A maior rede de estudos do Brasil

como montar um bom sistema de auditoria num rasp pi 3

Auditoria de Sistemas

ESTÁCIO EAD


1 resposta(s)

User badge image

Michelle Gomides

Há mais de um mês

1 Raspberry Pi 3, o Raspberry Pi 3 é a plataforma usada neste tipo de projeto, gerenciando e coordenando todos os componentes utilizados. Como descrito acima, usaremos ele por ter suporte a sistemas operacionais baseados em linux, com alto poder de customização e limitado apenas pela criatividade de quem o usa.

  • Um cartão de Wi-Fi de Comando e Controle (C2): A proposta de utilizar um cartão Wi-Fi (C2) é para conectar o Raspberry Pi automaticamente a um ponto de acesso (AP) de comando. Como um Hotspot do seu telefone ou a rede de casa, por exemplo. Isso permite que você controle o Raspberry Pi de longas distâncias via SSH ou VNC. Felizmente, o Raspberry Pi 3 tem um cartão Wireless integrado ao sistema, no caso de um Raspberry Pi 2 é necessário incluir um adaptador Wi-Fi.
  • Cartão Wi-Fi para Ataque: O nosso cartão Wireless utilizado no ataque precisa ser compatível com o Kali Linux, mais especificamente, precisa ser um cartão com suporte ao modo Monitor, para que possa ser utilizado para Sniffar redes. Pode ser de Longa ou Curta Distância, isso varia da sua necessidade.
  • Cartão SD com a imagem do Sistema:  O Cartão SD irá hospedar o Sistema Operacional e Cérebro do nosso ambiente desejado. Criando cartões com imagens customizadas é possível trocar as funções do nosso Raspberry Pi rapidamente apenas trocando de cartão SD ou de componentes.
  • Um computador (obviamente): O Computador será utilizado para várias tarefas, desde a criação das Builds no Cartão SD, até o controle remoto.
  • Suprimento de Energia: Isso aí é obviamente necessário para manter o PI ligado nos momentos de ação.

1 Raspberry Pi 3, o Raspberry Pi 3 é a plataforma usada neste tipo de projeto, gerenciando e coordenando todos os componentes utilizados. Como descrito acima, usaremos ele por ter suporte a sistemas operacionais baseados em linux, com alto poder de customização e limitado apenas pela criatividade de quem o usa.

  • Um cartão de Wi-Fi de Comando e Controle (C2): A proposta de utilizar um cartão Wi-Fi (C2) é para conectar o Raspberry Pi automaticamente a um ponto de acesso (AP) de comando. Como um Hotspot do seu telefone ou a rede de casa, por exemplo. Isso permite que você controle o Raspberry Pi de longas distâncias via SSH ou VNC. Felizmente, o Raspberry Pi 3 tem um cartão Wireless integrado ao sistema, no caso de um Raspberry Pi 2 é necessário incluir um adaptador Wi-Fi.
  • Cartão Wi-Fi para Ataque: O nosso cartão Wireless utilizado no ataque precisa ser compatível com o Kali Linux, mais especificamente, precisa ser um cartão com suporte ao modo Monitor, para que possa ser utilizado para Sniffar redes. Pode ser de Longa ou Curta Distância, isso varia da sua necessidade.
  • Cartão SD com a imagem do Sistema:  O Cartão SD irá hospedar o Sistema Operacional e Cérebro do nosso ambiente desejado. Criando cartões com imagens customizadas é possível trocar as funções do nosso Raspberry Pi rapidamente apenas trocando de cartão SD ou de componentes.
  • Um computador (obviamente): O Computador será utilizado para várias tarefas, desde a criação das Builds no Cartão SD, até o controle remoto.
  • Suprimento de Energia: Isso aí é obviamente necessário para manter o PI ligado nos momentos de ação.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes