A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
4 pág.
A fisiologia da massagem terapeutica

Pré-visualização | Página 1 de 2

A FISIOLOGIA DA MASSAGEM TERAPÊUTICA
Marcus Vinícius Gomes Braunstein¹ , Melissa Medeiros Braz² , Hedioneia Maria Foletto Pivetta²
Trabalho vinculado ao Grupo de Pesquisa Promoção da Saúde e Tecnologias aplicadas a Fisioterapia - UNIFRA
¹Acadêmico do Curso de Fisioterapia - Centro Universitário Franciscano – UNIFRA – Santa Maria – RS.
²Docentes do Curso de Fisioterapia - Centro Universitário Franciscano – UNIFRA – Santa Maria – RS.
RESUMO: A massagem terapêutica é um conjunto de manobras que, a partir do toque, desempenham a função de 
estimular no organismo humano eventos fisiológicos que influenciam os estados emocionais e a cognição do paciente. 
Esta é uma terapêutica antiga e atende o ser em sua integralidade, compreendendo-o dinâmico e complexo. Nesta 
perspectiva, o principal objetivo deste estudo é o de discutir aspectos relevantes da massagem terapêutica sobre os 
efeitos fisiológicos do organismo humano, bem como destacar os efeitos da estimulação tátil sobre a autopercepção e 
suas influências nos aspectos emocionais. A metodologia utilizada está embasada na pesquisa bibliográfica, uma vez 
que possibilita a ampliação do olhar sobre qualquer assunto que se deseje estudar (GIL, 2006). Identificou-se que a 
massagem terapêutica é abordada como técnica que estimula a pessoa de maneira integral sobre os sistemas 
neuropsicoendócrinos. Portanto, a massagem oportuniza uma forma não verbal de comunicação, gerando confiança e 
autopercepção no paciente.
Palavras-Chave: Massagem; Toque; Integridade; Autopercepção; Pele.
ABSTRACT: Therapeutic massage is a set of maneuvers, from the touch, has a role in stimulating the human body 
physiological events that influence emotional states and cognition of the patient. This is an ancient therapy and meets 
the being in its entirety, understanding the dynamic and complex. In this perspective, the primary objective of this work 
is to discuss relevant aspects of massage therapy on the physiological effects of the human body as well as highlight the 
effects of tactile stimulation on the perception and its influence on emotional aspects. For this purpose, the 
methodology used is grounded in research literature, since it allows the extension of the look on any subject that you 
wish to study (Gil, 2006). Thus, massage therapy is discussed as a technique that stimulates the patient holistically 
about the systems psycho neuro endocrinal. Therefore, massage nurture a nonverbal form of communication, building 
confidence and self in the patient.
KeyWord: Massage; Touch; Integrity; Self; Skin.
INTRODUÇÃO
A pele exerce fundamental importância nas 
relações dos seres humanos. Ela é responsável 
pelo sentido do tato e dá capacidade aos animais, 
em especial ao ser humano, de se pôr em relação 
íntima com o meio externo, gerando experiências 
únicas e intensas que se desdobram de forma 
integral pelo sistema humano. Compreendendo o 
ser humano para além da questão biológica este 
constitui-se como um ser reflexivo e sensível aos 
fatores externos, capaz de se mover e inspirar pelo 
que percebe e experiencia a medida que se 
desenvolve.
A experiência do toque, impulsiona seu 
reconhecimento a partir da massagem e seu 
desenvolvimento pela história da humanidade. 
Diversas técnicas se formaram ao longo do tempo 
e todas induzem a atenção do ser humano para 
consigo próprio, o que é chamado pelos orientais 
de consciência. Esta, volta-se ao próprio indivíduo 
no momento em que ele está recebendo a 
massagem e por esse, e outros fatores, a 
massagem proporciona tranquilidade, diminui a 
ansiedade e propicia consciência corporal e 
emocional [6].
