A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
99 pág.
Curso Joomla

Pré-visualização | Página 15 de 15

backup 
 
95 
 
O segundo passo, é criar em nossa hospedagem online um Banco de Dados 
(exatamente como fazemos no PHPMyAdmin do Xampp), a própria 
hospedagem fornecerá o host para conexão. 
 
O terceiro passo é termos um programa que realize o acesso via FTP com o site 
de destino (falaremos sobre um desses softwares em seguida) 
 
Por fim, necessitaremos de um pacote usado justamente para a restauração de 
sites em joomla, seu nome é Kickstart que também pode ser encontrado no 
mesmo site do Akeeba, procure por Kickstart Core 
 
 
 
Ao descompactar a pasta, perceba que existem diversos arquivos, porém, a 
maioria se refere ao idioma da instalação, ou seja, iremos selecionar somente 
quatro arquivos e fazer o upload deles para a pasta principal de nosso site 
através de um programa de conexão FTP 
 
 
 
Por fim, coloque também na pasta de seu site o arquivo de backup do joomla. 
 
96 
 
Atenção: Portanto, na pasta principal do seu site deverá haver somente os 4 
arquivos do pacote kickstart (contando com o idioma) e o arquivo de backup, 
totalizando em 5 arquivos 
 
Agora, basta acessar o endereço do seu site, colocando “/kickstart.php” (sem 
aspas) ao término do mesmo, ficando algo como: 
 
http://www.filmes.com.br/kickstart.php 
 
Se tudo estiver OK, aparecerá uma mensagem de instruções referente o 
Kickstart e em seguida ele começará a realizar a restauração 
 
OBS: Será preciso durante o processo, colocar as informações do banco de 
dados criado no segundo passo e em hipótese alguma altere o campo “prefixo 
das tabelas” caso contrário, o site ficará desconfigurado. 
 
Ao término do processo, assim como na instalação inicial do joomla, ele pedirá 
para que você exclua a pasta “instalation” 
 
Utilizando o FileZilla 
 
Antes de falarmos especificamente sobre o software Filezilla, precisamos 
entender o que significa o protocolo FTP 
 
Para quem trabalha com criação de sites e blogs já está bem familiarizado 
como o termo FTP, porém para os iniciantes, este termo parece um bicho de 
sete cabeças, mais será? Então, o que significa FTP? 
 
FTP - File Transfer Protocol (Protocolo de Transferência de Arquivos), nada 
mais é do que um sistema de transferência de arquivos cliente / servidor. 
 
Isto quer dizer, que utilizando este protocolo ("protocolo" = conjunto de 
regras ou normas que governam as interações entre computadores) você 
poderá enviar e receber arquivos do seu computador (cliente) para o host 
(servidor) onde fica hospedado o seu site ou blog. 
 
O FTP é a forma mais rápida e mais fácil de transferir arquivos, e hoje a mais 
utilizada na internet. 
 
Para que você utilize o FTP através de programas como o Filezilla, 
SmartFTP, CoreFTP entre outros, é necessário você conhecer 
o Host (caminho para localizar o servidor), login (nome do usuário) e 
a senha. Estas informações são enviadas pelo administrador do servidor onde 
você hospeda o seu site 
 
O FileZilla é um dos mais utilizados e pode ser baixado em diversos sites, para 
utilizar o processo é bem simples, vejamos: 
97 
 
 
 
 
Quando contratamos um serviço de hospedagem, recebemos os dados de 
acesso ao FTP de nosso site (na verdade, login e senha). 
 
O host, nada mais é que o nome do site (sem o “www”) 
 
Em geral, o campo “porta” deve ser preenchido com o número 21, todavia, se o 
mesmo ficar em branco, a conexão funcionará da mesma forma 
Com a conexão estabelecida, será possível visualizar na área inferior direita as 
pastas do site e fazer downloads ou uploads. 
 
É possível, por exemplo, iniciar um projeto já de forma online, bastando enviar 
O CONTEÚDO da pasta do joomla para dentro da pasta principal do site, dessa 
forma, ao acessá-lo pela primeira vez, aparecerá a tela de configuração do 
sistema 
 
 
Adaptando o site para dispositivos móveis 
 
O que é um site responsivo? 
Um site é considerado responsivo quando consegue se adaptar as diferentes 
resoluções de telas e dispositivos. Isso quer dizer que caso você acesse um site 
responsivo em um smartphone todo o layout se adaptará ao tamanho da tela 
priorizando os elementos principais do seu site 
 
Os sites responsivos possuem inúmeras vantagens e garantem que todo o 
conteúdo do seu site esteja disponível para todos os dispositivos que o usuário 
preferir utilizar. A relação custo/benefício é bastante considerável e sites já 
existentes podem ser convertidos para responsivo. 
 
Números sobre o usos de smartphones 
check 39% da população brasileira possui um smartphone 
check 82% destas pessoas pesquisam informações de produto 
check 30% efetuam compras pelos smartphones 
 
Atualmente, desenvolver um site responsivo ainda é um diferencial que pode 
elevar o valor de um projeto. O Joomla possui diversos templates que são 
responsivos bem como componentes e módulos que também se adaptam a 
dispositivos móveis. 
 
98 
 
Iremos dar apenas um pequeno exemplo do qual poderoso pode ser uma 
extensão joomla relacionada a essas técnicas, o template que instalamos como 
exemplo em um de nossos capítulos (Yoo Master) é responsivo e possui uma 
área de configuração muito interessante, vamos dar uma olhada 
 
Acesse Extensões – Gerenciador de Temas e clique em YooMaster 
 
Agora clique em Modules 
 
 
 
Nessa tela são apresentados todos os módulos instalados e suas respectivas 
posições, até ai, sem novidades, no entanto verifique a última coluna (display) 
e perceba que existem três ícones, sendo um monitor, um tablet e um celular. 
 
Por padrão, todos estão ativos, mas ao clicar é possível desativar a visualização 
de um determinado módulo em uma, duas ou mesmo nas três telas (o que faria 
com que o módulo não fosse mais visto) 
 
 
 
Isso significa que é possível ter módulos que aparecerão somente em uma tela 
semelhante ao tablet. 
 
 
 
99 
 
 
 
Mas qual a vantagem disso? 
 
É preciso compreender que nem sempre todo o conteúdo que é visto em um 
monitor deve ser apresentado em outras telas. Em outros dispositivos o que 
vale é a rapidez na qual encontramos as informações, essa forma, é possível 
filtrar e permitir que somente o conteúdo realmente relevante seja visto. 
 
Outro ponto importante é que pode haver algum módulo que não seja 
responsivo e deixá-lo ativo em outras telas faria com que o mesmo aparecesse 
distorcido, sendo assim, seria mais interessante apresentar esse conteúdo em 
outro módulo que seja responsivo e apresentá-lo nas outras telas. 
 
Enfim, existem diversas possibilidades para que possamos adaptar o site e 
apresentá-lo de forma a ter uma ótima usabilidade. Lembrando que citamos 
somente algumas parametrização com o YooMaster, sendo que existem 
centenas de outras extensões que possibilitam desenvolvermos um bom site 
responsivo