A maior rede de estudos do Brasil

PRIMEIRA SEMANA DE DESENVOLVIMENTO EMBRIONÁRIO - EMBRIOLOGIAplay_circle_filled

Transcrição


sejam bem vindos a mais uma aula aqui no seu perfil do biólogo Dúvidas aulas de biologia exclusivas aqui dá passe gratuito chamado Patrick Gomes. E na aula de hoje você vai ficar por dentro de como acontece a primeira semana de desenvolvimento em abril na área está se você quer aqui de paraquedas eu já postei uma aula sobre espermatogênese e uma aula sobre o Bolognesi e também já postei as aulas completas de embriologia. Está aqui à da primeira semana e eu já postei aula na segunda semana em aula da terceira semana, Então cola comigo aqui nessa série de aulas que eu tenho certeza que irão ajudar a paz. Não segue aqui o nosso perfil pega teu caderninho aí pega lá. Precisamos fazer algumas anotações quando você terminar. Salla, que também tem a aula, também tem resolução de questionário sobre esse assunto aqui no meu perfil completo aula e tu tem a resolução de questões que estão, Você não tem aí justificativa para não começar a seguir aqui. O meu perfil está estavam agente primeira semana de desenvolvimento embrionário. Ela é marcada pela fecundação e a clivagem clivagem nada mais é do que divisão. É o nome de um bonitinho para a segmentação para cortes que acontecem divisões que acontecem com o que foi formado sem aumentar o tamanho. Apenas apenas estruturas são formadas a partir de do zigoto voltar falando. O nome dessa estrutura está então espermatozóide e óvulo são as células germinativas ao vosso secundário ou agosto dois e o espermatozóide. Para poder acontecer uma gravidez, tem que acontecer inicialmente uma fecundação, a fecundação. Ela acontece nas tubas uterinas ou também tropas. Vai depender muito do livro que você está lendo. Esta isso espermatozóide aqui que é uma célula específica para essa finalidade. Tem uma cabeça e que tem o cromossomo a cromossomo. Possuem enzimas ácidas. Essas enzimas são tão importantes para ocorrer o processo de fecundação. No caso o processo de ruptura da zona pelúcida para poder ocorrer a penetração pela corola adiada, que já estão fala de partes do gameta feminino. Então esse aprosoja, que é rico em enzimas, ele vai ser fundamental para quem não tem essa passagem aí do material genético. Julgamento em cem do material genético para o interior do alvoroço enzima a proxima causa análise da zona pelúcida olha só a cura na zona pelúcida vivem em média de um a três dias, na genitália feminina. Só que pode viver mais tarde. Pode viver também muito menos muitos homens. Aí tem até gametas mortos e nem sabe. Está uma voz secundária. É uma célula gigantesca, está. Pode também viver aí média de dois dias e estão em vai variar de mulher para mulher. É uma célula que é liberada a partir da influência de alguns hormônios. Aqui, o poço condicional, hormônio luteinizante, que é o hormônio que promove a população e também nessa célula, só conseguiu chegar ao processo de imatura. Só ficou madura por conta também da ação do MPF ao mundo. Folículo estimulante que também vem da hipótese juntamente com o que quer dizer com tudo isso que ela era. Não é uma célula que surgiu por acaso. Não. Diversas estruturas foram fundamentais para que acontecesse o surgimento dessa célula Está, Então, você pode perceber aqui que literalmente voltar aqui o julgamento. Ele vai ter duas regiões, ele vai ter uma região chamada de zona Pelúcida é uma região chamada de corona adiada, então o gameta tem que penetrar essas duas camadas aqui para poder atingir o núcleo julgamento a família tentar. Isso não acontece de uma forma muito fácil. Não tem que ter toda uma compatibilidade entre lamenta e a corona adiada para poder acontecer Uma reação. Essa reação, ela é importante porque ela impossibilita que outro gameta fé, onde também então sempre vai acontecer a fecundação entre julgamento masculino e um família, tentar o caso de gêmeos. Isso é outra coisa, mas um calor deixar de clara isso esclarecido. Não tem essa de dois gametas entrarem dentro do vosso secundário. Não está, então liberação. Na exemplo, resina com você pode perceber na imagem, com a entrada de outros. Com a entrada de um, outros não podem entrar. Isso se dá por uma separação que acontece aí da zona pelúcida e da corona adiada, impossibilitando que outro da média contra o gameta acabem entrando dentro do posto. O nome dessa reação nós chamamos isso de reação cortical. Tá que a liberação de conteúdos que afastam a membrana plasmática da zona pelúcida mostra que, para vocês, essa é a zona pelúcida que têm contato com a membrana plasmática. Então, essa reação que desencadeia aqui ela vai ser importante para acontecer essa separação. Digamos que seja a membrana que seja a zona pelúcida. Com a separação, olha só a distância, impossibilitando aí que outra ferramenta acaba entrando Em Maceió, está acontecendo a fecundação. Alguns eventos ocorrem está o núcleo do espermatozóide permanece inativo até o fim da divisão do vosso secundário. Falei sai na Odeon Bolognesi que o gameta feminino ele não terminou. O Inter aumenta o seu processo de maturação com a fecundação. Ocorre aí esse término. Há quem diga que a doação do centro miolo por parte do gameta masculino é fundamental para a conclusão desse processo de maturação, lembrando também que quando acontece a fecundação, todo o citoplasma do gameta masculino, toda célula é dilacerada. O que vai entrar só vai ser o material genético e um centro de luta. Acontece depois a carioca mia, que a união dos dois materiais genéticos está o que aconteceu no processo de fecundação, inicia se um processo de clivagem. Isso tudo aqui, Psol ainda a nível de tuba uterina a nível de tubo uterina, e tudo isso que aconteceu na primeira semana após algumas horas depois da fecundação. Então, como se pode perceber? Eu tenho aqui o zigoto, que é uma célula que é uma célula formada a partir da fecundação essas em Gotham, aquele vai aumentar de tamanho. O que vai acontecer são sucessivas Mitose está com ele. Olha só uma célula origina duas. Só que não aumenta o volume são lá, não vamos falar e continua mesmo então dois, quatro, oito até formar uma mórula que já tem dezesseis esta e depois um blastocisto que já tem trinta e dois células beleza Patrick. Essas são vizinhas. Chamam de que o chamam de Glastonbury. Cada bastón melhor informar que o blastocisto então blast consiste em um conjunto de las Thomas. A mola também é um conjunto de Glastonbury. Entretanto, em menor quantidade com relação ao blastocisto, então a clivagem ocorrem em média trinta horas após a fecundação. É um novo Oleg Olé cito, ou seja, com pouco vitelo. Em se tratando da espécie humana, a gente costuma ter dizer que é a leste porque de fato não vai ter aí literalmente vital para o que quer. Que terno vitela uma reserva nutritiva e fundamental para nutrição dessa célula, peca que a o próprio corpo materno passa à Nutrícia. Se o organismo quarenta e cinco horas é atingir o estágio de quatro bastón, meros olha só aqui, em mais ou menos três dias, atinge um estágio de doze a dezesseis. Bastou números, então temos já uma mórula. Então chamamos isso. Demora Ela está bem simples galera bem, sei que não tenho que complicar não, mas não tenho complicada, então olha só por volta do quarto dia, a mola atinge o número, atingiu um. Terão então em média quatro dias. Vai ser essa migração que acontece por meu. Por meio de movimentos do gado, do esgoto por meio da tuba uterina, eles ficam presos e vão girando lá pela tomou uterina. Está inclusive o processo de implantação. Ele pode acontecer na tropa se isso aconteceu na tuba uterina. É uma gravidez ectópica. Tem que ser interrompida por volta do quarto dia. Amor ela atinge o útero e no interior da massa compacta começam a aparecer pequenos espaços esse espaço aqui ele é chamado de bastão, sele as células do do blastocisto, não confundam blastocisto com Gaston Baixos tomará o nome da célula. Blastocisto é o nome de toda a estrutura. Então olha só aquece Monte de Glastonbury. Eles começam a se concentrar aqui. Esse espaço aqui é a Blast Conselho Lee. Esta essa camada mais externa nós chamamos de troff, o Bastou essa camada mais interna chamamos de embrião Basto. Essas