A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
56 pág.
Apostila Revit 2017 2

Pré-visualização | Página 3 de 9

uma série de guias constituídas de ferramentas agrupadas por 
contexto para facilitar o desenvolvimento do projeto. 
 
 
 
 
 
 
 
10 
➢ Arquitetura (1) – Guia responsável por adicionar formas arquitetônicas ao projeto. Por 
esta guia é possível desenhar paredes, portas, janelas, móveis, colunas arquitetônicas, 
telhados, pisos, forros, escadas, entre outros. 
➢ Estrutura (2) – Diz respeito a formas estruturais do projeto como vigas, colunas 
estruturais, treliças, entre outros. 
➢ Sistemas (3) – Disponibiliza os diversos sistemas internos de uma construção ao projeto, 
como dutos, encanamentos, tubulações, fiações, entre outros. 
➢ Inserir (4) – Permite adicionar arquivos externos ao programa, como arquivos dwg, 
imagens e ainda carregar famílias e grupos. 
➢ Anotar (5) – Por esta guia é possível adicionar textos, cotas, identificações e símbolos 
ao projeto. 
➢ Analisar (6) – Permite fazer análise de elementos e esforços estruturais no modelo. 
➢ Massa e terreno (7) – Adiciona textura e terreno ao projeto. 
➢ Colaborar (8) – Coordena e adiciona colaboradores ao projeto permitindo que se 
comuniquem e executem seus trabalhos simultaneamente. Também exibe o histórico 
de edições do arquivo. 
➢ Vista (9) – Responsável pela manipulação das vistas. Nesta vista é possível trocar as 
janelas, abrir a vista 3D, renderizar uma imagem, tirar fotos, fazer cortes, tabelas, 
legendas, entre outros. 
➢ Gerenciar (10) – Guia responsável pelo controle do programa. Nela é possível trocar as 
unidades do programa, os materiais, assim como adicionar informações. 
➢ Suplementos (11) – Executar e manipular plug-ins e softwares da Autodesk que sejam 
compatíveis com o Revit. 
➢ Modificar (12) – Gerencia a modelagem dos objetos, possibilitando cortar, copiar, 
duplicar, girar, mover, entre outros. 
3.4 Barra de opções 
Abaixo da Barra de guias se encontra a Barra de opções, que exibe as opções de comando 
de cada ferramenta conforme ela é selecionada nos botões da Barra de guias. Por exemplo, 
selecionando parede, é aberta uma nova faixa de opções específica. 
 
 
 
 
 
3.5 Barra de Controle de Vistas 
Esta barra está localizada abaixo da área de desenho à esquerda e se alterna conforme as 
propriedades da vista ativa (2D ou 3D). Os controles consistem em atalhos de vários comandos 
de vista, tais como Escala, Nível de Detalhe, Estilo Visual, Caminho do Sol, Sombra, 
Ocultar/Isolar Temporário e Revelar Elementos Ocultos. 
 
 
 
11 
➢ Escala: Permite configurar a escala da vista e é válida somente para o modo 2D. 
Também é possível definir escalas novas no comando Personalizado… 
➢ Nível de Detalhe: Define o nível de detalhamento dos elementos da vista. É importante 
ressaltar que níveis mais elevados de detalhe podem prejudicar o processamento do 
software devido ao carregamento de diversas camadas e detalhes da vista. Em níveis 
baixos de detalhamento esses carregamentos são desativados 
➢ Estilo Visual: Determina a forma de visualização do projeto variando do modo mais 
simples até o modo mais realista. 
➢ Caminho do Sol: Permite configurar a posição do Sol conforme a necessidade. Podemos 
fazer modificações de acordo com a localização do projeto, horário e datas específicos. 
➢ Sombra: Permite ativar e desativar a sombra no projeto. A sua projeção é feita de 
acordo com a configuração do norte verdadeiro e da configuração do sol. 
➢ Ocultar/Isolar temporário: Através desse comando é possível selecionar elementos ou 
categorias do projeto que deseja-se ocultar ou isolar temporariamente. Por exemplo, 
ao concluir a parte estrutural de um projeto, não precisamos mais da planta, portanto 
podemos ocultá-la temporariamente para trabalhar em uma interface mais limpa. 
Também é possível ocultar os objetos permanentemente através do comando Aplicar 
Ocultar/Isolar para vista. 
➢ Revelar Elementos Ocultos: Permite exibir elementos que foram permanentemente 
ocultos na vista (eles serão destacados na cor vinho). 
3.6 Propriedades 
Na imagem ao lado, temos a janela Propriedades, que fica 
localizada à esquerda da área de desenho. Através dela é possível 
configurar parâmetros que definem as propriedades dos elementos. 
Com botão Editar Tipo podemos modificar propriedades mais 
detalhadas dos elementos. Algumas opções desta janela variam 
conforme o elemento de trabalho. 
3.7 Navegador de projeto 
Localizada abaixo das 
Propriedades, a janela da imagem 
à direita consiste em uma lista de 
todas as vistas, famílias e grupos 
vinculados ao projeto de modo 
que podem ser controladas e 
modificadas a qualquer momento. 
Um modo prático de abrir uma 
vista é clicar duas vezes no nome 
dela na lista do Navegador de 
Projeto e então ela ficará em 
negrito e ativada. 
 
