A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
RESUMO ANATONIA CABEÇA E PESCOÇO

Pré-visualização | Página 1 de 2

Resumo Anatomia Cabeça e Pescoço
Esqueleto Cefálico
· Divisão do Esqueleto (206 ossos): 
· 
· Esqueleto axial (80 ossos):
· Cabeça: 28 ossos 
· Vertebras + hióide: 27 ossos
· Caixa Torácica: 25 ossos
· Esqueleto apendicular (126 ossos):
· Cintura Escapula: 4 ossos
· Membros Superiores: 60 osso 
· Cintura Pélvica: 2 ossos
· Membros Inferiores: 60 ossos
· Variação do numero de ossos no esqueleto:
· Fatores etários: 
· Crianças 
· Adultos
· Idosos 
· Fatores individuais:
· Ossos supranumerários 
· Critérios de contagem 
· Composição química:
· Classificação:
· Planos: 
· Escapula, esterno, frontal e parietais
· Irregulares:
· Esfenoide, temporal, vertebra
· Pneumáticos:
· Frontal, esfenoide, etmoide, maxila, temporal (processo mastoide)
· Funções:
· 
· Proteção do encéfalo;
· Proteção de órgãos dos sentidos;
· Fixação muscular;
· Fixação dos dentes;
· Esqueletopia de vasos sanguíneos e vernos;
· Reparo anatômico para anestesias;
· Anatomia radiológica;
· Tratamento de fraturas ósseas.
· Divisão do esqueleto cefálico:
· 
· Neurocrânio (6):
· Osso occipital
· Osso frontal
· Ossos parietais (2)
· Ossos temporais (2)
· Osso esfenoide 
· Osso etmoide
· Viscerocrânio (12):
· Ossos lacrimais (2)
· Ossos nasais (2)
· Conchas nasais inferiores (2)
· Ossos zigomáticos (2)
· Maxilas (2)
· Mandíbula 
· Vômer 
· Regiões comuns ao neurocrânio e viscerocrânio: Fossa peterigopalatina, Fossa infratemporal, órbita, cavidade nasal.
· Desenvolvimento do esqueleto cefálico:
· Intramembranáceo: Ocorre sobre uma peça de cartilagem hialina, se assemelhando ao osso que será formado.
· Frontal, parietal, parte escamosa do temporal, porção superior da escama do occipital, vômer, nasal, palatino, parte do processo pterigoide, asa maior do esfenoide, zigomático, maxila, maior parte da mandíbula.
· Endocondral: Quando as células mesodérmicas se transformam em células produtoras de cartilagem, antes do início da formação do osso.
· Maior parte do occipital, parte petrosa e mastoidea do temporal, corpo e asa menor do esfenoide, etmoide, concha nasal inferior, côndilo da mandíbula. 
· Estrutura articular do esqueleto cefálico: 
· Articulações fibrosas (Sinartroses):
Suturas: 
· Denteadas/Serreadas: frontoparietal (sutura coronal), interparietal (sutura sagital), occipitoparietal (sutura lambdóidea), frontonasal, frontomaxilar, zigomaticomaxilar e palatina transversa. 
· Escamosas: temporoparietal.
· Planas: internasal, nasomaxilar, frontoetmoidal, intermaxilar, palatina mediana, palatomaxilar e vômero-etmoidal. 
Gonfose: 
· Alvéolo-dental (ligamento periodontal) e estilomastoidea.
Esquindilese: 
· Vomeroesfenoidal 
· ARTICULAÇÃO FIBROSA E OSSIFICAÇÃO INTRAMEMBRANOSA – fontículos (fontanelas): anterior, ântero-lateral, póstero-lateral e posterior.
· Articulações cartilagíneas:
Sincondrose:
· Esfenoccipital, esfenopetrosa, petrooccipital e esfenoetmoidal
· Articulação sinovial:
Diartroses:
· Condilar: temporomandibular (ATM)
· Plasticidade óssea:
· Estudo do esqueleto cefálico:
· 5 Normas: (vista externa ou interna)
· Frontal – frente
· Lateral – lado 
· Basilar – de baixo 
· Vertical – de cima
· Occipital - atrás 
· Base do crânio:
· Fossa Anterior:
· Lâmina crivosa do etmoide
· Canal óptico 
· Fossa Média:
· Fissura orbital superior
· Forame redondo
· Forame oval
· Fossa Posterior
· Meato acústico interno
· Forame jugular
· Canal do hipoglosso 
· Cavidade Nasal e Seios Paranasais: 
· Características faciais:
· Dolicocefálico: crânio longo com face estreita.
· Mesocefálico: tamanho médio.
· Braquicefálico: crânio largo com face larga.
