A maior rede de estudos do Brasil

QUESTIONÁRIO

Segundo a perspectiva de Jorge Pedro Souza (2006) a respeito dos conceitos de comunicação e informação, pode-se dizer que:

A informação depende da comunicação, não podendo haver comunicação sem troca de informação.

 A informação depende da comunicação, mas, por outro lado, pode haver comunicação sem troca de informação.

A comunicação e a informação são totalmente dependentes uma da outra.

Comunicação e informação são conceitos independentes.

A comunicação depende da informação. Só há comunicação com troca de informação.




Explicação:

O compartilhamento de uma informação precisa de um suporte comunicacional para acontecer. Assim, a informação depende da comunicação. Entretanto, pode haver comunicação sem troca de informação, como nas situações em que grupos de pessoas compartilham experiências (SOUZA, 2006).


Assinale a opção em que o sentido da oração esteja adequadamente construído por meio do articulador.

Nunca desviei verbas, pois tal procedimento não está de acordo com meus princípios. (Finalidad).

Sairei amanhã logo cedo, apesar de não estar me sentindo muito bem. (Comparação).

 Não sou o culpado, embora sejam contundentes os argumentos do nobre colega. (Concessão).

Os nobres colegas prolongaram tanto os seus discursos, que a plateia está exausta. (Intensidad).

Preciso de mais um tempo para expor os meus argumentos. (Caus).




Explicação:

O termo “embora” imprime a ideia de concessão a uma regra ou expectativa.


Assinale a alternativa em que o referente do pronome sublinhado foi devidamente indicado dentro dos parênteses.

Rinaldo é tenente do exército, e seu irmão também o é. (do exército).

Motta me disse que, caso o escândalo viesse a público, ele se demitiria; em seu lugar, eu não o faria. (escândalo).

 Segundo as gramáticas, “conquanto” e “nem” são conjunções: esta é classificada como aditiva; aquela, como adversativa. (conquanto).

Os atuais simuladores de voos militares estão em condições não apenas de exibir uma imagem “realista” da paisagem sobrevoada, mas também de confrontá-la com a obtida nos radares. (paisagem).

Em meio ao vendaval, Simone saiu correndo com o pacote e o esqueceu sob uma árvore. (vendaval).




Explicação:

A relação está correta (aquela/conquanto).


O que seria o elemento básico da comunicação redundância? 

Refere-se ao meio físico que transporta os sinais do emissor até o receptor. Na prática da comunicação, percebe-se que existem cadeias de redundância que unem o emissor ao receptor.

 Há redundância quando há a utilização de mais signos do que o necessário para a transmissão de uma informação. A redundância serve para neutralizar os ruídos do canal e também para aumentar a clareza e diminuir a ambiguidade da mensagem. O excesso de redundância gera problema na comunicação.

Elementos de uma mensagem como palavras, gestos e imagens.

É a parte do código conhecida e utilizada por um emissor ou um receptor. Para uma comunicação eficiente, é preciso que emissor e receptor não apenas usem o mesmo código, como também a redundância. Trata-se do vocabulário do código, a lista de signos desse código.

Não quer dizer o simples entendimento da mensagem. Refere-se ao fato de que o receptor precisa estar conectado física e psicologicamente à mensagem.




Explicação:

Quanto maior for a taxa de informação da mensagem, menor é a taxa de redundância, e vice-versa (PEREIRA, 2007).


A respeito das características de um texto de qualidade, é possível afirmar que:

 é um conjunto de atributos que vai desde a intencionalidade do autor, até a forma de apresentação, estruturação e clareza, bem como escolha lexical, identificação de público leitor, coesão, coerência, etc.

é um texto com grau de informatividade alta e que apresenta muitas informações novas e bem colocadas para qualquer leitor genérico.

a qualidade está relacionada às escolhas de palavras. Um texto com maior qualidade é aquele que apresenta palavras mais complexas e menos usuais.

a qualidade depende apenas de uma correta estruturação textual e de apropriação gramatical.

são conjuntos de normas para cada gênero textual que estruturam textos de formas diferentes e os validam ou rejeitam para cada gênero.




Explicação:

Apesar do mito que afirma que um texto de qualidade é aquele que apresenta um grande número de informações, com palavras rebuscadas e uma estrutura organizada, a qualidade de um texto abrange características muito maiores e que iniciam antes mesmo do processo de escrita, como pela definição dos objetivos do texto, a análise do perfil de leitor, etc. Além dos aspectos gramaticais, estruturais e lexicais de um texto, ele também precisa atentar para clareza, coerência, coesão e outros componentes que garantam a eficiência e a qualidade do material.


