Logo Passei Direto

A maior rede de estudos do Brasil

Física Geral III - Aula 1 - Carga Elétrica - Parte 1video play button

Transcrição


nessa nossa primeira aula. Então nós vamos cobrir um tópico extremamente relevante para o curso todo de eletricidade e magnetismo que é falar sobre a célula do eletromagnetismo parece ser uma carga elétrica. Todos os fenômenos eletromagnéticos são, em última instância, manifestações de interações entre cargas elétricas. A eletricidade já era conhecida desde a Grécia Antiga, quando os gregos perceberam que ao acreditar determinados materiais, eles eles adquiriram a propriedade de atrair objetos. O material atritado se chamava ambos que quer dizer elétron em grego, daí o nome que essa ciência adquiriu. Então material atritado atrai pequenos objetos. Também já era conhecida desde a Grécia antiga antes de Cristo, já que determinadas pedras, chamadas magnetita, tem uma propriedade de atrair e ordenar pequenas limalha de ferro. Essas perdas nada mais eram do que mais naturais. Meu nome é emitida ao nome Magnetita deu origem ao termo magnetismo. Essas duas fiéis caminharão independentemente por séculos, até que nos no começo do século dezanove, em mil oitocentos e vinte e mais especificamente um pesquisador chamado sistema, este descobriu o seguinte Se você tem um acordo entre estabelecida num fio, a gente não sabe bem o que é corrente ainda, mas é um movimento de cargas elétricas, portanto, aumente elétrico. Esse essa corrente no fio era capaz de interagir com uma bússola colocada nas suas proximidades. Buscam entre estreitamente magneto que usado pelos navegadores para detetar orientações de campo magnético. Isso significa que eu esta descobriu que uma corrente no filme que gera um campo magnético. Com isso, ficou mostrado que esses dois fenômenos, na verdade, são uma coisa só, são um fenômeno do eletromagnetismo. Então essa recém criada, a teoria do eletromagnetismo, atraiu a atenção de vários pesquisadores verdadeiros gênios a partir de meados do século dezanove. Entre esses a gente pode citar fala de Ampere Max. Resta dizer que descobriu isso, mas não quantificou a relação entre a corrente o campo. Quem quantificou isso mostrando como se calcula o campo de uma corrente como se obtenha o campo de uma corrente, foram a enviou, salvar e ampliar com estas só, observou. Paris fala de descobriu que um campo de um campo magnético que varia com o tempo um campo magnético variável é capaz de produzir uma corrente elétrica. Outra inter relação entre eletricidade e magnetismo e finalmente fará falta Max. O perdão completou a equação de Ampere e mostrou também que um campo elétrico variável no tempo produz um campo magnético. Assim se fechou o círculo de internações e nada mais, nada menos. Max unificou essas ideias num conjunto de quatro equações as chamadas equações de Março, que figuram numa determinada camiseta que alguns de vocês já devem ter visto. Vocês se lembram que camiseta disso a camiseta sem querer entrar sem querer entrar no campo da crença e da fé e nem cometer nenhuma heresia a cada visita, diz assim e Deus disse uma equação outra outro e outro em baixo. Três pontos e o que está escrito e afins E fez anos. O que essa camiseta mostra? Eu não sei se em tom jocoso, não porque essa camiseta mostra que é possível manipulando as quatro equações de março de maneira conveniados, mostrar que a luz é uma radiação eletromagnética que caminha no vácuo com a velocidade três vezes. Dez oitava metros por segundo. Nós vamos chegar na camiseta. Nós vamos reconstruir a trajetória de todos esses cientistas até chegar no ponto que a gente entende a camiseta até mostrar a minha última aula para vocês. De onde surge a onda eletromagnética de uma de suas? A luz está certo? bom não precisa dizer que a trajetória é longa. A jornada pode ser arredores. Mas além de Arruda, felizmente ela vai ser também interessante, Bonita. Eu espero que quando você sair daqui estejam gostando pouco mais de física do que estão gostando. Agora é legal, eu vou me empenhar para isso, falou. Então está dado um thriller do que vai ser o curso Ocultam