A maior rede de estudos do Brasil

História da educação no Brasil

“Por ser um país católico, que resistiu ao movimento protestante com a Contra-Reforma e a Inquisição, Portugal condenava os juros, o que restringiu e retardou a implantação do capitalismo. Além disso, enquanto a Europa renascentista preparava para o livre pensar que se consolidaria no Iluminismo do século XVIII, Portugal permanecia cioso da herança cultural clássico-medieval, preservando o latim, a filosofia e literatura cristã” (ARANHA, 2006, p. 193). 

Sobre a história da educação no Brasil, assinale a alternativa correta.


Escolha uma opção:

a. Os parâmetros da educação fundam-se na concepção do ser humano enquanto criatura divina, que está de passagem pela Terra.

b. A educação no Brasil visava uma educação moral, cívica e religiosa ou o processo de inculturação às tradições pátrias tem características próprias, no entanto a instrução escolar é de origem grega, inclusive o estudo das letras.

c. Seu primeiro fundamento educacional está ligado ao processo da Contrarreforma, daí os Jesuítas são os primeiros, em solo nacional, a iniciarem o trabalho de “catequização”. Esta, portanto, é a fase jesuítica da educação colonial que irá perdurar entre 1549 até 1759, culminando com a expulsão dos Jesuítas por ferir interesses econômicos portugueses.

d. A educação no contexto histórico gerou um sistema educativo que, mesmo sendo privilégio de alguns, favorecia o pensamento crítico individual e se distanciava do modelo de casta fechada, onde a manutenção do saber era algo tão restrito quanto secreto, baseado e justificado na oferenda dos deuses em épocas passadas.

e. Ocorreu a fase da educação cosmopolita, com a forte influência do helenismo e com fortes divergências de uma parcela da população fiéis defensores da tradição latina.


1 resposta(s)

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes