A maior rede de estudos do Brasil

A hermenêutica constitucional implica mutação informal da Constituição Federal ?

A hermenêutica constitucional implica mutação informal da Constituição Federal ? 

aponta aspectos negativos e positivos e justificar


2 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

DLRV Advogados Verified user icon

Há mais de um mês

Sim.

É possível a mutação constitucional (alteração informal) através da utilização dos métodos hermeneuticos constitucionais. Nesta hipótese, muda-se o entendimento sobre algum ponto da constituição, sem a alteração no texto constitucional.

Segundo Luis Roberto Barroso, "a alteração por via informal se dá pela denominada mutação constitucional, mecanismo que permite a transformação do sentido e do alcance de normas da Constituição, sem que se opere, no entanto, qualquer modificação do seu texto".

Segundo Ramon Sonic, um ponto positivo seria que, "por ser a mutação constitucional meio informal de modificação da constituição, pode-se atualizar a norma maior com a realidade nacional de forma mais célere, devido ao fato que não há que se falar em procedimento formal e solene para que seja exarado o comando constitucional que guarde intimidade com as peculiaridades do caso concreto".

Um aspecto negativo é que a mudança de entendimento, se não for bem justificada e segura, pode acarretar em certa insegurança jurídica. Desta forma, não se deve utilizar indiscriminadamente da mutação constitucional.

De acordo com Luís Roberto Barroso:

“Por assim ser, a mutação constitucional há de estancar diante de dois limites: a) as possibilidades semânticas do relato da norma, vale dizer, os sentidos possíveis do texto que está sendo interpretado ou afetado; e b) a preservação dos princípios fundamentais que dão identidade àquela específica Constituição”.

Sim.

É possível a mutação constitucional (alteração informal) através da utilização dos métodos hermeneuticos constitucionais. Nesta hipótese, muda-se o entendimento sobre algum ponto da constituição, sem a alteração no texto constitucional.

Segundo Luis Roberto Barroso, "a alteração por via informal se dá pela denominada mutação constitucional, mecanismo que permite a transformação do sentido e do alcance de normas da Constituição, sem que se opere, no entanto, qualquer modificação do seu texto".

Segundo Ramon Sonic, um ponto positivo seria que, "por ser a mutação constitucional meio informal de modificação da constituição, pode-se atualizar a norma maior com a realidade nacional de forma mais célere, devido ao fato que não há que se falar em procedimento formal e solene para que seja exarado o comando constitucional que guarde intimidade com as peculiaridades do caso concreto".

Um aspecto negativo é que a mudança de entendimento, se não for bem justificada e segura, pode acarretar em certa insegurança jurídica. Desta forma, não se deve utilizar indiscriminadamente da mutação constitucional.

De acordo com Luís Roberto Barroso:

“Por assim ser, a mutação constitucional há de estancar diante de dois limites: a) as possibilidades semânticas do relato da norma, vale dizer, os sentidos possíveis do texto que está sendo interpretado ou afetado; e b) a preservação dos princípios fundamentais que dão identidade àquela específica Constituição”.

User badge image

Geovane Galdino

Há mais de um mês

atras de interpretaçoes, e visando diversos principios entre os quais se destacam o principio da adequação social. E como ja sabido que os codigos metodos de agrupamento de normas do ordenamento, pautando determinado ramo do direito, dificulta as reformas, onde a multação meio que apesar de em alguns casos ser benefico, porem inadequado é o meio no qual o judiciario adaptou para acomapanha a constante mudanças sociais

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas