A maior rede de estudos do Brasil

Embriagues em decorrência de caso fortuito ou força maior exclue a ilicitude do fato?


7 resposta(s)

User badge image

Wallace Alves

Há mais de um mês

Opa Bruno, boa noite!

Dá uma olhada nesse link: http://penalemresumo.blogspot.com.br/2010/06/art-28-emocao-paixao-e-embriaguez.html

 

Abraços e bons estudos!

Opa Bruno, boa noite!

Dá uma olhada nesse link: http://penalemresumo.blogspot.com.br/2010/06/art-28-emocao-paixao-e-embriaguez.html

 

Abraços e bons estudos!

User badge image

Lucas Vieira Rodrigues

Há mais de um mês

Olá Bruno, não.

Segundo o Art 28, II, §1º do CP é isento de pena o agente que, por embriaguez completa, decorrente de caso fortuito ou força maior. Logo, nesse caso ocorre a isenção da pena mas a ilicitude do fato permanece. Bons estudos!

Lucas Vieira, Advogado

Twitter @LucasVJus

User badge image

Raissa França

Há mais de um mês

Não, pois exclui apenas a culpabilidade. Além de requerer que a embriaguez seja completa. De qualquer forma, para ser crime é necessário que o fato seja típico, antijurídico e culpável. 

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes