A maior rede de estudos do Brasil

Concordância nominal - orações subordinadasvideo play button

Transcrição


Olá, orações subordinadas adjetivas. Eu tenho uma notícia boa para você sobre elas. Só existem dois tipos. Só isso mesmo as orações subordinadas adjetivas, ela só se subdividem em dois blocos. Podem ser restritivas cem vírgula ou explicativas entre vírgulas. Agora, quem muito em concurso cai porque? Porque o aluno precisa saber identificar uma oração subordinada adjetiva e é isso que vai ensinar a ser aqui na aula dia Orações subordinadas adjetivas o que você vai aprender a classificar as orações subordinadas adversativas, dividindo as em dois grupos restritivas e explicativas Orações subordinadas adjetivas Pense nesse nome adjetivas, ora com esse nome adjetivas, elas só podem fazer aquilo que o objetivo faz, que é o que se referir a um substantivo é muito simples, além de ser de que as orações subordinadas adjetivas, elas se portam como objetivo, elas sempre vem junto a um substantivo sempre agora, qual é o nome daquele conectivo que aprendemos na gramática que retoma um substantivo Antecedentes lembra O nome desse conectivo é pronome relativo pronome relativo ao colectivo que sempre retomam substantivo antecedentes na frase. É por isso que as orações subordinadas adjetivas sempre vão se iniciar com pronomes relativos muito fácil reconhecê los Portanto, elas vêm com pronomes relativos porque elas retomam substantivos antecedentes. Vamos ver isso, na prática, são introduzidas pelos pronomes relativos modifica um substantivo como objetivo. Exercem a função de adjunto adnominal. Isso é importante a bancas, por exemplo, que retiram uma oração adjetiva de um período e perguntam a função sintática daquela oração no período. Ora, descobrir a função sintática de uma oração pode parecer uma coisa meio louca saber a função sintática dessa oração, mas não é louco ou não. Você viu que a oração subordinada ela tem função simpática, sempre hora. Então a oração subordinada adjetiva, já que ela é adjetiva. Ela vai dizer ser a função sintática que um adjetivo exerce na frase quando vem junto a um substantivo, ora adjetivo, que vem junto a um substantivo, é sempre adjunto adnominal. É por isso que as orações subordinadas adjetivas, tanto as restritivas quanto às explicativas serão sempre adjuntos a de nominais. Portanto, se a banca retirar de um texto uma oração adjetiva e perguntar qual é a sua função, você não vai titubear. Só pode ser adjunto adnominal porque vem junto a um substantivo. Dividem se em restritivas e explicativas restritivas, limitam restringem o seu antecedente o aluno que estuda passa. O primeiro passo é perceber que essa oração é adjetiva. Ela é adjetiva porque ela se inicia com pronome relativo esse que é um pronome relativo. Basta substituí lo por outro relativo. É como se eu dissesse o aluno o qual estuda passa. Viu que o que é relativo, então a oração adjetiva oração subordinada adjetiva se vem cem vírgula, oração subordinada, adjetiva restritiva, ora semanticamente, o que ela indica, ela indica que não é qualquer aluno que passa, é o aluno que estuda ela restringe, ela limita o substantivo antecedentes. Então eu quero dizer que há vários alunos, mas que só passa aquele que estuda a oração adjetiva restritiva. Ela faz isso. Ela delimita o substantivo antecedente já explicativa encerra uma explicação, uma informação adicional O homem que é um ser mortal, vive em constante conflito. Primeiramente, observe essa oração se inicia com pronome relativo esse que é igual a qual é como se eu dissesse o homem, o qual é um ser mortal vive em constante conflito. Trata se de uma oração subordinada adjetiva. Se vem entre vírgulas, porque é uma informação adicional, está apenas explicando que o homem é um ser mortal hora trata se de oração subordinada adjetiva explicativa a oração subordinada adjetiva explicativa. Ela vem sempre isolada, por sinal de pontuação que eu quero dizer é que ela pode vir entre vírgulas. Ela pode vir entre travessões. Se o objetivo for dar, não fazer a ela, pode até vir entre parênteses, mas ela sempre