A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
8 pág.
Análise de tema: Glamourização do álcool

Pré-visualização | Página 1 de 2

Significado De “Glamour”: 
Charme e encanto que possui alguém ou 
algo (local, desporto, etc.) atraente, 
sofisticado, interessante e que está 
na moda. Assim, glamourização se refere 
ao ato ou efeito de glamourizar, de tornar 
glamorouso, atraente ou desejável. 
Fonte: 
https://www.infopedia.pt/dicionarios/lingu
a-
portuguesa/glamouriza%C3%A7%C3%A3o 
 
Consumo de álcool cresce no 
Brasil e provoca cada vez 
mais danos 
Números da Organização Mundial da 
Saúde (OMS) demonstram que o consumo 
de bebidas alcoólicas pelos brasileiros 
acima de 15 anos acelerou em uma 
década: se em 2006 o consumo per capita 
anual era de 6,2 litros de álcool puro, em 
2016 essa média pulou para 8,9 litros. 
O aumento é de 43,5. 
O consumo nacional está acima da média 
mundial, de 6,4 litros. Além disso, o Brasil é 
o terceiro país na América Latina e o quinto 
em todo o continente com o maior 
consumo de álcool per capita, ficando atrás 
apenas de Canadá (10 litros), Estados 
Unidos (9,3 litros), Argentina (9,1 litros) e 
Chile (9 litros). 
“O álcool é a substância psicoativa com 
maior consumo e dependência no Brasil”, 
afirma o psicólogo Telmo Ronzani. Dados 
epidemiológicos nacionais demonstram 
que há um consumo cada vez mais cedo 
entre os jovens e que cerca de 13% da 
população apresenta um quadro de 
dependência alcóolica. 
Fonte: 
https://www.cartacapital.com.br/sociedad
e/consumo-de-alcool-cresce-no-brasil-e-
provoca-cada-vez-mais-danos/. 
Fonte: 
http://reporterunesp.jor.br/2017/06/28/cu
ltura-do-alcool-dos-filmes-da-publicidade-
e-do-habito-real/ 
Estudo revela perfil e relação 
entre pandemia e aumento 
na frequência de consumo 
de álcool 
https://www.infopedia.pt/dicionarios/lingua-portuguesa/glamouriza%C3%A7%C3%A3o
https://www.infopedia.pt/dicionarios/lingua-portuguesa/glamouriza%C3%A7%C3%A3o
https://www.infopedia.pt/dicionarios/lingua-portuguesa/glamouriza%C3%A7%C3%A3o
https://www.cartacapital.com.br/sociedade/consumo-de-alcool-cresce-no-brasil-e-provoca-cada-vez-mais-danos/
https://www.cartacapital.com.br/sociedade/consumo-de-alcool-cresce-no-brasil-e-provoca-cada-vez-mais-danos/
https://www.cartacapital.com.br/sociedade/consumo-de-alcool-cresce-no-brasil-e-provoca-cada-vez-mais-danos/
http://reporterunesp.jor.br/2017/06/28/cultura-do-alcool-dos-filmes-da-publicidade-e-do-habito-real/
http://reporterunesp.jor.br/2017/06/28/cultura-do-alcool-dos-filmes-da-publicidade-e-do-habito-real/
http://reporterunesp.jor.br/2017/06/28/cultura-do-alcool-dos-filmes-da-publicidade-e-do-habito-real/
A Organização Pan-Americana da Saúde 
(Opas) realizou uma pesquisa no ano 
passado em que confirma uma 
preocupação levantada no início da 
pandemia: a intensificação do abuso de 
álcool durante o isolamento social. 
Os pesquisadores confirmaram o que já se 
imaginava: as bebidas alcoólicas 
são ingeridas para aliviar o estresse do dia 
a dia. Do total, 52,8% dos entrevistados 
que exageraram na dose relataram ao 
menos um sintoma emocional como 
ansiedade, nervosismo, insônia, 
preocupação, medo, irritabilidade e 
dificuldade para relaxar. Esse 
comportamento vale também para os 
benzodiazepínicos. 
Fonte: https://pebmed.com.br/consumo-
de-bebidas-alcoolicas-cresce-939-na-
quarentena/ 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
https://pebmed.com.br/ansiedade-e-o-transtorno-mais-comum-entre-os-brasileiros-durante-a-pandemia/
https://pebmed.com.br/ansiedade-e-o-transtorno-mais-comum-entre-os-brasileiros-durante-a-pandemia/
https://pebmed.com.br/consumo-de-bebidas-alcoolicas-cresce-939-na-quarentena/
https://pebmed.com.br/consumo-de-bebidas-alcoolicas-cresce-939-na-quarentena/
https://pebmed.com.br/consumo-de-bebidas-alcoolicas-cresce-939-na-quarentena/
Palavras-chave: 
 Glamourização 
 Abuso 
 Álcool 
 Sociedade brasileira 
 
Ideias para as teses (problematizando o tema!): 
 
 Por que existe uma hipervalorização da ingestão de álcool no Brasil? 
Exemplo de tese: Cultura do álcool enraizada no país verde e amarelo 
 
 Por que ainda não há campanhas que conscientizem de fato o uso moderado de 
bebidas alcóolicas no país? 
Exemplo de tese: Influência massiva da indústria de álcool através de campanhas 
publicitárias 
 
 Por que a parcela mais jovem da população é mais atraída a bebidas alcóolicas e 
glamouriza mais esse comportamento? 
Exemplo de tese: A população jovem é mais suscetível à influência do meio social no 
seu desenvolvimento enquanto ser pensante 
 
 
Discussão das teses e possíveis repertórios socioculturais 
 
O que a grande maioria dos brasileiros e brasileiras faz ao receber uma promoção? Ao ser 
despedido/despedida? Ao passar por uma grande decepção na vida? Ao sofrer por amor? A 
resposta para isso geralmente é: Beber, “encher a cara”, “beber todas”! 
 
Percebeu como em qualquer situação da vida do indivíduo é fácil dar a desculpa de que está 
bebendo por essa ou aquela razão? E de onde vem isso? O que gera esse comportamento 
exacerbado/exagerado nas pessoas? A resposta: a cultura do álcool. 
 
Segundo o Dicionário Oxford, o termo “glamourização” refere-se à ação de fazer algo ou 
alguém parecer glamoroso, desejável e falsamente especial. Análogo a esse conceito, 
hodiernamente, o ato de consumir bebidas alcoólicas de forma desmedida ganhou uma nova 
simbologia no Brasil, tornando-se sinônimo de poder, principalmente, entre os jovens. 
 
Não é de hoje que o brasileiro e a brasileira bebem para festejar, a bebida alcóolica virou 
símbolo de glamour e de ostentação para muitos, como forma de expressar sua presença 
marcante no mundo e de se afirmar como uma pessoa descontraída e jovem. No entanto, o 
que essas pessoas ignoram é que um uso desmedido do álcool pode gerar consequências 
irremediáveis para as suas vidas. 
 
Resumo das consequências do uso desmedido de álcool para a população: 
 
 “O uso de álcool está mais associado à morte do que todas as substâncias psicoativas 
ilícitas em conjunto”. Aqui temos que pensar não somente em jovens menores de 
idade, mas também entre pessoas de 20 a 30 anos, uma vez que essa faixa etária está 
mais presente nas estáticas de óbitos por acidentes de trânsito. 
 
 O uso exacerbado de bebida alcóolica acarreta uma série de problemas de saúde, a 
exemplo de cirrose, hepatite A e B, problemas no fígado, anorexia alcóolica, câncer e 
tantas outras. 
 
 Estar alcoolizado aumenta a chance de violência sexual, tanto para o agressor quando 
para a vítima. Essa é uma das mais tristes consequências de se estar alcoolizado nos 
caso das mulheres, uma vez que essas ficam mais suscetíveis a agressões físicas e a 
estupro, sem ter a chance de recorrer a ajuda – o que já é difícil quando não se está 
alcoolizada. 
 
 O uso de álcool na adolescência expõe o indivíduo a um maior risco de dependência 
química na idade adulta, sendo um dos principais preditores de uso de álcool nesta 
etapa da vida. Aqui analisamos como o uso de álcool na adolescência, por mais que 
pareça apenas uma fase em que os jovens acham que estão sendo populares e livres, é 
uma grande ameaça para o desenvolvimento psíquico do jovem, desde problemas de 
convívio social a problemas sério de saúde, como a dependência química. 
 
A cultura do álcool fala sobre como a grande mídia, os filmes, as músicas influenciam esse 
consumo de bebida alcóolica, como forma de festa, de diversão, de afirmação social, entre 
outros fatores. Filmes como “Se beber não case” demonstram como o ato de beber sempre e 
em todas as ocasiões é naturalizado, principalmente entre os mais jovens. 
Exemplo de introdução com o filme “Se beber não case”: 
 
Prosseguindo: 
 
A cultura do álcool também se dá por influência da família, em que o jovem se ver rodeado de 
adultos que consomem bebida alcóolica de forma rotineira e muitas vezes sem equilíbrio 
algum. Dessa forma os jovens aprendem que aquele comportamento é um modelo o qual