4) Chauí (2012) ressalta quatro pontos nos quais podemos notar a ruptura maquiavelista com a tradição política: