A maior rede de estudos do Brasil

03 1 - Divisão do Sistema Nervoso- Central, Periférico, Somático e Autônomovideo play button

Transcrição


meu nome caiu Costa curta! Eu sou acadêmico de medicina do quinto ano da UEPA. Eu vou ministrar aula de agora de divisão do sistema você do sistema nervoso, o sistema nervoso ele vai se dividir anatomicamente em duas porções principais Sistema nervoso central e o sistema nervoso periférico. Essa divisão ela é essencialmente anatômica, porque porque o sistema nervoso central vai se caracterizar como aquela parte do sistema nervoso que se localiza dentro do arcabouço próximo, não seja do esqueleto oficial apresentado pela coluna vertebral e pelo crânio, essas porções seriam o encéfalo e a medula espinhal externo. A esse arcabouço a gente vai ter o sistema nervoso periférico, a empresa que vai ser apresentado principalmente pelos ACS, Sonhos dos negros que partem do sistema nervoso central e por somas por cor, por ser neuronais que se apresentam fora do arcabouço sócio esses corpos neuronais eles vão ser chamada de ganho chamados de gânglios, porque nessa imagem a gente consegue ver o sistema nervoso central representado em suas porções. A porção mais inferior seria a medula espinhal, protegida pela coluna vertebral, a medula espinhal. Ela se divide assim como a coluna imposto nas porções cervical torácica. Lomba, diferente da coluna não, não vai ter a porção que seja, porque, conforme embriologia, a coluna vertebral cresce mais do que a medula. Dessa forma a medula ela se ela consegue se estender no máximo até o nível até os níveis entre ele e um e ele dois da coluna vertebral. Anteriormente a medula, a gente vai encontrar o que nós chamamos de tronco encefálico. Outro encefálico se divide em três porções da mais superior para mais inferior. Seria o mesencéfalo, a ponte posterior ao tronco encefálico. Nós vamos encontrar o cerebelo e acima do cerebelo e do tronco encefálico, a gente encontra o que chamamos de cérebro. O cérebro seria representado por quê? Pelo telencéfalo e pelo de encéfalo de encéfalo. É uma porção localizada interiormente, as vesículas dizem as vesículas excelência fálicas. Ele vai ser apresentado principalmente por uma estrutura chamada tálamo, que seriam relegadas vias sensitivas, ou seja, por onde passam quase todas as vias sensitivas. Nessa imagem a gente vai vai encontrar um corte sage tal e com uma vista media um corte sai edital do encéfalo, sendo que Youssef foi representado pelo telencéfalo, pelo de encéfalo, pelo tronco cerebral e pelo cerebelo, e aqui a gente ganha uma vista mente, algo que a gente consegue ver aqui de inferior para o superior. A gente consegue encontrar as estruturas do tronco cerebral, conforme já foi citado o mundo, a ponte e o mesencéfalo. Posterior a eles localiza se o cerebelo e superior do cérebro, tanto as as estruturas do cérebro quanto da medula espinhal. Elas são protegidas não só pelo acabou sócio, mas também por uma por uma equipe de membranas fibras elásticas que nós chamamos de mini. As meninges são divididas em dois grupos a dura máter, ou seja, mais externa, chamada de Pac Meningite, enquanto que as duas outras as duas outras meninas localizadas mais interiormente são chamar compõem a PAC Min Alex Domingo, que seria a partir da chegada da equipe de membranas Alepo. Domingo é composta pela área que nós e pela pia máter, sendo que entre a pia máter e as travei populações que a que a minha jaraqui noite emite Até essa, até a pia máter circula um líquido cefalorraquidiano. Essas três meninas elas estão presentes tanto envolvendo o cérebro ponto a medula, sendo que quando elas envolvem a medula elas não, elas não apresentam exatamente a mesma conformação que não serve porque pela presença dos dos dos nervos espinhais, então é importante saber que a dura máter acompanha a saída dos nervos espinhais, sendo que por isso alguns autores passam a considerar o sistema nervoso central somente a partir do fim da dura máter, ou seja, somente vai ser sistema nervoso periférico quando a dura máter se diz continuar daquele nervo espinhal. Nessa imagem a gente vai ganhar um conceito diferente que seria unidade funcional do sistema nervoso, que que é um neurônio moro na Europa ele tem três porções o celular, o ato sonho corpo celular. Ele se localiza principalmente e, mais especificamente, falando do telencéfalo. Se localiza em duas porções. Seriam elas o córtex cerebral, localizado mais externamente e no começo da base, os núcleos da base são autorizados mais internamente, mas principalmente nessa região. Entre essas duas porções de coco, copos neuronais agrupados, a gente encontra os sonhos desses neurônios, as acções, os sonhos eles são, em sua maioria envoltos por banha de menina a bainha de mielina. Ela tem uma coloração mais esbranquiçada. Por isso, quando muitos acções se agrupam, a estrutura ganha uma coloração mais esbranquiçada como um todo. Nessa imagem conseguem encontrar a substância branca nessas regiões, diferente do da região do telencéfalo na medula, a conformação entre substância branca e cinzenta é diferente, porque a substância cinzenta se localizam interiormente, e a substância branca e exteriormente, bem, ao contrário do que a gente acabou de ver. Além disso, há uma outra. Há um outro conceito que o conselho de gangue. Como já foi falado lá no início, Leandro é o que chamamos de agrupados de copos neuronais, fora do sistema nervoso central. Nessa imagem, tiver grifado em amarelo o ganho da raiz dorsal, que seria o primeiro desculpa, o último contato que os nervos periféricos sensoriais vão ter antes de chegar num sistema nervoso central, então aí a gente vê um agrupada de copos neuronais fora do sistema nervoso central. Agora, falando do sistema nervoso periférico, a gente vai observar que os negros Dennis, os nervos periféricos, ele se agrupam conforme a região da medula da qual ele se origina. Então, a gente vai ver que, da porção das porções cervical Lomba e sacral, os nervos periféricos dessas regiões se agrupam, que nós chamamos de plexo, seja ele do complexo cervical, o plexo lomba, o plano sacral. Já os negros disse que emergem da medula dorsal fundamento. Eles não formam complexos. Eles formam os nervos intercostal. Nessa imagem a gente vai perceber que os nervos, os nervos periféricos eles não se originam somente da medula da medula. O espanhol. Aqui a gente consegue perceber outros negros periféricos que se originam de regiões do crânio. São eles o nervo vago e e o nervo espinhal, acessório aqui abaixo Esses negros, eles fazem parte de um grupo de doze nervos cranianos de doze membros que emergem de regiões ucranianas. Eles emergem dez deles. Os dez últimos emergem do que nós chamamos de tronco encefálico e dois deles não são propriamente nervos cranianos, mas também emergem de regiões da região do sistema nervoso central protegida pela Ucrânia pelo já funcionalmente, a gente vai ver que o sistema nervoso central se divide em somáticos e visceral. Estava nervoso somáticos. Ele se divide em outras duas partes do sistema nervoso somáticos porção diferente e a porção referente A porção referente é aquela porção motora que se dirigem aos músculos estriados esqueléticos, principalmente e são responsáveis pela movimentação geral do corpo. A porção referente a porção diferente a porção sensitiva, responsável por captar sensações das regiões mais externas ao corpo como por exemplo da pele, sistema nervoso visceral, já responsável pelas pelas expulsões, mas pelas funções mais internas do nosso corpo, sendo a maioria delas não todas seriam consideradas inconscientes. Ele se divide também a referente referente do termo à frente se refere a informações que chegam ao sistema nervoso central. Enquanto tenho referentes, seriam informações que saem a partir do sistema nervoso central. Então o sistema nervoso visceral, porção diferente diria respeito aos receptores de distensão aos receptores de estresse localizados nas nossas vísceras, a exemplo do trato gastrointestinal. Já o sistema nervoso referente visceral por são referentes ele ganha outro nome que seria o sistema nervoso autonômica. Sistema nervoso autonômica ele é responsável, tem funções motoras, é responsável pelo controle de