A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
9 pág.
Atividade - 4 TÉCNICAS DE PROGRAMAÇÃO

Pré-visualização | Página 1 de 2

· Pergunta 1
1 em 1 pontos
	
	
	
	Para essa questão, suponha que um certo arquivo mantém, em sua primeira posição, a quantidade de registros armazenados. Após o indicativo da quantidade, são gravados os valores na forma <int,float>. Desta forma, o arquivo consiste em:
<qtd_registros><int1><float1><int2><float2>...<intn,floatn>.
Para essa questão, analise o código a seguir e preencha as lacunas de modo a representar o processo de criação de um arquivo novo e gravação de três registros.
#include <stdio.h>
 
void GravaArq(FILE *arq, int val_i,float val_f)
{
fwrite(&val_i,sizeof(____),1,arq);
fwrite(&val_f,sizeof(____),1,arq);
}
 
 
int main()
{
FILE *arq;
int qtd=3;
arq=fopen("exercicio.dat","___");
if(arq==NULL)
{
printf("Erro de abertura do arquivo (1).\n");
return 0;
}
fwrite(&qtd,sizeof(int),1,arq);
GravaArq(arq,0,2.1);
GravaArq(arq,10,45.21);
GravaArq(arq,20,345.87);
fclose(arq);
return 0;
}
Assinale a alternativa que você julgue ser a correta.
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	 
. int ; float ; wb .
	Resposta Correta:
	 
. int ; float ; wb .
	Comentário da resposta:
	Parabéns! Sua resposta foi a correta! Realmente, para realizar somente operações em um arquivo binário, deve-se usar o modo “ wb”. O processo de gravação ocorre mediante a utilização de “ fwrite()” onde o tamanho do item gravado deve acompanhar o tipo. No caso, foi utilizada a função “ sizeof()” vinculado ao tipo passado como parâmetro para a gravação.
	
	
	
· Pergunta 2
1 em 1 pontos
	
	
	
	Para essa questão, suponha que um certo arquivo mantém, em sua primeira posição, a quantidade de registros armazenados. Após o indicativo da quantidade, são gravados os valores na forma <int,float>. Desta forma, o arquivo consiste em:
<qtd_registros><int1><float1><int2><float2>...<intn,floatn>.
Para essa questão, analise o código a seguir e preencha as lacunas de modo a representar o processo listagem de todos os registros armazenados no arquivo.
#include <stdio.h>
 
int main()
{
FILE *arq;
int qtd,valor_int,i;
float valor_float;
arq=fopen("exercicio.dat","___");
if(arq==NULL)
{
printf("Erro de abertura do arquivo.\n");
return 0;
}
fread(&qtd,____,1,arq);
for(i=0; i<qtd;i++)
{
____(&valor_int,sizeof(int),1,arq);
____(&valor_float,sizeof(float),1,arq);
printf("[%d] int=%d float=%f\n",i,valor_int,valor_float);
}
fclose(arq);
return 0;
}
Assinale a alternativa que você julgue ser a correta.
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	 
. rb ; sizeof(int) ; fread ; fread .
	Resposta Correta:
	 
. rb ; sizeof(int) ; fread ; fread .
	Comentário da resposta:
	Parabéns! Sua resposta foi a correta! Você observou bem o fato de que, para somente a leitura de um arquivo binário, faz-se necessário apenas o modo “ rb” de abertura. Arquivos binários requerem a função “ fread()” para que seja processada a leitura do registro.
	
	
	
· Pergunta 3
1 em 1 pontos
	
	
	
	Suponha a existência de um arquivo textual onde as palavras são separadas pelo caractere “$” e pelo caractere “%”. Suponha também, que há a necessidade de se implementar um programa para imprimir, na tela, o conteúdo do referido arquivo de modo que, ao encontrar o caractere “$” imprime-se um espaço em branco e, ao encontrar o “%” pula-se para a linha seguinte da tela.
Para essa questão, analise o código a seguir e preencha as lacunas.
#include <stdio.h>
 
int main()
{
FILE *arq;
char carac;
arq=fopen("texto.txt","___");
if(arq==NULL)
{
printf("Erro de abertura do arquivo.\n");
return 0;
}
while(1)
{
carac = ____(arq);
if(___)
break;
switch(carac)
{
case '$':
carac = ' ';
break;
case '%':
carac = '\n';
break;
}
printf("%c",carac);
}
fclose(arq);
return 0;
}
Assinale a alternativa que você julgue ser a correta.
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	 
. r ; getc ; carac == EOF.
	Resposta Correta:
	 
. r ; getc ; carac == EOF.
	Comentário da resposta:
	Parabéns! Sua resposta foi a correta! Você associou acertadamente o modo de abertura de arquivo textual para somente leitura (parâmetro “r”), usou a função correta para ler um caractere do arquivo textual (“ getc()”) e testou corretamente o fim do arquivo (“ carac == EOF”).
	
	
	
· Pergunta 4
1 em 1 pontos
	
	
	
	Linguagens estruturadas permitem que informações sejam armazenadas e recuperadas de memórias não voláteis. Porém, elas são dependentes de funções e estruturas exportadas pelo sistema operacional. Dadas as afirmativas a seguir, classifique-as V para verdadeiro e F para falso.
( ) Ponteiros de arquivos (“ FILE *”) devem ser alocados dinamicamente através do uso “ malloc()” antes de serem utilizados.
( ) Ponteiros de arquivos referenciam uma posição de memória mantida pelo sistema operacional que armazena atributos e status dos arquivos manipulados.
( ) Para a manipulação da posição corrente do arquivo podemos usar as funções “ ftell()” e “ fseek()” que devolvem e setam a posição corrente do arquivo, respectivamente.
( ) A função “fread ()” retorna EOF quando chegar ao final do arquivo.
Assinale a alternativa que você julgue ter a sequência correta.
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	 
F, V, V, F.
	Resposta Correta:
	 
F, V, V, F.
	Comentário da resposta:
	Parabéns! Sua resposta foi a correta! Descritores de arquivos são estruturas mantidas pelo sistema operacional e são endereçados através dos ponteiros de arquivos, que são instanciados pelo uso da função “fopen ()”. A função “fread ()” retorna a quantidade de itens lidos.
	
	
	
· Pergunta 5
1 em 1 pontos
	
	
	
	Na programação em C, podemos encontrar duas formas distintas de se abrir um arquivo (textual ou binária) aliadas aos modos que esse arquivo será manipulado. Para essa questão, analise o código a seguir, que manipula um arquivo binário, e preencha a lacuna corretamente.
. . .
FILE *arq;
int codigo;
char buffer[35]="algo a ser escrito no arquivo\n";
arq=fopen("exercicio.dat","____");
if(arq==NULL)
{
printf("Erro de abertura do arquivo.\n");
return 0;
}
...
if(!fread(&codigo,sizeof(int),1,arq)) //caso o arquivo ainda esteja vazio
codigo=0;
else
codigo++;
...
if(!fwrite(&codigo,sizeof(int),1,arq))
printf("erro na gravacao do codigo.\n");
else
if(!fwrite(buffer,35,1,arq))
printf("Erro na gravacao do buffer.\n");
fclose(arq);
. . .
Considerando que, caso o arquivo não exista, será criado um novo e caso exista, os dados deverão ser mantidos, assinale a alternativa que corresponda ao preenchimento da lacuna.
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	 
ab+.
	Resposta Correta:
	 
ab+.
	Comentário da resposta:
	Parabéns! Sua resposta foi a correta! Você observou corretamente a consideração final: “ caso o arquivo não exista, será criado um novo e caso exista, os dados deverão ser mantidos”. Caso fosse colocado “ r+”, o arquivo deveria existir para ser aberto; caso a abertura fosse “ w+”, o arquivo sempre seria criado. Então, sobra o modo “ a+”. Pelo fato de aparecer “ fwrite()” e “ fread()”, então, o arquivo é binário. Sendo assim, “ ab+”.
	
	
	
· Pergunta 6
1 em 1 pontos
	
	
	
	Na linguagem C, encontramos dois tipos de arquivos: os arquivos textuais e os arquivos binários. Nos arquivos textuais, as informações são gravadas como strings, independentes de seu tipo; porém, para tal, devemos usar algumas funções específicas. Para os comandos abaixo, assinale com (T) aquele(s) que serve(m) unicamente para arquivos textuais, com (B) para arquivos binários e, com (A) aquele(s) que serve(m) para ambos.
( ) fwrite()
( ) fputs()
( ) fputc()
( ) fread()
( ) fopen()
Assinale a alternativa cuja ordem você julgue ser correta.
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	 
B, T, T, B, A.
	Resposta Correta:
	 
B, T, T, B, A.
	Comentário da resposta:
	Parabéns! Sua resposta foi a correta! As funções “ fputs()” e “ fputc()” são utilizadas exclusivamente nos arquivos textuais para a gravação de strings e de caracter, respectivamente. Para os arquivos binários, utiliza-se “ fwrite()” e “ fread()”. A abertura é realizada por meio da função “ fopen()” independentemente do tipo do arquivo.
	
	
	
· Pergunta 7
1 em 1 pontos
	
	
	
	O armazenamento de informações em uma memória não volátil pode