A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
70 pág.
53693055-pc-ce-policia-civil-do-estado-do-ceara-inspetor-e-escrivao-de-policia-civil-2-simulado

Pré-visualização|Página 1 de 70

SUA PROVA
TEMPO
NÃO SERÁ PERMITIDO
4 horas e 30 minutos é o período disponível para
a realização da prova, já incluído o tempo para a
marcação da folha de respostas da prova objetiva
3 horas após o início da prova é possível retirar se
da sala, sem levar o caderno de provas
30 minutos antes do término do período de
prova é possível retirar-se da sala levando o
caderno de provas
Qualquer tipo de comunicação entre os candida-
tos durante a aplicação da prova
Levantar da cadeira sem autorização do
scal de sala
Usar o sanitário ao término da prova, após
deixar a sala
INFORMAÇÕES GERAIS
As questões objetivas têm cinco alternativas de resposta (A,
B, C, D, E) e somente uma delas está correta
Verique se seu caderno está completo, sem repetição
de questões ou falhas. Caso contrário, notique ime-
diatamente o scal da sala, para que sejam tomadas
as devidas providências
Conra seus dados pessoais, especialmente nome,
número de inscrição e documento de identidade, e
leia atentamente as instruções para preencher a folha
de respostas
Use somente caneta esferográca, fabricada em
material transparente, com tinta preta ou azul
Assine seu nome apenas no(s) espaço(s) reservado( s)
Conra seu cargo, cor e tipo do caderno de provas.
Caso tenha recebido caderno de cargo, cor ou tipo
diferente do impresso em sua folha de respostas, o
scal deve ser obrigatoriamente informado para o
devido registro na ata da sala
O preenchimento das respostas da prova objetiva é
de sua responsabilidade e não será permitida a troca
da folha de respostas em caso de erro
Reserve tempo suciente para o preenchimento de
suas respostas. Para ns de avaliação, serão leva-
das em consideração apenas as marcações reali-
zadas na folha de respostas da prova objetiva, não
sendo permitido anotar informações relativas às
respostas em qualquer outro meio que não seja o
caderno de provas
A FGV coletará as impressões digitais dos candidatos
na lista de presença
Os candidatos serão submetidos ao sistema de
detecção de metais quando do ingresso e da
saída de sanitários durante a realização das provas
Boa sorte!
uma folha de respostas das questões objetivas
Além deste caderno de provas, contendo oitenta
questões objetivas, você receberá do scal de sala:
ESCRIVÃO E INSPETOR DE POLÍCIA
SIMULADO PREPARATÓRIO PARA CONCURSO PÚBLICO
POLÍCIA CIVIL DO ESTADO DO CEA
Baseado no formato de prova
aplicado pela banca IDECAN
Livro Eletrônico

FOLHA DE ROSTO ORIENTATIVA PARA PROVA OBJETIVA
LEIA AS ORIENTAÇÕES COM CALMA E ATENÇÃO!
INSTRUÇÕES GERAIS
Atenção ao tempo de duração da prova, que já inclui o preenchimento da folha de respostas.
Cada uma das questões da prova objetiva está vinculada ao comando que imediatamente
a antecede e contém orientação necessária para resposta. Para cada questão, existe
apenas UMA resposta válida e de acordo com o gabarito.
Faltando uma hora para o término do simulado, você receberá um e-mail para preencher
o cartão-resposta, a m de avaliar sua posição no ranking. Basta clicar no botão vermelho
de PREENCHER GABARITO, que estará no e-mail, ou acessar a página de download da
prova. Você deve fazer o cadastro em nossa plataforma para participar do ranking. Não se
preocupe: o cadastro é grátis e muito simples de ser realizado.
Se a sua prova for estilo Certo ou Errado (CESPE/CEBRASPE):
marque o campo designado com o código C, caso julgue o item CERTO; ou o campo
designado com o código E, caso julgue o item ERRADO. Se optar por não responder
a uma determinada questão, marque o campo “EM BRANCO”. Lembrando que, neste
estilo de banca, uma resposta errada anula uma resposta certa.
Obs.: Se não houver sinalização quanto à prova ser estilo Cespe/Cebraspe, apesar de
ser no estilo CERTO e ERRADO, você não terá questões anuladas no cartão-resposta
em caso de respostas erradas.
Se a sua prova for estilo Múltipla Escolha:
marque o campo designado com a letra da alternativa escolhida (A, B, C, D ou E). É
preciso responder a todas as questões, pois o sistema não permite o envio do cartão
com respostas em branco.
Uma hora após o encerramento do prazo para preencher o cartão-resposta, você receberá um
e-mail com o gabarito para conferir seus acertos e erros. Caso você seja aluno da Assinatura
Ilimitada, você receberá, com o gabarito, a prova completa comentada – uma vantagem
exclusiva para assinantes, com acesso apenas pelo e-mail e pelo ambiente do aluno.
Em caso de solicitação de recurso para alguma questão, envie para o e-mail:
treinodicil_jogofacil@grancursosonline.com.br.
Nossa ouvidoria terá até dois dias úteis para responder à solicitação.
Desejamos uma excelente prova!
O conteúdo deste livro eletrônico é licenciado para DALVAN DOS SANTOS ALENCAR - 05415505350, vedada, por quaisquer meios e a qualquer título,
a sua reprodução, cópia, divulgação ou distribuição, sujeitando-se aos infratores à responsabilização civil e criminal.

PCCE – Escrivão e Inspetor de Polícia – 2º Simulado
CONHECIMENTOS GERAIS
LÍNGUA PORTUGUESA
Lucas Lemos
O que faz bem pra saúde?
Cada semana, uma novidade.
A última foi que pizza previne câncer do esôfago.
Acho a maior graça.
Tomate previne isso, cebola previne aquilo, chocolate faz bem,
chocolate faz mal, um cálice diário de vinho não tem problema,
qualquer gole de álcool é nocivo, tome água em abundância,
mas peraí, não exagere...
Diante desta profusão de descobertas, acho mais seguro não
mudar de hábitos.
Sei direitinho o que faz bem e o que faz mal pra minha saúde.
Prazer faz muito bem.
Dormir me deixa 0 km.
Ler um bom livro faz eu me sentir novo em folha.
Viajar me deixa tenso antes de embarcar, mas depois eu
rejuvenesço uns cinco anos.
Viagens aéreas não me incham as pernas, me incham o cére-
bro, volto cheio de ideias.
Brigar me provoca arritmia cardíaca.
Ver pessoas tendo acessos de estupidez me embrulha
o estômago.
Testemunhar gente jogando lata de cerveja pela janela do car-
ro me faz perder toda a fé no ser humano.
E telejornais os médicos deveriam proibir – como doem!
Essa história de que sexo faz bem pra pele acho que é conversa,
mas mal tenho certeza de que não faz, então, pode-se abusar.
Caminhar faz bem, dançar faz bem, car em silêncio quando
uma discussão está pegando fogo faz muito bem: você exer-
cita o autocontrole e ainda acorda no outro dia sem se sentir
arrependido de nada.
Acordar de manhã arrependido do que disse ou do que fez
ontem à noite é prejudicial à saúde.
E passar o resto do dia sem coragem para pedir desculpas,
pior ainda.
Não pedir perdão pelas nossas mancadas câncer, não
tomate ou muçarela que previna.
Ir ao cinema, conseguir um lugar central nas leiras do fundo,
não ter ninguém atrapalhando sua visão, nenhum celular to-
cando e o lme ser espetacular, UAU!
Cinema é melhor pra saúde do que pipoca.
Beijar é melhor do que fumar.
Exercício é melhor do que cirurgia.
Humor é melhor do que rancor.
Amigos são melhores do que gente inuente.
Pergunta é melhor do que dúvida.
Tomo pouca água, bebo mais que um cálice de vinho por dia,
faz dois meses que não piso na academia, mas tenho dormido
bem, trabalhado bastante, encontrado meus amigos, ido ao
cinema e conado que tudo isso pode me levar a uma ida-
de avançada.
Sonhar, então, é melhor do que nada.
Luis Fernando Veríssimo. Disponível em: https://www.cultcarioca.com.
br/2012/10/luis-fernando-verissimo-o-que-faz-bem.html
1. Quanto à tipologia, o texto classica-se como, predomi-
nantemente.
A) descritivo, pois o objetivo é caracterizar a saúde.
B) narrativo, pois há uma sequência de fatos.
C) dissertativo-expositivo.
D) descritivo, mas com várias passagens narrativas.
E) dissertativo-argumentativo, mas com várias passagens
descritivas.
2. Considerando os aspectos linguísticos e semânticos do texto,
assinale a alternativa incorreta.
A) Conclui-se, a partir das ideias do texto, que, para o autor, é dis-
pensável a mudança de comportamento, pois ele já sabe o que
faz bem para si.
B) A preposição “para” (l. 32), que expressa nalidade, introduz
uma oração circunstancial.
C) Em “conseguir um lugar central nas leiras do fundo” (l. 36), há
clara ideia de posse na expressão destacada.
D) A supressão do vocábulo “do”, em “Cinema é melhor pra saúde
do que pipoca” (l. 39), preservaria tanto a correção gramatical
quanto o sentido original do texto.
E) Em “Viagens aéreas não me incham as pernas” (l. 16), o deslo-
camento do pronome “me” para logo após a forma verbal “in-
cham” prejudicaria a correção gramatical do período.
3. As palavras do texto acentuadas pela mesma regra de acentua-
ção gráca são
A) cérebro / esôfago
B) dá / diário
C) cálice / fé
D) já / câncer
E) água / médicos
4. Na última frase do terceiro parágrafo do texto, o termo “então”
(l. 50) pode ser substituído, sem nenhuma alteração de signi-
cado, por:
A) todavia.
B) não obstante.
C) porquanto.
D) no entanto.
E) destarte.
1
5
10
15
20
25
30
35
40
45
50
~ 3 ~
O conteúdo deste livro eletrônico é licenciado para DALVAN DOS SANTOS ALENCAR - 05415505350, vedada, por quaisquer meios e a qualquer título,
a sua reprodução, cópia, divulgação ou distribuição, sujeitando-se aos infratores à responsabilização civil e criminal.