A maior rede de estudos do Brasil

Fixação de alimentos provisórios segundo o NCPC

A fixação de alimentos provisórios em Ação de Alimentos promovida pelo rito especial previsto pela Lei 5.478/68, à luz do Novo Código de Processo Civil, será considerada "Tutela Antecipada" ou "Tutela de Evidência"?


1 resposta(s)

User badge image

Andressa

Há mais de um mês

Os requisitos das tutelas provisórias, já no texto final do NCPC, são a probabilidade do direito e o perigo de dano ou risco ao resultado útil do processo (NCPC, art. 300[9]). Dividem-se, contudo, em tutelas de urgência antecipadas, voltadas a permitir a antecipação da tutela pretendida pela parte (“direito que se busca realizar” – art. 303) com caráter essencialmente satisfativo (tanto assim que se permite a sua estabilização), e tutelas cautelares, que visam evitar a perda do direito em decorrência da demora do processo (“direito que se objetiva assegurar” – art. 305).

Os requisitos das tutelas provisórias, já no texto final do NCPC, são a probabilidade do direito e o perigo de dano ou risco ao resultado útil do processo (NCPC, art. 300[9]). Dividem-se, contudo, em tutelas de urgência antecipadas, voltadas a permitir a antecipação da tutela pretendida pela parte (“direito que se busca realizar” – art. 303) com caráter essencialmente satisfativo (tanto assim que se permite a sua estabilização), e tutelas cautelares, que visam evitar a perda do direito em decorrência da demora do processo (“direito que se objetiva assegurar” – art. 305).

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes