A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
28 pág.
150 questões comentadas do SUS

Pré-visualização | Página 2 de 20

ações e serviços nas seguintes áreas, exceto a 
de: 
A) vigilância epidemiológica e sanitária. 
B) alimentação e nutrição. 
C) saúde do trabalhador. 
D) saúde da criança e adolescente. 
18.(UFMA 2011) Não é de competência do Sistema 
Único de Saúde (SUS): 
A) Participar do controle e fiscalização de produção, 
transporte, guarda e utilização de substâncias de produtos 
psicoativos, tóxicos e radiológicos. 
B) Comercializar órgãos, tecidos e substâncias para fins de 
transplantes, pesquisas e tratamentos. 
C) Incrementar em sua área de atuação o desenvolvimento 
científico e tecnológico. 
D) Ordenar a formação de recursos humanos na área de 
saúde. 
E) Controlar e fiscalizar procedimentos, produtos e 
substâncias de interesse para a saúde. 
19.As ações de saúde, executados pelos Sistema Único 
de Saúde (SUS) que são responsabilidades comuns à 
União, Estados, Distrito Federal e Municípios são: 
a)formar consórcios administrativos intermunicipais 
b)gerir laboratórios públicos de saúde e hemocentros 
c)formular, avaliar e apoiar políticas de alimentação e 
nutrição 
d)definir e coordenar os sistemas de vigilância sanitária 
e)elaboração e atualização periódica do plano de saúde 
20.Marque a alternativa que corresponde a uma 
competência da direção municipal do Sistema Único 
de Saúde 
a)coordenar a política de saúde do trabalhador 
b)formar consórcios administrativos intermunicipais 
c)promover articulações com órgãos educacionais 
d)formular políticas de alimentação e nutrição 
e)coordenar os sistemas de vigilância sanitária 
21.A articulação das políticas e programas, a cargo das 
Comissões Intersetoriais, abrangerá, em especial, as 
seguintes atividades, EXCETO: 
a)alimentação e nutrição 
b)saneamento e meio ambiente 
c)recursos financeiros 
d)saúde do trabalhador 
e)ciência e tecnologia 
22.(UFRJ 2012) Em relação à Gestão Financeira do 
Sistema Único de Saúde (SUS), são critérios no 
estabelecimento de valores a serem transferidos a 
Estados, Distrito Federal e Municípios: 
APERFEIÇOAR SAÚDE – PREPARATÓRIO PARA CONCURSOS 
 
4 
MATERIAL ELABORADO PELA PROFESSORA ÉRICA OLIVEIRA 
Este curso é protegido por direitos autorais, nos termos da Lei n.º 9.610/1998. 
A) Desempenho técnico, econômico e financeiro no 
período anterior. 
B) Aprovação do Conselho Técnico e Administrativo do 
Sistema Único de Saúde e cronograma de desempenho. 
C) Identificação com divulgação dos fatores 
condicionantes e determinantes de Saúde. 
D) Assistência às pessoas por intermédio de ações de 
proteção, promoção e atenção em Saúde e cronograma 
financeiro. 
E) Cronograma de desembolso e de financeiro proposto. 
23.(UFG 2013) Com a finalidade de criar as condições 
para a implementação do Sistema Nacional de 
Informação em Saúde (SNIS), foi criado o 
Departamento de Informação e Informática em Saúde 
no Ministério da Saúde (MS), o que se constitui em 
marco histórico na consolidação do Sistema Único de 
Saúde (SUS). A atribuição ao MS de forma legal e 
específica de organizar o Sistema Nacional de 
Informação em Saúde (SNIS) é pertinente: 
A) À Lei n. 8.080, de 19 de setembro de 1990. 
B) À Portaria n. 687 MS/GM, de 30 de março de 2006. 
C) À Portaria GM n. 399, de 22 de fevereiro de 2006. 
D) Ao Decreto n. 7.508, de 28 de junho de 2011. 
24.A respeito do Plano de Saúde assinale a afirmativa 
que corresponde à periodicidade de elaboração desse 
instrumento do SUS 
a)4 anos 
b)6 meses 
c)2 anos 
d)3 anos 
e)1 ano 
25.(AOCP-2017) A seguridade social compreende um 
conjunto integrado de ações de iniciativa dos Poderes 
Públicos e da sociedade. De acordo com a Constituição 
Federal de 1988, compete ao Poder Público organizar 
a seguridade social com base no(s) seguinte(s) 
objetivo(s): 
(A) pluralidade e distinção dos benefícios e serviços às 
populações urbanas e rurais. 
(B) igualdade na forma de participação no custeio. 
(C) redutibilidade do valor dos benefícios, quando 
necessário, respeitando a reserva do possível. 
(D) seletividade e distributividade na prestação dos 
benefícios e serviços. 
(E) caráter discricionário e centralizado da administração, 
mediante gestão quadripartite, com participação dos 
trabalhadores, dos empregadores, dos aposentados e do 
Governo nos órgãos colegiados. 
26.(UFPR-2017) De acordo com a Constituição Federal 
de 1988, em seu artigo 198, §1º, as esferas 
responsáveis pelo financiamento do SUS são: 
a) Seguridade Social, União, Estados, Municípios e Distrito 
Federal. 
b) Empresas Privadas, União, Estados e Municípios. 
c) Fundos de Previdência Complementar, Empresas 
Privadas e Empresas Estatais. 
d) Universidades e Fundos de Previdência Social e 
Privados. 
e) Bancos Privados, Fundos de Investimento Nacional e 
Internacional e Seguridade Social. 
27.(SESACRE-2013) A Constituição Federal legitima o 
direito de todos os cidadãos às ações de saúde em 
todos os níveis, assim como explicita que o dever de 
prover esse direito é responsabilidade do Poder 
Público. A respeito do que estabelece essa lei sobre o 
SUS, analise: 
I. Uma das atribuições do Sistema Único de Saúde é 
incrementar, em sua área de atuação, o desenvolvimento 
científico e tecnológico. 
II. É vedada a destinação de recursos públicos para 
auxílios ou subvenções às entidades filantrópicas. 
III.A União, os Estados, o Distrito Federal e os Municípios 
aplicarão, anualmente, em ações e serviços públicos de 
saúde, o mínimo de 10% das arrecadações previstas em lei 
para este fim. 
Assinale: 
A) se somente a afirmativa I estiver correta. 
B) se somente a afirmativa II estiver correta. 
C) se somente a afirmativa III estiver correta. 
D) se somente as afirmativas I e II estiverem corretas. 
E) se somente as afirmativas II e III estiverem corretas 
28.(SESACRE 2014) A institucionalização do direito à 
saúde a todos os cidadãos brasileiros se deu a partir 
da: 
A) Criação da lei orgânica da saúde. 
B) Promulgação da Constituição Federal de 1988. 
C) Criação do Conselho Nacional de Saúde. 
D) Aprovação do Decreto nº 7.508, de 2011. 
E) Publicação da Norma Operacional Básica. 
29.(SESACRE 2014) A partir da nova Constituição 
Federal de 1988, a única condição para se ter direito 
de acesso aos serviços e ações de saúde é: 
A) não ser indigente. 
B) ser cadastrado no SUS. 
C) necessitar desses serviços. 
D) ser contribuinte previdenciário. 
E) ter um emprego formal. 
30. (SESACRE 2013) O SUS é uma grande conquista 
social que nasceu com a Constituição Federal de 1988 
e representa a materialização de uma nova concepção 
a respeito da saúde no Brasil. Considerando o que 
dispõe a Carta Magna a respeito das atribuições desse 
sistema, analise: 
I. Compete ao SUS fiscalizar e inspecionar alimentos, água 
e bebidas para consumo humano. 
II. Participar da formulação da política e da execução das 
ações de saneamento básico não é uma das atribuições do 
SUS. 
III. Ordenar a formação de recursos humanos na área da 
saúde não integra o campo de atuação do SUS. 
Assinale: 
A) se somente a afirmativa I estiver correta. 
B) se somente a afirmativa II estiver correta. 
C) se somente a afirmativa III estiver correta. 
D) se somente as afirmativas I e II estiverem corretas. 
E) se somente as afirmativas II e III estiverem corretas. 
APERFEIÇOAR SAÚDE – PREPARATÓRIO PARA CONCURSOS 
 
5 
MATERIAL ELABORADO PELA PROFESSORA ÉRICA OLIVEIRA 
Este curso é protegido por direitos autorais, nos termos da Lei n.º 9.610/1998. 
31.(SESACRE 2014) A organização das unidades de 
saúde segundo o grau de complexidade tecnológica 
dos serviços, estabelecendo uma rede que articula as 
unidades mais simples às mais complexas, remete ao 
seguinte princípio do SUS: 
A) Universalidade. 
B) Integralidade. 
C) Descentralização. 
D) Hierarquização. 
E) Equidade. 
32.(SESACRE 2014) Quando se fizer necessária