A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
3 pág.
Exercício Anti-inflamatórios

Pré-visualização | Página 1 de 1

Descreva o mecanismo de ação dos anti-inflamatórios não-esteroidais. 1.
Os AINE’S inibem a COX 1, impedindo a formação das prostaglandinas e surgimento de 
sintomas da dor, febre, inflamação e coagulação. 
 
2. Por que os anti-inflamatórios conseguem aliviar a dor, febre e edema? Quais os 
mediadores químicos envolvidos no processo? 
Inibem a formação das prostaglandinas e dos PGE, PGF e TBX, diretamente envolvidos no 
processo inflamatório envolvendo dor, febre e edema. 
 
3. Quais são os principais efeitos adversos dos anti-inflamatórios não-esteroidais? 
Risco de hemorragia devido a função anti-plaquetária, risco de desenvolver insuficiência 
renal, efeitos gastrointestinais e risco cardiovascular devido ao aumento da retenção 
hídrica e vasoconstrição. 
 
4. Qual é a indicação terapêutica do AAS? Ele tem um potente efeito anti-
inflamatório? 
Analgésico, antipirético e anticoagulante, com fraco efeito anti-inflamatório. 
 
5. Por que o AAS não deve sere utilizado por pacientes hemofílicos e/ou com suspeita 
de dengue? 
O AAS é um importante antiplaquetário ao diminuir o tromboxano, podendo causar 
hemorragia em pacientes hemofílicos e com suspeita de dengue (forma grave). 
 
6. Que efeitos adversos graves podem surgir com o uso prolongado de dipirona? 
tremores, náuseas e reações alérgicas (asma). 
 
7. Qual é o principal efeito adverso do paracetamol? 
Hepatoxicidade. 
 
8. Quais são as principais indicações terapêuticas do diclofenaco? 
Lesões musculoesqueléticas, tendinites, bursitis. 
 
9. Quais são os principais efeitos adversos do ibuprofeno/naproxeno? 
Alteram a função plaquetária, o tempo de sangramento e ulceras gastrointestinais. 
 
t0. Quais são as diferenças entre COX 1 e COX 2? 
A COX 1 é encontrada na maioria das células e tem função homeostática, enquanto a COX 2 
está diretamente envolvida nos processos inflamatórios e suas respostas. 
 
11. Por que o coxibes e a nimesulida não causam tantos efeitos adversos 
gastrintestinais? Explique o mecanismo. 
Não afetam a COX-2 de “manutenção” encontrada no trato GI, nos rins e plaquetas. 
 
12. Explique a diferença entre os comprimidos comuns, SR, XR e RETARD. 
Trata da velocidade da liberação para ser metabolizada. 
SR: Liberação sustentada, ou seja, uma rápida liberação de parte do princípio ativo e puma 
liberação gradual da dose restante. 
XR: liberação estendida, ou seja, manter a liberação por mais tempo. 
RETARD: Liberação retardada, acontece quando a liberação do principio TiVo é efetuada 
após um determinado tempo da administração do medicamento. 
 
13. Quais são as doses e posologia usuais dos fármacos AINES estudados? 
 
 
14. O que são hormonios esteroides? Quais são os principais hormonios esteroides do 
organismo humano? 
São hormônios produzidos pelas Adrenais que são considerados hormônios do estresse, 
ativando resposta do corpo ante situações de emergência, aumentando a PA e a glicemia 
para suprir a demanda energética. Estimula quebra de proteínas, gorduras e pvodeicnai a 
metabolização de glicose no fígado. 
 
15. Quais são os diferentes mecanismos de ação dos Corticoides? 
Agem em receptores nucleares. 
 
16. De que forma os Corticoides alteram o eixo hipotálamo-hipófise-adrenal? 
Os Corticoides ativam feedback negativo suprimindo o eixo 
 
17. Qual a principal consequência da elevada atividade mineralocorticoide de alguns 
Corticoides? 
Edema, retenção de liquido. 
 
18. Quais são as indicações terapeuticas dos Corticoides? 
Doenças inflamatórias crônicas, disturbios alérgicos, do colágeno, autoimunes. 
 
19.Dê exemplos de Corticoides de ação curta, média e longa. 
Curta: Hidrocortisona, Cortisona e Prednisona. 
Média (intermediária): Triancinolona, Parametasona e Fluprednisolona. 
Longa: Betametasona e Dexametasona. 
 
20. Por que se deve usar os Corticoides por um pequeno período e porque não deve-se 
parar o uso desses medicamentos de forma abrupta? 
Se usar por período prolongado pode causar a Síndrome de Cushing. E se não ocorrer 
desmame gradual, pode causar a Síndrome Addisoniana, atrofiando as adrenais. 
 
21. Por que os Corticoides podem causar uma crise addisoniana? Quais são os 
principais sintomas? 
Fraqueza, fadiga, perda de peso, hipotensão e incapacidade de manter o nível de glicemia 
em jejum. O uso prolongado de Corticoides e sem desmame correto e administrado, pode 
causar atrofia das adrenais e prejudicar a síntese de cortisol e de Corticoides no 
organismo. 
 
22. Por que os Corticoides podem causar Síndrome de Cushing? Quais os principais 
sintomas? 
Porque o excesso de Corticoides em um período prolongado causa hiperplasia suprarrenal 
secundária a um adenoma hipofisário, surgindo sintomas como abdomen em pêndulo, 
estrias vermelhas, hiperglicemia, côncava de búfalo, face de lua cheia e cicatrização 
deficiente.