A maior rede de estudos do Brasil

Se tratando de Mandado de Segurança em matéria processual penal, qual sua natureza e seu cabimento?

Preciso de respostas..


2 resposta(s)

User badge image

Tiago Lipsch

Há mais de um mês

O mandado de segurança nada mais é do que é um recurso para impor diante o seu direito liquido e certo e tem caráter mandamental e índole constitucional, devemos atentar que é uma ação de conhecimento que pode ter efeito meramente declaratório ou constitutivo. Por exemplo, no âmbito penal, pode-se trancar uma ação penal por Mandado de Segurança, ou seja, quando se esteja diante de uma ação penal cujo objeto é uma contravenção penal punida, tão-somente, com a pena de multa.

Tratando-se em cabimento de Mandado de Segurança em matéria criminal, pode ser inteposto para garantir o direito vista dos autos fora do cartório; para garantir o direito de o advogado conversar com seu cliente preso; para o advogado ser admitido como assistente de acusação; contra apreensão de objetos para instruir a ação penal nos crimes contra a propriedade material; para obter efeito suspensivo ao recurso de agravo em execução e ao recurso em sentido estrito; para se obter a restituição de coisas apreendidas;contra a decisão que denegou a produção antecipada de prova material considerada urgente, na forma do art. 366 do Código de Processo Penal etc..

O mandado de segurança nada mais é do que é um recurso para impor diante o seu direito liquido e certo e tem caráter mandamental e índole constitucional, devemos atentar que é uma ação de conhecimento que pode ter efeito meramente declaratório ou constitutivo. Por exemplo, no âmbito penal, pode-se trancar uma ação penal por Mandado de Segurança, ou seja, quando se esteja diante de uma ação penal cujo objeto é uma contravenção penal punida, tão-somente, com a pena de multa.

Tratando-se em cabimento de Mandado de Segurança em matéria criminal, pode ser inteposto para garantir o direito vista dos autos fora do cartório; para garantir o direito de o advogado conversar com seu cliente preso; para o advogado ser admitido como assistente de acusação; contra apreensão de objetos para instruir a ação penal nos crimes contra a propriedade material; para obter efeito suspensivo ao recurso de agravo em execução e ao recurso em sentido estrito; para se obter a restituição de coisas apreendidas;contra a decisão que denegou a produção antecipada de prova material considerada urgente, na forma do art. 366 do Código de Processo Penal etc..

User badge image

Estudante PD

Há mais de um mês

A natureza jurídica do Mandado de Segurança no processo penal é de ação de impugnação autônoma e não de recurso como muitos imaginam. Seu cabimento é previsto naqueles casos em que não está em jogo a liberdade do indivíduo, como por exemplo, quando o delegado de polícia civil não deixa o defensor do acusado consultar os elementos informativos já documentados no inquérito policial. Nesse caso o advogado pode utilizar o mandado de segurança para inibir essa ilegalidade. 

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes