A maior rede de estudos do Brasil

4 - Forma - Formato - Técnica De Registro - Espécie e Tipologiaplay_circle_filled

Transcrição


Olá na continuidade, então aquele nossa som de classificação dos documentos. Então nós já vemos alguns critérios que vão dar continuidade aos outros critérios que podem ser utilizados para classificar os documentos. Arquivos Calma a gente já vê o seguinte que os documentos pode ser classificado por vários critérios quanto ao gênero quanto à natureza do assunto, quanto a forma quanto ao formato contra a técnica de registro quanto a espécie, quanto ao tipo ou tipologia, então você já viu e o que é a classificação? Quanto ao gênero, aquela história textual iconográfico, sonoro quanto à natureza do assunto, que são os ostensivos e os sigilosos, como parte. Então para classificação quanto a forma do documento estava mal que quer dizer então a forma do documento está a forma do documento. De acordo com a bibliografia arquivística, seria o estágio de preparação ou transmissão do documento? Então, forma é o estágio de preparação ou transmissão do documento. Se você entendeu, se preocupa. Não é esse conceito? Parece que não é muito claro mesmo, não. A coisa fica mais clara no momento que a gente começa a ver os exemplos do que significa isso. Não sei se preocupar. Não olha só que analisa a forma é o estágio. Preparação a transmissão Documento Exemplos Minuta, O rascunho original e cópia também. A coisa não é tão complicado quanto parece, não. Então quando você produz o documento, ele pode passar por diversos estágios durante essa preparação. Transmissão a cada a primeira versão do documento que está sujeita a alteração, você pode alterar de mudar alguma coisa. É o documento em forma de minuta ou rascunho. Então está fácil, ou seja, deve ter ouvido falar de da minuta, de um contrato. É um contrato pronto. Não seria só uma primeira versão do documento que ele não está pronto e pode ser alterado antes de concluída. Ou seja, ele está em forma de minuta ou rascunho. Essa é uma forma. Depois que documentar pronto e é assinado, você tem aquela versão original no documento. É o documento em forma de original. A sua carteira de motorista que você anda com ela no dia a dia. É um documento na forma original. Ela já foi às Cunha sim, estão lá no Detran, antes era ser assinada pelo diretor declarou. A minuta do rascunho, que, inclusive se tivesse algum problema, algum erro ainda poderia ser corrigido também então o documento passar uma forma de minuto rascunho até que ele esteja pronto assinado. Quando Oliveira o documento original, o documento informa de original. Se você pegar a sua carta de motorista, carta de habilitação e produzir uma fotocópia dela, não. Se agora tem um documento nessa cópia, informa de cópia. Estamos a ter uma cópia do documento também não é tão difícil. Então isso é a forma minuta. O rascunho original, cópia, Então, são formas que o documento pode apresentar, concluiu. Estão avançando mais um pouquinho aqui na nossa e o formato você percebe que o nome é muito parecido. A forma de formato, tão forma, rascunho, minuta original e cópia. Então, isso é forma e formar vai ser o que cuidar para ministrar coisa com a outra. O conselho formado seria o quê? O formato é a configuração física de um suporte de acordo com a natureza e o modo como ele foi confeccionado. E aí complicou também. Engraçado que esses conceitos são até meio complicados mesmo. Até que você pega exemplos para poder entender o que está falando. Então parece complicado, mas não é tanto não voltando o nosso conceito, aquilo configuração física de um suporte de acordo com a natureza e o modo como ele foi confeccionada. Então o nome já diz ao formato, já que está falando suporte compensar um suporte comum. Qual o suporte mais comum que a gente costuma encontrar nos arquivos? Papel, papel não suporte. Então é só o papel suporte, Qual formato que o papel pode apresentar para que eu tenho vários exemplos aqui para você analisar você é que tem um papel e formato de livro. O livro é um formato, ele é um formato para o papel. Você tem aqui uma apostila, já é outro formato para o papel. Até que um papel em formato de caderno, um papel em formato de cartão não é só você tem um documento informática cartão é papel para o formate cartão. Aqui nós temos um documento em papel e formatos de ficha. É que o modelo é o formato mais comum que a gente costuma encontrar. Papel o documento em formato de folha sem presente. Então é só seu Twitter. Maite de ser pega lá, por exemplo, sua certidão de nascimento é um documento, Qual suporte, papel, Qual formato qual for? Marco seja nascimento. Folha Uma folha solta também não estar encadernadas, não forma boschilia no forno Livro não tem formato de cartão, é uma folha simplesmente uma folha sobre o papel informativo. Folha Também não é tão difícil, Não. Formato é o aspecto físico que o porque o suporte apresenta caminho simples Livro, cartão, Folha, Ficha. Ou, então em seu formato do documento, o próprio nome já diz que não é tão complicado. Não papel, suporte formato é o aspecto físico que esse pressuposto apresenta. Tranquilo. Não confundam a coisa com a outra Olha só até para para confirmar isso nessa questão é que é uma prova do Cespe, do Ministério da Saúde. Para arquivística, os vocábulos forma e formato possuem significados bem distintos. Acabei de falar cuidar para confundir a coisa com a outra. Denomina se formato a configuração física do material sobre o caso. Informações são registradas de acordo com a natureza e o modo como foi confeccionado também no formato Confederação Física. No material de suporte, por exemplo, cartaz, caderno, livro, mapa, rolo de filme e outros, perfeito já forma refere se ao estágio de preparação e transmissão do documento. Por exemplo original, cópia, minuta e rascunho perfeita. Exatamente isso também tem essa questão, diz exatamente a diferença de forma e formato perfeito. Boa parte da técnica de registro. Antes a gente patek no registro. Eu já adianto seguinte desses aspectos todos que a gente está analisando. Aquilo forma informações que menos costumam cair em prova. Pelo menos pela análise que eu fiz até hoje é assim não quer dizer que na sua prova vai cair, pode ser que cai. Mas a chance é menor se considerar as provas anteriores. De todos esses aspectos, que menos houve até agora é forma de formato, principalmente formato. Então cai muito, muito pouco não pode cair, pode, mas a chance é menor, uma parte para a técnica de registro dessa. O que seria a técnica de registro, como o próprio nome diz, é a técnica utilizada para registrar a informação. Como assim? Analisar eleição refere se a técnica utilizada para registrar a informação No momento de criar um documento. Por exemplo, você pode ter um documento manuscrito na escrita à mão. Pode ser datilografada, utiliza da técnica verdade da fotografia ou você pode usar a técnica da impressão, por exemplo, é um documento impresso, Está vendo. Isso é técnica de registro como você fez para que a informação fica ali fixada naquele papel. Por exemplo, você pode ter datilografado, pode imprimir o documento impresso, pode ser documento mimeografado. Talvez você lembra da sua época de escola? Então isso é a técnica de impressão ou não. A técnica de registro melhor técnica de registro para essa é outra característica documento pode ter também não é um item que consumo cai tanto. Não pode ser que aparece bom um parte. Então para os dois estão faltando. Então, esses hoje são cobrados com um número maior de questão. São, geralmente, caem com mais frequência, espécie, tipo ou psicologia. Se eu fosse o estádio, para vocês, os que mais caem Espécie tipo de ecologia, gênero e na três assuntos, os seus que os custos vão cair com maior frequência. Esses aqui são mais raros, raramente cai em prova, mas podem cair. Os mais comuns são esses outros quatro. Que então fechar com a espécie e tipo de ecologia. E uma dica, espécie, tipologia documental, são dois conceitos distintos, só que eles são parecidos e se confundem. Então você já sabe que o governador vai fazer se eu tenho dois conceitos parecidos que dá para confundir um com o outro aí agora o cara, o sujeito que elabora as questões a faz