Articulação Temporomandíbular
ATM
· Anatomia e fisiologia da ATM:
· Articulação sinovial (capsula articular/ membrana sinovial/ liquido sinovial);
· Possui superfícies articulares recobertas por tecido fibroso avascular; 
· Interdependência funcional entre ATM direita e esquerda (articulação dupla);
· Disco articular interposto entre côndilo mandibular e fossa mandibular (fibrocartilagem);
· Componentes da ATM:
· Disco Articular: fixo ao côndilo pelos ligamentos colaterais, lateral e medial, o disco articular subdivide a cavidade articular em duas partes independentes: cavidades supradiscal e infradiscal. 
· Ligamentos da ATM:
· Ligamento temporomandíbular – tubérculo articular a colo do côndilo.
· Capsula articular;
· Ligamento esfenomandibular – espinha do esfenoide a língula da mandíbula. 
· Ligamento estilomandibular – processo estiloide do temporal a ângulo da mandíbula. 
· Movimentos da ATM: 
· Rotação: giro do côndilo em seu próprio eixo no interior da fossa mandibular 
· Translação: deslocamento anterior do côndilo em direção a eminência articular, saindo da fossa mandibular. 
Músculos
· Músculos da Mastigação:
· Musculo Masseter
 Porção Superficial – margem inferior do arco zigomático ate a sutura zigomático-temporal.
· Origem: 
 Porção Profunda – de toda a margem inferior do arco zigomático.
· Inserção – tuberosidade massetérica.
· Ação – elevador da mandíbula (ação principal) e a parte superficial desloca a mandíbula para frente (ação secundaria). 
· Musculo Temporal:
· Origem - linha temporal inferior; lamina profunda da fáscia temporal.
· Inserção - ápice e face medial do processo coronóide da mandíbula.
· Ação – elevação (fibras verticais e obliquas) e retração (fibras horizontais) da mandíbula.
· Musculo Pterigoideo Medial: 
· Origem – fosssa pterigoidea; parte do processo piramidal do palatino; face medial da lamina lateral do processo pterigoide.
· Inserção – tuberosidade pterigoidea da mandíbula.
· Ação – eleva a mandíbula (ação principal) e desloca ligeiramente pra frente (ação secundaria).
· Musculo Pterigoideo Lateral: 
· Origem da Cabeça Inferior – face lateral da lamina lateral do processo pterigoide.
· Origem da Cabeça Superior – superfície infra-temporal da asa maior do esfenoide.
· Inserção – fóvea pterigoidea e parte superior da capsula articular e disco da ATM.
· Ação - lateralidade e protrusão da mandíbula.
· A INSERÇÃO DE TODOS OS MUCULOS DA MASTIGAÇÃO SERÁ NA MANDIBULA. 
· Músculos Cutâneos:
· M. occipitofrontal
· Ventre frontal
· Origem: gálea aponeurótica.
· Inserção: pele do supercílio e da raiz do nariz.
· Ação: eleva a pele da fronte e supercílios.
· Ventre occipital
· Origem: linha nucal superior (osso occipital) até as proximidades do processo mastóideo (osso temporal).
· Inserção: gálea aponeurótica.
· Ação: tenciona a gálea aponeurótica, tracionando para trás o couro cabeludo, facilitando a ação do ventre anterior.
· Mm. Auriculares
· Origem: gálea aponeurótica e processo mastóideo.
· Inserção: pele de diferentes setores da região auricular.
· Ação: normalmente se encontram atrofiados nos seres humanos.
· M. orbicular do olho
· Origem: ligamento palpebral medial, no processo frontal da maxila e no osso lacrimal.
· Inserção: pálpebras e pele periorbital
· Ação: Parte palpebral – fechamento das pálpebras. Parte orbital – fechamento forçado das pálpebras (determina o aparecimento de rugas cutâneas da parte lateral da órbita).
· M. corrugador do supercílio
· Origem: margem supra-orbital do osso frontal.
· Inserção: pele do supercílio.
· Ação: abaixa a parte medial do supercílio e as aproxima medialmente.
· M. prócero
· Origem: ossos nasais.
· Inserção: pele entre os supercílios.
· Ação: abaixa a pele entre os supercílios.
· M. nasal
· Origem: eminência canina na maxila.
· Inserção: pele do dorso do nariz.
· Ação: dilata as narinas (fibras anteriores) e estreita o diâmetro transversal das narinas (fibras posteriores).
· M. orbicular da boca
· Origem: margem lateral da fosseta incisiva (superiormente), eminência alveolar do dente canino (inferiormente) e face profunda da pele dos lábios.
· Inserção: ângulo da boca.
· Ação: fechamento da rima da boca. Atua nos atos de soprar, sugar, beijar e assobiar.
· M. bucinador
· Origem: processo alveolar da maxila, fossa retromolar e ligamento pterigomandibular.
· Inserção: pele do ângulo da boca.
· Ação: puxa lateral e posteriormente