtivos:
	a)	Prestam serviços aos demais departamentos da empresa.
	b)	Não atuam diretamente com a produção de bens ou com a prestação de serviços.
	c)	Como não atuam diretamente com a produção de bens ou serviços, seus gastos devem ser apropriados diretamente aos diversos departamentos auxiliares do processo produtivo.
	d)	São aqueles departamentos que promovem qualquer tipo de modificação sobre os produtos e serviços, atuando diretamente nos processos de produção. 
Resposta: alternativa D.
2.	Pode-se afirmar, com relação aos critérios de rateio de custos fixos e in-diretos aos diversos departamentos (pode haver mais de uma alternativa correta):
	a)	São critérios de ampla utilização que permitem a correta apropriação dos custos fixos e indiretos aos diversos produtos ou departamentos de uma empresa.
	b)	Qualquer que seja o critério utilizado, haverá sempre uma margem de dúvida quanto aos resultados apresentados pelos rateios dos custos indiretos (fixos e variáveis) aos diversos produtos ou departamentos de uma empresa.
	c)	Sua utilização é necessária, em razão da existência dos custos fixos e indiretos, na maioria das empresas industriais ou prestadoras de ser-viços. 
	d)	Não são, na maioria das vezes, subjetivos e arbitrários, o que impossibilita quaisquer distorções nos resultados obtidos. 
Resposta: alternativas B e C.
3.	Assinale a alternativa incorreta:
	a)	Na maioria das indústrias, os produtos são executados em várias fases, envolvendo a participação de diversos departamentos. 
	b)	As atividades de uma empresa prestadora de serviços não podem ser gerenciadas por departamentos, visto que o conceito de departamentalização aplica-se somente às atividades industriais.
	c)	Departamentalizar uma empresa é a divisão da mesma em áreas distintas, de acordo com as atividades desenvolvidas em cada uma dessas áreas. Dependendo da nomenclatura utilizada nas empresas, essas áreas poderão ser chamadas de departamentos, setores, centros de custos ou centros de despesas. 
	d)	Define-se departamento como uma unidade operacional representada por um conjunto de homens e/ou máquinas de características semelhantes, desenvolvendo atividades homogêneas dentro de uma mesma área. 
Resposta: alternativa B.
4.	Assinale as alternativas corretas:
	a)	A divisão em departamentos não se restringe apenas à área industrial, podendo também ser aplicada às áreas administrativas, comerciais e financeiras.
	b)	As atividades e tarefas dos departamentos auxiliares de produção estão diretamente relacionadas com a produção.
	c)	Os custos dos departamentos auxiliares da produção podem ser sempre apropriados diretamente aos diversos produtos fabricados por uma empresa. 
	d)	O custo indireto com a depreciação das máquinas e equipamentos pode ser apropriado aos produtos e departamentos tendo como parâmetro de rateio as horas-máquinas gastas no período. 
Resposta: alternativas A e D.
5.	Assinale as alternativas incorretas:
	a)	Para o gerenciamento de uma indústria, não há qualquer vantagem na departamentalização, sendo apenas uma exigência fiscal.
	b)	Cada um dos departamentos de uma indústria tem seus próprios gastos, tais como mão-de-obra direta, indireta, matérias-primas e demais materiais, depreciação, consumo de energia elétrica etc.
	c)	Os departamentos auxiliares de produção só prestam serviços aos departamentos produtivos. 
	d)	O critério mais correto para o rateio aos departamentos do aluguel do prédio pago no período é ter como parâmetro o número de funcionários de cada departamento.
Resposta: alternativas A, C e D.
6.	Questão do concurso para Auditor Fiscal da Receita Federal (ex-AFTN) 
Uma empresa industrial, que apura seus custos por meio dos departamentos A, B e C, apropria o valor dos gastos com o consumo de energia elétrica levando em conta que:
	\u2022 	O departamento A opera com cinco máquinas.
	\u2022 	O departamento B opera com o dobro de máquinas, em relação ao departamento A.
	\u2022 	O departamento C não opera máquinas.
	\u2022 	As máquinas são iguais entre si e registraram o mesmo consumo no período.
Sabendo-se que