A maior rede de estudos do Brasil

VIDEOAULA  DE ONDAS SONORAS FÍSICAvideo play button

Transcrição


fala galera, beleza. Estamos aqui com mais uma aula, quem fala para fazer hotel e vamos de acústica serão cinco aulas de ondas sonoras para essa daqui. Vai ser nossa primeira ao então. Fique ligado aí que são uma parte muito importante da física. Está isso é que vai servir para vocês lá no futuro. Vocês foram estudar também a parte de física moderna a partir de ondas, comportamentos de ondas, beleza, Então vem comigo. Vamos com tudo, beleza. Vamos lá começar falando Sobre a característica das ondas sonoras, elas são ondas mecânicas que quer dizer isso, Gente! Um dos mecânicos. Ela precisa de um meio para se propagar. Seja sólido, líquido ou gasoso. Onda sonora ela pode se propagar no meio sólido e líquido ou gasoso Beleza! Essas ondas são longitudinais. Lembra que eu já falei com vocês? A direção de propagação coincide com a direção de vibração. Isso aqui já foi falado há um começo de ondas e são tridimensionais. Elas se propagam nas três dimensões joia. Então, fazendo analogia com curso de ondas em uma corda que a gente já falou também olha só a onda sonora seriam uma coisa desse tipo. Olha só um deslocamento não podemos falar que que uma onda de deslocamento, então a vibração das partículas não são transmitidas para as outras partículas seguintes, então pessoal sejam seus olhares bem de pertinho. É que isso pode reparar que nós temos regiões é que de compressões em regiões de ralé fações. Repare vou botar que uma imagem para você consegue enxergar melhor para essa região vazia de poucas partículas. Aqui é uma região de infração. Agora essa região aqui na região que a gente fala de compressões, há uma grande concentração de partículas. E aí repara que com gráfico aqui embaixo, isso é que nós temos uma onda. E qual é o cumprimento de onda que se a gente olhar o comprimento de onda e à distância de duas cristas ou dois vales? Não é então vista que seria o comprimento de onda da nossa onda sonora para sua? Que bacana, então zonas de rádio, inflação e zonas de compressões. Então essa daí que é feito uma onda sonora, beleza a gente então era formada por essas aqui, uma série periódica sucessiva de compressões e ari fações beleza, então mesmo desenho de uma mola que ela seria muito semelhante. Uma mola, então não era temos aqui nossa onda e agora vamos ver a frequência sonora. A frequência sonora existe no espectro sonoro, os sons audíveis e os sons que a gente não escuta os sons não audíveis. Veja só o infrassom. É uma região de zero até vinte e beleza. Olha só da escrita até esse gráfico que ele antigo tá. Então tá até o e fiquem ainda mais Beleza de uma inflação vai de zero até vinte a de vinte até vinte mil. É o som que nós seres humanos conseguimos escutar nesse intervalo. Aqui acima de vinte mil, fica o ultrassom que repare que o cumprimento de um ano vai afinando beleza. Então ela nós temos um inflación, que é o caso aí, de abalo sísmico que é usado. É o som emitido por Tigre para paralisar sua presa a usados em armas de guerra. Também esse som até vinte acima de vinte e sete vinte mil reais já é o traço som que é aquele som usado pelo morcego na ecolocalização. Um gol fim ou também usado para aqueles exames para ver o bebê que um comprimento de onda bem pequeno, então ele perneta no tecido. Só que interessante. Então você consegue ouvir os detalhes do bebê usado na ultrassonografia beleza a gente. Então o som é esse, que vocês é o nosso espectro sonoro. Vamos ver um exemplo. Então, de como que isso poderia ser cobrado de você? Se você quiser ser pausa ouvindo agora e vem comigo, tá tenta fazer responder. E depois se confere a resposta. Então vão a Fuvest e o som de um apito é analisado com o uso de um medidor que em sua tela visualiza ou padrão apresentado na figura abaixo a beleza, a variação de pressão, intervalo de tempo. O gráfico representa a variação de pressão que aonde a sua nós é sobre o medidor em função do tempo para que está aqui em microssegundos, analisando a tabela de intervalos de