A maior rede de estudos do Brasil

Direito Constitucional - Aula 40 1 - Direitos Sociais (Parte II)play_circle_filled

Transcrição


os amigos, vamos lá. O inciso trinta e três Ele merece uma consideração mais atenciosa. Eu acredito que é o que mais querem provar. Isso cai muito em prova no que diz aquilo trinta e três, fala senhor proibição de trabalho noturno, o trabalho noturno, trabalho perigoso ou que tenha insalubridade a menores de dezoito anos, menor de dezoito anos não pode ser de qualquer trabalho também. Nenhum trabalho a menor de dezesseis anos, ele não pode. Só que a própria Constituição coloca uma ressalva, salvo se esse menor estiver na condição de aprendiz. Mas não é a qualquer tempo e, a partir de catorze anos juntos vamos climatizar isso. Planos com a regra os senhores, dezesseis anos não pode parar sem isso, qualquer trabalho impossível por menor dezesseis anos. Todavia, primeira sessão menor de dezoito anos não pode trabalhar melhor acima dos dezoito anos e já pode trabalhar trabalho noturno, perigoso, insalubre, abaixo de dezoito anos, vedado qualquer trabalho noturno, perigoso ou insalubre. Só que você tem uma exceção que o cara abaixo dos dezoito anos e abaixo dezesseis pode trabalhar desde que ele tenha mais do que catorze anos, catorze anos de idade. Esse infeliz ele pode trabalhar na condição de aprendiz esquematizado com a regra dezesseis anos não pode Primeira sessão abaixo de vetores também impossível para trabalho noturno, perigoso. Insalubre só pode a partir das dezoito anos e catorze anos também. Ele pode ser exceção, porque a baixa seis não pode, né? Mas a partir dos catorze, ele pode, mas na condição de aprendiz grave. Isso sistematizando aí muito bem. E seis, vinte e quatro fala da igualdade entre de direitos do trabalhador com vínculo empregatício permanente e o trabalhador avulso, igualdade dos trabalhadores com vínculo empregatício permanente e também com o trabalhador avulso. Eles têm igualdade, ótimo. Agora muito cuidado de longe esse tema e foi um dos que mais reprovar em concurso público. Leia com cuidado. Parágrafo único. São assegurados a categoria dos trabalhadores domésticos, os direitos previstos nos incisos quatro, seis, oito, quinze, dezessete, dezoito, dezanove, vinte e um e vinte e quatro. Rodrigo, olha a questão de prova, assinale os direitos expressos no artigo sétimo referente aos trabalhadores domésticos. Eu pergunto para os senhores é um assunto fácil da prova, a Talal. Só agora faço, faço, não é? Não. Na verdade agora vai ser só uma técnica mnemônica muito bacana e eu acho que vai ajudar bastante na escolha de dois, na verdade, mas partindo da premissa que não basta aprender, você tem que lembrar grave. Isso é uma frase engraçada, diz. Assim ele, avisa. Federer previa Aposente reduto de largura. Ele avisa Federer. Para havia aposente, reduz viagem. Não olha para ver quais são os direitos assegurados a categoria dos trabalhadores domésticos. O primeiro ele tem que ser isso aqui, Licença, licença, O que maternidade fala, licença maternidade, qual, segundo ele, a licença, O que paternidade paternidade, qual seria o avisa ele avisa Federer. Aviso prévio talvez o prévio, que é o primeiro feito de férias. Décimo terceiro salário repouso semanal, preferencialmente aos mundos Previdência social, na verdade, é aposentar Doria irredutibilidade do salário Fala sério, Dener avisa Federer se aposenta e reduz a licença maternidade e licença paternidade. Aviso prévio, férias. Décimo terceiro, repouso semanal preferencialmente aos domingos. Previdência social, aposentadoria irredutibilidade do salário. Muito bem. Quando se aqui quem prova é para reprovar, você não pode mais reprovada isso basta memorizar, avisa Federer. Previ APOSENTE reduz maior licença maternidade e licença paternidade Aviso prévio férias Décimo terceiro repouso semanal preferencialmente aos domingos a Previdência Social aposentadoria irredutibilidade do salário tranquilo avançando. Observe a observação. Servidor público não precisa de proteção, na verdade, ao emprego, seguro desemprego, FGTS são contra automação e o aviso prévio