vem isolada por sinal de pontuação. Sabe por que? Porque ela sempre pode sair da frase, porque ela é uma informação adicional importante. Ambas as orações adjetivas iniciam se com pronome relativo, referindo se a um substantivo antecedentes. Então toda vez que você vir uma oração com pronome relativo, ela será adjetiva. Tanto administrativa quanto explicativa se iniciam com pronome relativo, portanto, então, como diferenciá las? A oração adjetiva restritiva vem cem vírgula. A oração adjetiva explicativa vem entre vírgulas, podendo também vir entre travessões ou entre parênteses. A oração adjetiva restritiva apresenta informação que não pode ser retirada da frase, é claro, se restringe se delimita é porque é importante, não pode sair dali. Já a oração adjetiva explicativa traz informação que pode ser dispensada da frase. Por isso ela vem isolada por sinal de pontuação e tem três Diante de uma oração adjetiva, a colocação ou retirada das vírgulas gera mudança de sentido do período. É exatamente isto que eu quero dizer. São casos em que a supressão das vírgulas acarretaria mudança de sentido. A frase você quer ver, Observe. Os funcionários que querem sair cedo vão iniciar logo o trabalho. Nesse caso, o que eu tenho, eu tenho uma oração adjetiva que restringe o sentido do substantivo antecedentes. Observe que ela vem cem vírgula ela vem cem vírgula. O que eu quero dizer é que não são quaisquer funcionários. São a apenas aqueles que querem sair cedo, que vão iniciar logo trabalho hora. Portanto, deduzo que há vários funcionários a funcionários que querem sair cedo e a funcionários que não querem sair cedo. Eu estou falando aqui apenas daqueles que querem sair cedo, diferentemente do que ocorre no período seguinte. No período seguinte, os funcionários que querem ser cedo vão iniciar logo o trabalho. A oração adjetiva está entre virgula. Ela está entre vírgulas. Eu estou explicando que os funcionários querem sair cedo. O sentido mudou nesse caso, todos os funcionários querem sair cedo e todos os funcionários vão iniciar logo o trabalho. Ora, cem vírgula eu restringi a funcionários que querem, sai cedo e os que não querem sair cedo entre vírgulas, eu explico que todos querem sair cedo e que todos vão iniciar logo o trabalho. Essa é a diferença entre uma oração adjetiva restritiva e uma oração adjetiva explicativa. A diferença entre elas é semântica dividir os períodos e classificar as orações. Portanto, observe a diferença entre essas duas orações. As crianças que estavam com as caras lambuzadas divertiram se aberto, contando o número de verbas. Primeiramente dois verbos, duas orações Agora vamos dividir as crianças que estavam com as caras. Lambuzadas barra divertiram saber Observe que a oração adjetiva. Ela está intercalando A oração principal da oração principal é as crianças. Divertiram saber A oração adjetiva entrou no meio da principal. Além ter cala oração principal. Veja que eu percebo que ela é adjetiva, porque ela se inicia com pronome relativo esse que é igual a às quais as crianças às quais estavam com as caras lambuzadas Trata se de um pronome relativo. Ora, se a oração se inicia com pronome relativo, ela é objetiva e se vem entre vírgulas, ela é restritiva. Temos, portanto, uma oração subordinada adjetiva cem vírgula restritiva já no segundo período. Veja Eu tenho as vírgulas. Então o sentido mudou e a classificação também. A primeira oração As crianças divertiram saber. Oração principal começa aqui e terminá la. A segunda oração que se inicia com pronome relativo igualzinha anterior, está entre vírgulas. Então mudou a classificação por ação subordinada, adjetivo explicativa. Por que vem entre vírgulas. Diferença semântica Sim. No primeiro caso, só as que estavam com as caras não usadas é que se divertiram à beça. No primeiro caso, havia crianças sem caras, são abusadas e havia crianças com caras vão abusadas. E só as crianças que os caras são usadas, há que se divertiram. No segundo caso, todas estavam com as caras não usadas e todas se divertiram habeas. Trata se de explicação. Vamos treinar com provas recentes de concu