frequências audíveis por diferentes seres vivos, com coisas que esse apito pode ser ouvido apenas a gente, cara, Ele deu só se frequência no cachorro do ser humano, no sapato do gato do morcego. Para gente calcular esse daqui a gente temos que saber essa frequência. Ele deu que só o tempo, o intervalo de dois quadrinhos, mas eu sei que a distância entre duas listas, um comprimento de onda e eu tenho um intervalo de um cinco, de um período inteiro, Então se eu quero um período inteiro eu vou pegar a distância de que duas cristas. Então ser que tem dois quadrinhos e vai virar o quê? Quatro quadrinhos, quatro quadrinhos da qual cada quadro vai reservar vários? Cinco, Então no final, não vamos ter vinte vinte É o que a gente. Como o tempo é o período, um ciclo de uma volta não é. Então isso aí vinte micro segundos, beleza, tem um tempo, mas porque tem o meu tempo com a frequência. Aí eu relaciono agora com aquela forma. Se eu tenho um período, consigo achar frequência, porque a frequência é igual a um. Sobre o período, passos aqui, dividindo, vindo um dividido por vinte e passo dez, levada menos seis para cima, Muito achar que cinquenta mil agora tem a frequência fornecida pelo gráfico. Agora vou analisar, analisa. E qual deve se enquadra? Bom sapo muda ao ser humano da O cachorro não vai ouvir, o gato pôde ouvir o ódio. É só estar dentro, o gato, um gato. Houve até sessenta e cinco mil mocellin, até cento e vinte mil, Então tá ótimo. Então quem você ou seja, daqui a resposta vai ser alerta. Deu gato, o moço, beleza a gente. Então, é assim que pode ser cobrado de vocês. Sobre essa parte de aspecto sonoro, vamos ver outra coisa que agora vão ver o outro meio. Vamos ver que, ao certo animar aquático têm um órgão auditivo sensível a uma faixa sonora de frequência entre quarenta reais e duzentos e quatro duzentos e cinquenta reais, sendo mil quatrocentos e cinquenta metros segundo a velocidade da onda sonora. No meio em que ele vive beleza, onde não só um animal aquático está dentro da água mesmo ver quais são os cumprimentos de ondas correspondentes, as frequências máxima e mínima audíveis por esse animal, que é o cumprimento de onde a gente bom no mínimo quarenta e um máximo dos anos cinquenta. Bom, eu tenho a velocidade muito tranquilo. A gente só fazer o cálculo olha só mil quatrocentos e cinquenta dividido pelo menos cinquenta. Eu vou ter o cumprimento de onda que o que o mínimo e o máximo comprimento de onda máximo eu vou pegar a frequência mínima e vou dividir show de bola. Então aí nós temos o cumprimento máximo. Você reparou que a frequência mínima vai introduzir o cumprimento de onda máximo e ou a frequência máxima. Vamos produzir um comprimento de onda mínimo. Lutar então um mínimo. Você se cinco vírgula oito e o máximo vai ser trinta e seis vírgula vinte cinco. Então tome cuidado com isso. Esta, então mim comprimento de onda mínima e o comprimento de onda, mas não basta pegar o que as frequências nos dois intervalos que o animal pode escutar, né? Então, é essa que você, o comprimento de onda do mar, que esse animal, o animal aquático, vai estar submetido show de bola muito mais cara. Vamos ver uma outra propriedade do som era. Mas vimos aqui até agora com as propriedades sobre frequência. Vamos ver agora de inflação do som, que vem a ser a de inflação de França a capacidade de contornar obstáculos. Bom, nosso ouvido, ouve de vinte a vinte mil. A gente viu aqui, no aspecto auditivo, de mínima de vinte e máxima de vinte mil. Então, quais são os comprimentos de ondas desses desses valores? Com base nesses comprimentos de onda, gente sabe? Consegue saber se a onda que vai passar por obstáculos sem contornar pelo estado. Então, isso que é bastante interessante. Eu dividia, supondo que seja. Trezentos e quarenta velocidade. Nós temos um comprimento de onda de dezessete metros, o máximo e o comprimento de onda mínima de um vírgula sete centímetros. Beleza Então, isso é que costumam pessoal falar que está entre dois centímetros! Vinte, Então essas ondas, elas conseguem sua frente de infração. Tiver, porque