O tato guarda sua essência na atenção que o 
indivíduo volta para a experiência de ser tocado e 
a forma como ele se relaciona com essa sensação. 
Desse modo, o toque proporciona sensações que 
podem ser tanto agradáveis ou não e a repercussão 
disso se dá de modo integrativo pelos sistemas 
orgânicos. Essa relação entre pele, tato, e sistema 
fisiológico pode ser explicada pela origem dos 
tecidos. Ambos os sistemas, epitelial e nervoso, 
formam-se de diferenciações celulares do 
ectoderma. Este pode ser compreendido com uma 
superfície composta de células que envolve todo o 
corpo embriônico [1]. Isso explica a 
complexidade funcional da pele e sua capacidade 
como órgão modulador de estímulos ao centro 
hipotalâmico-hipofisário- adrenal [2]. Deane 
Juhan apud Davis [3] afirma que o córtex é uma 
“unidade funcional única” e que a pele pode ser 
comparada a superfície de um lago que quando 
perturbada agita as águas profundas. Em outras 
palavras, existe uma contínua e ininterrupta 
comunicação entre a pele e o encéfalo e este 
ultimo, é responsável por uma gama de eventos 
que são proporcionados por hormônios endógenos 
drenados para a corrente sanguínea.
Nesta perspectiva, o principal objetivo 
deste trabalho, é o de discutir aspectos relevantes 
da massagem terapêutica sobre os efeitos 
fisiológicos do organismo humano, bem como 
salientar os efeitos da estimulação tátil sobre a 
autopercepção e suas influências nos aspectos 
emocionais. A autopercepção pode ser 
compreendida pela capacidade do indivíduo em 
centrar sua atenção sobre seu corpo e suas 
emoções, gerando consciência de si mesmo. 
Sendo assim, este trabalho é justificado pela 
necessidade que se percebe, como profissional da 
saúde que trabalha estreitamente com o tato sobre 
o tecido cutâneo de outros indivíduos, os efeitos 
produzidos no corpo humano e que a massagem 
terapêutica pode ser significativa no tratamento na 
medida em que estimula a autopercepção. O toque 
quando sensivelmente aplicado, desperta 
confiança e pode ser imprescindível para 
estimular a atenção do paciente para os benefícios 
do tratamento.
MATERIAIS E MÉTODOS
Este trabalho se caracteriza por uma 
investigação de natureza bibliográfica com 
consultas realizadas nos portais Scielo, Pubmed e 
Medline no período de julho a agosto de 2011. 
Nestas consultas, os termos chaves utilizados 
foram: “massagem” e “estimulação tátil”. Além 
disso, esta pesquisa bibliográfica também foi 
desenvolvida com base em livros científicos que 
tratam da temática da massagem terapêutica e do 
toque como meio de estimulação da 
autopercepção do paciente. Esta metodologia foi 
utilizada, visto que este tipo de pesquisa 
possibilita uma ampliação do olhar sob a questão 
que se deseja estudar [4]. Segundo Severino [5] a 
pesquisa bibliográfica pode ser realizada a partir 
do registro disponível de pesquisas anteriores e 
pode ser realizada a partir da leitura de 
documentos impressos (livros, artigos, teses, entre 
outros).
Desse modo, o presente trabalho visa 
discutir os aspectos da massagem sobre a 
autopercepção, bem como sobre os efeitos 
fisiológicos e emocionais da mesma. Isto justifica-
se em virtude dos benefícios da estimulação tátil, 
sendo esta uma comunicação não verbal entre 
terapeuta e paciente.
RESULTADOS 
A massagem é uma experiência sensível, 
que consiste na arte do toque e na forma como 
essa habilidade explora o corpo humano. É uma 
forma complexa e envolventemente agradável, de 
se estimular o indivíduo de forma integral. Desse 
modo, aplica-se manobras que variam em sutileza, 
e a diversidade das técnicas que se desenvolvem 
ao longo do tempo apenas aprimoram a relação do 
ser humano com essa capacidade em se colocar 
em contato

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.