participação nos lucros, com o reconhecimento de acordo coletivo em convenção precisa de lei de correção, precisa de lei proteção contra a retenção dolosa do salário de servidor público. Não pode ser nada disso. Apresenta Nacional da Verdade para concurso público muito bem, direitos sociais coletivos. O próximo tópico importantíssimo, Direitos sociais coletivos muito bem, nós vamos falar aqui sobre a sindicalização está lá no artigo oitavo, Disse que ninguém é obrigado a sindicalizado se manter sindicalizado e também a greve grande de quem estou falando de greve deve ser difícil. Está lá no artigo um nome para isso, que se refere aos empregados celetistas. Então, lá quando eu falo de direitos sociais coletivos, estou falando artigo oitavo do artigo nono, muito bem olha o que diz o artigo oitavo da CEF é livre. A Associação Profissional Sindical observado o seguinte livre a Associação Profissional Sindical, observado o seguinte a lei não poderá exigir autorização dos estados para a fundação do sindicato, ressalvado o registro no órgão competente, vedadas ao Poder Público a interferência e a intervenção na organização sindical, é claro, o único. Eu estou falando aqui de representação dos trabalhadores. O Estado não pode ter ingerência no sindicato no que diz aqui ou ali. Não pode exigir autorização do Estado para fundar um sindicato. Não existe isso. Estou falando aqui de algo muito importante que a defesa do trabalhador. É preciso um olhar que diz o dois. É vedada a criação de mais de uma organização sindical, em qualquer grau representativa de categoria profissional econômica, na mesma base. Exemplo não pode o sindicato dos professores. Aqui nós temos o Sinpro na mesma base dois sindicatos, porque porque é vedado na mesma base territorial. É vedada a criação de mais uma organização sindical, em qualquer grau, representado por categoria profissional econômica, na mesma base territorial? Pode outro. Isso Brasília Goiânia, Rio de Janeiro, São Paulo, que será definida pelos trabalhadores, empregadores interessados, não podendo ser inferior à área de um município tranquilo. Não pode ser inferior a área de um município muito bem em caso de conflito. Eu quero saber qual é o sindicato mais antigo. Quero saber porque, na verdade, estamos na mesma base, decidiu o Supremo. Em caso de conflito, aplica se o princípio da anterioridade tranquilo em caso de conflito, o princípio da anterioridade ao sindicato cabe à defesa dos direitos e interesses coletivos ou individuais da categoria, inclusive em questões judiciais ou administrativas. Olha quem está falando cargo sindicato A defesa dos direitos e interesses coletivos, ou mesmo individuais pode ser do grupo ou apenas de uma parte do grupo coletivos ou individuais. Inclusive em questões judiciais. O sindicato pode representar em juízo ou questões administrativas pedidos administrativos. Quatro. A Assembleia Geral, isso assembleia geral é o todo o corpo do sindicato. São os trabalhadores, a assembleia geral. Uma garantia também para evitar o desmando de líderes sindicais. E isso a Assembleia geral fixará a contribuição que, em se tratando de categoria profissional, será descontado em folha para o custeio do sistema Confederativo, da representação sindical respectiva, independentemente de uma outra contribuição que está previsto em lei que nós vamos ter que falar para formular, sistematizando isso, sistematizando isso, existem duas contribuições. Primeira coisa Você tem a contribuição, como federativa, fixada pela Assembleia geral e a segunda contribuição que a contribuição sindical criada por lei ou até criada pela Assembleia, pelo corpo para os trabalhadores, assembleia geral se manifeste e outra criada por lei. Vamos falar aqui a primeira confederativa. Cuidado confederativa. Natureza não é tributo, ela não é tributo. Diferentemente dessa contribuição sindical criada por lei é tributo. Tributo tem que ser criada por lei, quando não é tributo. Não estou falando de lei. Aqui vai pela assembleia a confederativa Assembleia geral, A sindical. É por lei Massa quem deve a confederativa? Quem vai pagar somente