 
 
 
12 
3.8 Configuração da Interface 
Para selecionar os elementos que você quer que apareçam na sua 
interface, clique em Vista → Interface de Usuário e selecione os itens 
desejados. Para realizar o curso você deve configurar a sua interface 
conforme a imagem ao lado direito. 
 
4. COMANDOS BÁSICOS 
Existem alguns comandos que podem ser muito úteis ao navegar na 
plataforma do Revit. Para facilitar o desenvolvimento do projeto ao longo 
do curso, iremos explicá-los. 
4.1 Atalhos 
O Revit dispõe de atalhos para agilizar o acesso aos comandos do programa. O atalho direto 
permite acessar as ferramentas simplesmente ao digitar o atalho, como WA para Paredes, DR 
para Portas ou TX para Texto. 
Os atalhos podem ser configurados acessando a guia Vista → Interface do Usuário → 
Atalhos de Teclado ou através do atalho KS. Na janela Atalhos de Teclado também é possível 
criar ou modificar atalhos para os comandos já existentes. 
Outra maneira de acessar comandos por atalhos é pressionando a tecla Alt. O respectivo 
atalho aparecerá sobre a ferramenta na Barra de ferramentas de acesso rápido e na Ribbon. 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
13 
4.2 Unidades do projeto 
A janela para configuração das unidades do projeto pode ser acessada através da guia 
Gerenciar → Unidades de Projeto ou através do atalho UN. Para editar uma unidade basta clicar 
no respectivo botão na coluna Formato. 
 
 
 
 
 
Também é possível editar o número de casas decimais na aba de Arredondamento e 
escolher se você deseja que a abreviação da unidade apareça, na aba do Símbolo de unidade. 
Para o curso você deve configurar as unidades conforme a imagem abaixo. 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Gerenciar → Unidades do Projeto → Linear → Milímetros (precisão 0.01) 
 
 
 
14 
4.3 Vistas (views) 
Ao trabalhar com o Revit, iremos constantemente utilizar o menu Vistas para explorar as 
diferentes perspectivas que o software proporciona, além de poder criar novas vistas sempre 
que for necessário. 
4.3.1 Elevações 
Na área de desenho do Revit, ao iniciar um novo projeto, são apresentados quatro pontos 
relacionados entre si, e cada um deles diz respeito a uma vista elevação. 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Também é possível criar novas elevações clicando em Vista → Elevação. Na medida 
em que forem criadas, elas irão aparecer automaticamente no Navegador de Projeto. 
 
 
 
 
Ao clicar duas vezes na ponta da elevação teremos uma vista daquela perspectiva, no 
entanto ela não possui uma profundidade determinada, considerando que vista se estende até o 
limite do projeto. 
 
 
15 
4.4 Guias Contextuais 
Quando você utiliza determinadas ferramentas ou seleciona elementos, uma guia 
contextual da faixa de opções é exibida, relacionada ao contexto daquela ferramenta ou 
elemento. A guia é fechada quando você sai da ferramenta ou desmarca a seleção.