Qual alternativa melhor apresenta uma definição de aceitabilidade?

É a validade de um texto de acordo com sua apropriação gramatical. Um texto com muitos erros gramaticais apresenta um baixo nível de aceitabilidade.

É a postura do emissor diante do texto em aceitar ou rejeitar escrever e argumentar sobre conteúdos específicos.

É a adequação de um texto para um propósito específico. Por exemplo, se uma redação é bem escrita, ela é aceita pela professora.

É o procedimento que torna um texto mais ou menos aceitável para um determinado público de acordo com uma análise prévia de seu grau de complexidade e, dessa forma, estipulando quais estratégias de aceitabilidade devem ser aplicadas para que o texto seja válido.

 É a postura do receptor diante de um texto em aceitar ou rejeitar a intencionalidade do autor percebida no texto e seu esforço em tentar encontrar uma interpretação para o texto.




Explicação:

Aceitabilidade está relacionada ao receptor de um texto. Diz respeito, não só à postura do receptor em aceitar ou rejeitar as ideias contidas em um texto ou proceder (ou deixar de proceder) de acordo com os objetivos do autor, mas também ao esforço que precisa realizar para encontrar uma interpretação para um determinado texto. Pode ser entendida como o contraponto da intencionalidade.



Língua - Caetano Veloso


Gosta de sentir a minha língua roçar a língua de Luís de Camões

Gosto de ser e de estar

E quero me dedicar a criar confusões de prosódia

E uma profusão de paródias

Que encurtem dores

E furtem cores como camaleões

Gosto do Pessoa na pessoa

Da rosa no Rosa

E sei que a poesia está para a prosa

Assim como o amor está para a amizade

E quem há de negar que esta lhe é superior?

E deixe os Portugais morrerem à míngua

"Minha pátria é minha língua"

Fala Mangueira! Fala!

Flor do Lácio Sambódromo Lusamérica latim em pó

O que quer

O que pode esta língua?


Dos versos destacados a seguir, qual dispensa inferências a conhecimentos específicos para que o leitor possa construir um sentido?

Flor do Lácio Sambódromo Lusamérica latim em pó.

Gosto do Pessoa na pessoa.

 O que quer/ O que pode esta língua?

E deixe os Portugais morrerem à míngua.

[Gosto] Da rosa no Rosa.




Explicação:

Não há referência a um conteúdo específico. O leitor é livre para construir o sentido que desejar para esta pergunta.


Para promover uma vivência de um tema estudado em sala de aula, o professor de Cultura e Sociedade levou os seus alunos a um museu interativo. Lá, além de explorar e conhecer os objetos e fatos, os estudantes puderam participar dos fenômenos sociais e culturais de vários tempos e lugares. Ao retornar à sala de aula, os alunos terão de entregar ao professor um texto que registre a experiência vivida. O gênero textual mais adequado para alcançar o objetivo proposto é:

Um paper.

 Um relatório.

Um fichamento.

Um ensaio.

Um projeto de pesquisa.




Explicação:

O relatório é um relato detalhado de uma atividade prática, um determinado trabalho ou experiência científica.


Qual das assertivas seguintes pode ser relacionada corretamente ao texto abaixo:

DECLARAÇÃO

Declaro, para os devidos fins, que a aluna _________________ é regularmente matriculada e frequente às aulas da disciplina de Trabalho de Conclusão de Curso (TCC), da Escola de Línguas – Unidade Acadêmica, da qual sou professora. Declaro, ainda, que na noite de 26/11/_____, a graduanda apresentará a sua pesquisa final de curso, pela qual será avaliada por professores selecionados pela instituição.

Por ser verdade, firmo a presente.

Dr.ª ________________

Professora de TCC

Trata-se de um texto jornalístico, com o intuito de informar alguém de algo.

Trata-se de um texto literário, com o fim de trabalhar a realidade esteticamente.

 Trata-se de um texto documental, que serve de prova.

Trata-se de um texto jurídico, que apenas pode ser emitido por órgãos socialmente reconhecidos.

Trata-se de um texto corporativo, cujo fim é registrar um fato.




Explicação:

A declaração é um texto documental, que pode ser emitida por qualquer pessoa física ou jurídica e que tem valor de prova.


De uma leitura técnica do resumo homotópico lido, é possível identificar a seguinte informação: 

Os resultados encontrados.

A hipótese da pesquisa.

A delimitação/problema de pesquisa.

 Os objetivos do pesquisador.

O método científico.




Explicação:

Esta informação é apresentada logo no início do resumO


Ainda não temos resposta. Você sabe responder?