Estudo de caso
1 pág.

Estudo de caso

Disciplina:Didática16.299 materiais293.719 seguidores
Pré-visualização1 página
A professora Carolina selecionou os conteúdos discutidos no bimestre, esses conteúdos foram organizados em exercícios avaliativos a partir de enunciados como:
1. “Leia a frase e complete-a, escrevendo nas linhas o verbo no tempo indicado”.
2. “Marque F (falso) ou V (verdadeiro) para as afirmações
sobre a composição do ar”.
3. “Assinale com um X a alternativa correta sobre os estados brasileiros”.
4. “Relacione a coluna A com a coluna B, marcando dentro dos parênteses da coluna B o número correspondente à capital do Estado que está na coluna A”.
Como você mediaria a proposta avaliativa da professora Carolina para que houvesse uma articulação com a prática pedagógica e para que a avaliação não fosse somente somativa e desarticulada? Como mediar essa professora na organização da avaliação, visto que a avaliação deve contemplar os eixos oralidade, leitura e escrita com objetivos específicos e claros? 
Como deve ser organizada uma avaliação para que ela seja significativa e contextualizada e esteja articulada com a práxis pedagógica?

A prática da avaliação proposta pelas PCN's tem como objetivo reunir um conjunto de resultados práticos e dinâmicos do ensino com o intuito de desenvolver a estrutura escolar.

Por isso, é interessante que a educadora coloque em prática alguns pressupostos básicos para apresentar o conteúdo e somente após essa apresentação ele poderá avaliar os alunos:

O exercício de direitos e deveres políticos, civis e sociais, adotando, no dia-a-dia, atitudes de solidariedade (Relacionando com o conteúdo didático).