A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
Questionário SOLDAGEM

Pré-visualização | Página 1 de 3

Defina o processo de Soldagem? Justifique o uso dessa definição.
R: Operação que visa obter a coalescência localizada produzida pelo aquecimento até uma temperatura adequada, com ou sem a aplicação de pressão e de metal de adição. O metal de adição, ou possui ponto de fusão aproximadamente igual aos metais de base, ou possui ponto de fusão abaixo daquele dos metais, mas acima de 450 ºC . (Definição adotada pela AWS - American Welding Society).
O que é soldagem Autógena? Explique e caracterize este tipo de soldagem.
R: Solda autógena é a categoria de processos de soldagem nos quais não se utiliza metal de adição. A exposição da junta a uma fonte térmica (ex.: chama de um maçarico, arco voltaico, feixe de laser ou feixe de elétrons) leva os metais à fusão.
Na soldagem dos metais, devido às alterações metalúrgicas que são observadas na região da solda (incluindo suas vizinhanças), uma região é de grande importância: a ZTA, ou Zona Termicamente Afetada. Dessa forma, podemos inferir que: 
A Zona Termicamente Afetada (ZTA), também denominada de Zona Afetada pelo Calor (ZAC) é a região compreendida entre a zona fundida e o metal de base não afetado termicamente. PORQUE 
Trata-se de uma região que sofreu modificação das propriedades mecânicas e/ou metalúrgicas, devido à imposição do aquecimento (mudança brusca de temperatura) decorrente da operação de soldagem e/ou corte. De acordo com o texto base, podemos afirmar que: 
As assertivas I e II estão corretas e se complementam. (X)
As assertivas I e II não estão corretas. 
A assertiva I está correta, mas a assertiva II não está correta. 
A assertiva I não está correta, mas a assertiva II está correta. 
As assertivas I e II estão corretas, mas não se complementam.
Nas soldagens TIG e MIG/MAG há algumas diferenças que as tornam específicas para determinadas aplicações e situações.
Sendo assim, considere as seguintes afirmativas:
( ) Na soldagem MIG/MAG, pode-se usar tanto corrente contínua (CC) como alternada (AC), ao passo que na TIG só é possível usar corrente contínua (CC). 
( ) Tanto na soldagem TIG como na MIG/MAG pode-se utilizar gás de proteção puro ou misturado em proporções adequadas. 
( ) O eletrodo da solda TIG não é considerado consumível, pois tem apenas a função de conduzir corrente elétrica para fundir o metal de solda e de adição. 
( ) A solda TIG, quando faz uso de CC, é indicada para soldagem de aço carbono, baixa/alta liga, inoxidáveis, prata e cobre e suas ligas.
Com base na sequência de valores lógicos V (verdadeiro) e F (falso), das afirmações anteriores, marque a alternativa que contém a ordem correta:
F – V – V – V. (X)
V – F – F – V. 
F – V – F – V. 
V – F – F – F. 
F – F – V – V.
Considere os seguintes processos de soldagem: (A) Oxi-gás. (B) MIG/MAG. (C) TIG. (D) Arco submerso.
Os processos de soldagem apresentados nos itens de (A) até (D), têm os seguintes elementos de soldagem (consumíveis ou não), apresentados nos itens de (I) até (IV): 
Eletrodo nu permanente (sem desgaste). 
Arame de solda revestido ou não. 
Fluxo granular e eletrodo (arame) consumível. 
Maçarico e eletrodo de preenchimento.
Assinale a alternativa que apresenta a associação correta: 
a) A – II; B – I; C – III; D – IV. 
b) A – III; B – IV; C – I; D – II. 
c) A – I; B – II; C – III; D – IV. 
d) A – II; B – III; C – IV; D – I. (X)
e) A – IV; B – II; C – I; D – III.
Sobre os processos de soldagem, é correto afirmar:
O arco elétrico de soldagem consiste de uma descarga elétrica sustentada por um gás ionizado em alta temperatura, que produz energia elétrica suficiente para ser usado na união de peças por fusão localizada.
A soldagem a arco com eletrodo revestido é um processo que produz a união entre metais pelo aquecimento destes com um arco elétrico estabelecido entre um eletrodo metálico revestido e a peça que está sendo soldada. (X)
No processo TIG, a união das peças metálicas é produzida pelo aquecimento e fusão delas por meio de um arco elétrico estabelecido entre um eletrodo de tungstênio consumível e as peças a unir, sendo utilizados gases como proteção.
Nos processos MIG/MAG, a união de peças metálicas é produzida pelo aquecimento delas com um arco elétrico estabelecido entre um eletrodo metálico não consumível e a peça de trabalho, sendo utilizados gases como proteção.
O processo de soldagem
I. a arco com eletrodos revestidos é pouco sensível a correntes de ar, porém, não é adequado para soldar aço ligado.
II. a arco submerso deve ser executado na posição plana ou horizontal.
III. MIG − Metal Inert Gas permite altas velocidades de soldagem.
IV. TIG − Tungsten Inert Gas utiliza um eletrodo de tungstênio, produzindo soldas de alta qualidade a altas velocidades de soldagem.
Está correto o que se afirma APENAS em
I e IV.
II e III. (X)
I, II e III.
II e IV.
II, III e IV.
A Operações de soldagem são técnicas de fabricação que promovem a junção de duas ou mais peças para formar um único componente, assegurando a continuidade de propriedades metalúrgicas e mecânicas.
As operações de soldagem apresentadas a seguir têm suas características adequadamente apresentadas, EXCETO a operação por
Eletrodo revestido, em que a dureza da zona fundida depende da composição química do eletrodo.
Centelhamento, em que a zona termicamente afetada permanece na junta soldada. (X)
TIG, em que o eletrodo sofre desgaste.
MAG, em que o eletrodo é fusível.
MIG, em que o arco elétrico é estabelecido entre o eletrodo e a peça.
Identifique as soldagens conforme as figuras abaixo. Cite somente as desvantagens.
 
 A – ARCO SUBMERSO 
 DESVANTAGENS: 
 Limitada a posição plana e horizontal devido a grande poça de fusão; 
	Dificuldade em se soldar em lugares com restrição de espaço, pois os equipamentos são de grande porte;
	O chanfro deve ser regular e a ajustagem da junta bastante uniforme.
	Necessidade de se remover escória a cada passe de soldagem;
Impossibilidade de se fazer observação direta da região do arco.
B – TIG
	DESVANTAGENS: 
 Pouco portátil (cilindros de gases)
	Não é recomendado para áreas abertas devido aos ventos
	O metal base deve estar muito bem limpo
 	Baixas taxas de deposição
	Depende da habilidade do soldador
	Processo muito lento
	Inadequado para soldagem de chapas acima de 8-10mm, para os quais outros processos a arco são mais 	indicados.
Grande emissão de radiação ultravioleta
C – MIG/MAG
DESVANTAGENS:
 Regulagem do processo bastante complexa;
 Não aplicável a zonas de difícil alcance;
 Não deve ser utilizado em presença de corrente de ar 
 Probabilidade elevada de gerar porosidade no cordão de solda;
 Produção de respingos 
 Manutenção mais trabalhosa
 Alto custo do equipamento em relação a Soldagem com Eletrodo Revestido 
 Alto custo do arame consumível para uso em alumínio e aço inoxidável
Sobre os processos de soldagem, é correto afirmar:
O arco elétrico de soldagem consiste de uma descarga elétrica sustentada por um gás ionizado em alta temperatura, que produz energia elétrica suficiente para ser usado na união de peças por fusão localizada.
A soldagem a arco com eletrodo revestido é um processo que produz a união entre metais pelo aquecimento destes com um arco elétrico estabelecido entre um eletrodo metálico revestido e a peça que está sendo soldada. (X)
No processo TIG, a união das peças metálicas é produzida pelo aquecimento e fusão delas por meio de um arco elétrico estabelecido entre um eletrodo de tungstênio consumível e as peças a unir, sendo utilizados gases como proteção.
Nos processos MIG/MAG, a união de peças metálicas é produzida pelo aquecimento delas com um arco elétrico estabelecido entre um eletrodo metálico