Buscar

questoes estatuto da OAB

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Prévia do material em texto

Maria da Conceição Soares Pacheco em 07/07/2018 propôs ação de guarda de tutela de urgência em face de Bernardo Henrique Soares Pacheco e Marcela Carolina Moreira de Abreu.
Os réus da presente ação são pais de Maria Isis Moreira Pacheco de 2 anos de idade. A autora é avó paterna da menor, que manifestou interesse em cuidar da criança uma vez que, o réu Bernardo se encontra na penitenciária e a ré não possui interesse em cuidar da criança. 
A menor reside com a avó paterna, porém a ausência de regularização da guarda vem causando dano a menor, motivo do pedido de tutela de urgência. A autora da ação Maria Conceição pleiteia a Guarda de sua neta Maria Isis, filha de Marcela Carolina que não é presente na vida da criança e de Bernardo Henrique que se encontra preso.
A autora requer a guarda provisória da menor, já protocolada petição e expedido pedido de citação em 26/07/2018. Foi realizada uma audiência de conciliação no dia 30/08/2018, os réus concordaram que a guarda da menor deveria ficar com requerente, uma vez que os mesmos não possuíam interesse em obtê-la, tal decisão foi homologada por sentença.
Pede-se arquivamento.

Materiais relacionados

Perguntas relacionadas

Perguntas Recentes