no curso. Começa então com a célula materna da da eletricidade, que é a carga elétrica. Então, carga elétrica carga elétrica, como eu disse, é meio difícil de conceituar. Mas a gente diz que ela é uma propriedade vitrificada. Matéria Toda matéria tem carga elétrica, nós temos carga elétrica. Eu acho que muitos de vocês já devem ter experimentado. A sensação de um dia é seco, caminhando sobre um tapete. Levam choque. Agora que toca uma maçã, saltam à faz que agora que, tal como amassamento, pode saltar uma faísca, até como no setor. Como amigo, eu já senti isso. Muitas vezes eu vivi um tempo no lugar de clima muito seco, levar choque toda ao chegar em casa. Ao despir um suéter de lã num quarto escuro, você não somente ver centelhas como ouvi o barulho dá sentido. Então nossa carga elétrica está em todos os lugares todos os lugares, porque, por causa da Constituição interesse cada matéria que vou dar uma pincelada rápida para você, então a constituição da matéria, a matéria constituída em essência por atos de moléculas que se juntam de modo outra maneira para formar os diferentes materiais. O que que é? Qual é o quadro moderno de um ato? O quadro moderno de um átomo consiste de uma parte central pesada maciça, chamada núcleo chamada núcleo, que é composta de prótons que têm carga positiva e de neutros que têm carga número gravitando. Em torno desse centro maciço existe uma nuvem eletrônica onde estão então os elétrons os elétricos. A massa de um próton é equivalente à massa de neutro, que é um vírgula sessenta e sete vezes dez a menos vinte e sete quilograma. O sistema é uma massa. Prótons têm carga neutra, não tem a massa de um elétron é da ordem de nove vírgula um vezes dez a menos trinta e um quilograma e a carga do frota é igual a a carga do eletrodo com sinal contrário. Essa carga, a carga do elétron simbolizada universalmente por isso, essa carga eletrônica vale um vírgula seis vezes, dez a menos dezanove, como então. Na verdade, é uma carga negativa carregar o sinal com ela. Então, esse quadro, esse quadro uma coisa mais só é o tamanho disso. Outra, muito típico de um núcleo está muito típico de um lucro, é da ordem de dez a menos doze centímetros. O tamanho da coroa eletrônica é da ordem de dez trocado. Aqui não está trocado menos doze ser time aqui, menos oito centímetros. Isso quer dizer isso, quer dizer que o tamanho do tamanho de um da coroa eletrônica é da ordem de dez mil vezes o tamanho do grupo e a carga de um próton cerca de mil e oitocentos vezes a massa de um elétrico massa do próprio mil e quinhentas vezes há mais de elétrica por essas dimensões e por essas massas, a gente é obrigado a concluir que o ato em sua essência é vazio. O ato no Brasil, um ponto é uma região pequena, com carga grande. Os elétrons espalhados então por que? Porque a substância não sai por aí, exibindo então ações elétricas, porque num ato o número de prótons no núcleo é igual número de eletrodos na coroa na nuvem eletrônica, então a carga total de um ato no seu estado natural é nula. Eles têm mesmo com cargas opostas a carga nula e portanto, para para isso, para ser exibia alguma ação elétrica é necessário tirar ou adicionar um elétrico ao ato de loucura. Nessa situação o corpo se chama neutro e quando recebeu perdeu o eletrólito. Ele passa a ser carregado. Se for um ato, ele passa a ser um rio ou positivo ou negativo. Já convém dizer Você já deve perceber pela própria para a Constituição. Já mais fácil, então carregar um corpo transferindo elétrons ou próximos para ele que é mais fácil de transferir para carregar elétron. Os elétrons estão menos fortemente ligados ao os próprios estão lá dentro, então retirar a arrancam próximo do núcleo exigiria uma energia tão forte que eventualmente você ia fundir a matéria sem conseguir isso. Então a gente eletrizar corpos transferindo cargas e essas cargas são na verdade, elétrico. Então vamos, vamos fazer a primeira de uma de uma das brincadeiras, aí vou ver se houvesse isso funciona, Então foi falado, precisa ver aquilo. Foi falado que então um corpo a corpo carregado um corpo, a gente transfere a carga de um