A maior rede de estudos do Brasil

2 MERCADO DE CREDITO PARTE 2video play button

Transcrição


olá pessoal, voltando aqui para a gente continuar a nossa luta de mercado de crédito dos produtos ofertados no mercado de crédito. A gente viu até caderneta de poupança. Agora a gente continua na com operações passivas e com uma das mais importantes operações passivas realizadas pelos pelo pelas instituições bancárias que é o CDB É importantíssimo título passivo em cartazes e uma cooperação passiva praticada. Ele é um certificado, deve depósito bancário, mas vão prestar atenção no nome dele. Certificado de depósito bancário que este título significa hora eles científica que você tem um depósito no banco. É muito simples, não é essa. A gente foi prestar atenção o próprio nome do tiro, mas já disse tudo sobre ele. Então você vai ao banco. Você faz um depósito aqui. No caso de aposta prazo, você retira desse depósito um certificado que promete o que o que você tem. Por exemplo, daqui a um ano, uma taxa de rentabilidade de dez por cento. Se você depositou mil, então você vai ter, daqui a um ano, mil e cem reais esse título, esse certificado de depósito bancário. Ele te garante isso, que daqui a um ano, por exemplo, você tem uma remuneração de dez por cento sobre o valor do depósito. Isso está essa definição pura e simples de um título, ou seja, o certificado de depósito bancário oferece para o seu detentor, oferece um direito. Creditório prazo, mas vai no banco de novo. Deposita? Mil reais. O banco vai te dar esse título. Esse certificado de depósito bancário ao título existe. Talvez você não tenha nenhum papel, mas ele existe eletronicamente e você está assina hoje em dia. Não está tão tecnológico casas pelo próprio celular, ou seja, assina um CDB, por exemplo, você contratá. Operação dessa muito simples, muito facilmente pelo celular mesmo. Mas existe um título eletrônico que te garante um direito de um direito creditório a prazo. Ou seja, a gente dá o direito a receber daqui, por exemplo, um ano, uma taxa de remuneração de dez por cento sobre o valor depositado. Está aí como que essa remuneração depender, Ela pode ser prefixada, o que significa ser prefixada. Quando a gente já sabe na largada, vamos assinar na contratação dessa operação, qual vai ser a sua rentabilidade. Então, por exemplo, esse caso cadeira você tem, você contrata um sendo a uma taxa de dez por cento ao ano de remuneração pré fixada. A taxa já estabelecida no momento da contratação. Ela pode ser, posso fixada. Como o próprio nome sugere esse essa remuneração, essa rentabilidade, ela só vai ser definida após a contratação de posse, fixada fixada após a contratação do título. Vou dar um exemplo o bebê que remunera o seu detentor, a taxa Selic. A gente não sabe como vai ser a taxa Selic daqui um ano. Existe uma previsão, mas a gente não sabe qual ela. Então, ela é posso fixada. Vai ser decidida só daqui a um ano. Então, só daqui um ano vou saber quanto vai ser a minha rentabilidade. Esse é um caso de taxa pós fixada. E o do pré fixada, quando a gente já sabe na largada, na saída, o valor da taxa, por exemplo, meu bebê remunera a dez por cento ao ano fixado também. Isso isso não temos que a gente falar. É um título emitido por instituição financeira correspondente a uma operação passiva, o que representa um certificado de depósito bancário cuja remuneração vai ser definida para o pós fixada. Depende da contratação depende do que o banco pactuou com o seu cliente, com o seu correntista. O que a gente tem, a gente vai ter uma gama muito grande de títulos emitidos por instituições financeiras, que correspondem a operações passivas. Por exemplo, letra de crédito imobiliário, letra financeira, letra de crédito do agronegócio. São vários títulos financeiros que tem o mesmo fundamento do que explique. É que agora para você, só que o que aconteceu a aplicação do dinheiro levantado com esses títulos em geral é definida. Então, por exemplo, a letra de crédito imobiliário, ela representa um título que tem o direito Creditório. Então você vai lá e compra uma letra de crédito imobiliário. Mas ele saiu essa letra de crédito imobiliário. O dinheiro vai para financiar o crédito imobiliário e a garantia desse título. É o crédito imobiliário. É um imóvel que estava sendo financiado com aquele dinheiro levantado. O que acontece tem, a gente tem uma gama de variantes de operações e de captações. Não vou trazer isso no material, porque nem toda a prova cobra isso. Eu recomendo que você leia isso lá no seu CPF, Lei, de uma maneira leve e tranquilo, não se preocupar muito. As bancas são do colo, não cobram com muitos detalhes, mas leia se Oriente. Todas são operações passivas, Inclusive eu vou para que está vendo ao vivo. Eu vou colocar sal lá na segunda feira, dia de operações passivas e ativas tanto por base contra o Banco do Brasil, quanto para o estava fazer sua segunda feira. Inclusive vai ser quando eu vou conseguir sair da aula para todo o mundo desde o dia todo. Vai ser até amanhã, só segunda que vão poder olhar para outra coisa. Além de vocês também estavam lá o certificado de depósito, uma carta, Como disse, eu vou adicionar outros outros títulos que correspondem operações passivas, mas eu recomendo que vocês nenhuma no material está. Eles são menos importantes para a prova, mais vale a pena aí agora, então a gente fecha operação passiva, a gente vai para operações ativas e aí abrir de novo, aqui eu vou abrir os lá de novo para a gente começar a discutir as operações ativas, está e eu vou, Eu vou fazer um resumo das operações ativas que a gente vai trabalhar está na aula de nesse bloco E quais são elas. Desconto de títulos, capital de giro sem defender o crédito direto ao consumidor, crédito rural e uma operação que não necessariamente uma operação ativa, mas ela é cobrada em provas e a gente tem que discutir ela. É lisinha que a operação de arrendamento mercantil ela é uma operação praticada pelas instituições financeiras que têm a carteira de arrendamento mercantil. Então, a gente vai discutir essas atividades no seu material. Haverá a discussão de outras. Ainda está mais. Essas são as mais relevantes importantes para a gente discutir aqui na nossa, só para responder uma dúvida que Nelson Professor, além do seu bebê, está sujeito ao risco de mercado, oscilação de valor de risco de crédito. O calote pode sofrer risco de liquidez? Dimensão sim. Todo o título financeiro ele tem esses riscos implícitos. Risco de cair no risco de liquidez, Risco sistêmico. Ele sofre esses riscos? Sim, mas esses riscos são não eliminadas. Mas eles são reduzidos com o Fundo garantidor de Crédito, por exemplo. O fundo garantidor acaba protegendo até duzentos e cinquenta mil. Como a gente viu as contas e assim reduz essa exposição a um eventual calote da instituição financeira. Por exemplo, ele está sujeito a riscos de mercado? Sim. Se ocorrer variações nas taxas de juros, tal, mas só no título posso fixado o pré fixado não tem esse risco porque a taxa de juros está prefixada. E de modo que você já sabe a sua remuneração, mas um título posso fixado, por exemplo, pode acontecer se a taxa de juros caiu muito e é pós fixado. A remuneração também caiu muito de isso representa um risco de oscilação de mercado para o título, mas assim, esses riscos presentes não saber beleza, vamos lá, vamos discutir aqui essas operações. Não tem nada assim, muito nossa. Que difícil, complicada, tudo tudo tranquilo, o que é bom para a gente. Mas o que a gente tem que saber nessas operações aqui como um todo, até colocar nessas operações como um todo e que a instituição financeira está procurando está procurando rentabilidade. Ela está procurando ser remunerada, ora está procurando por receitas, Claro que lucros. Essas operações aqui são as operações que no mercado de crédito, vão trazer as receitas para as instituições financeiras daqui, que elas vão tirar o dinheiro que ela está fazendo. Desconto de títulos capital de giro cedessem crédito direto ao consumidor crédito rural, operações, utilizem financiamentos dos mais diversos concessão de crédito, cheque especial, conta garantida. Tem ele ele possibilidades de operação de crédito, mas e