Logo Passei Direto

A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
16 pág.
realidade regional

Pré-visualização | Página 1 de 1

ÁGUAS LINDAS DE GOIÁS
Geovani de Mattos Ramos
Higor da Silva Assunção
Isabella de Paula Goulart
Entrevista com Virgínia de Oliveira
Moradora do Solange Park/ Goiânia-Goiás
40 anos de idade
Divorciada com dois filhos. Uma filha com 11 anos e um filho com 21 anos. Mora somente com a filha pois o filho já é casado.
Nasceu em Iporá-Goiás (226km de Goiânia). Só morou em Goiânia e Iporá.
Possui três irmãos: Uma irmã de 36 anos que mora em Goiânia. A outra irmã tem 32 anos e mora na zona rural de Cocalzinho de Goiás. O irmão possui 37 anos e também reside em Goiânia. 
Ensino médio incompleto pois estudou até o 2° ano do ensino médio.
A filha mais nova estuda no período vespertino da Escola Estadual César da Cunha Basto. No período da manhã fica sob cuidados da avó materna enquanto Vigínia trabalha.
Sua renda mensal é em torno de 700 reais + o benefício do Bolsa Família. Relata que anteriormente à pandemia recebia o valor de R$ 40.00 referente ao benefício e após a pandemia passou a receber o valor de R$ 250.00 mensal. 
Planos de vida: Como mãe solo, pretende continuar afastada do conjugue que é pai da filha de 11 anos e almeja independência financeira como manicure.
Entrevista Raina Rodrigues da Silva
Moradora do Setor Jardim dos Ipês Aparecida de Goiânia
23 anos de idade
Ensino médio completo
Solteira com dois filhos. A criança mais velha é um menino de 7 anos. Possui também uma criança menina de 2 anos.
Atualmente está desempregada morando na casa dos seus pais. Trabalha informalmente como doméstica e auxiliadora de limpeza em um condomínio no Centro de Goiânia.
Sua renda mensal é de 571 reais. Sendo 400 reais dos trabalhos informais que faz durante a semana e o benefício do bolsa família de 171 reais.
Nasceu em Aparecida de Goiânia. Seus pais nasceram do interior de Goiás em uma cidade chamada Posse de Goiás os quais tiveram 4 filhos (3 mulheres e 1 homem) sendo Raina a mais velha. O pai trabalha em construção civil e a mãe é dona de casa. Há 25 anos seus pais moram em Aparecida de Goiânia. 
Conquistaram moradia através do programa “Minha casa, Minha vida” no setor Jardim dos Ipês em um conjunto habitacional. Bairro muito simples.
Planos de vida:
No momento, Raina está solteira morando com seus pais e com seus dois filhos. Relata que pretende retomar os estudos, ingressar em uma universidade, todavia, seu maior empecilho é a ausência de alguém que cuide dos seus filhos. Para poder trabalhar, conta com o auxílio de uma amiga que cuida dos seus filhos durante o expediente pois seus pais não conseguem ajudá-la nesse quesito. Possui também dificuldade no acesso ao CMEI para os seus filhos devido a falta de vagas disponíveis. 
Conhecendo Águas Lindas de Goiás por meio de Estatísticas
População do Brasil: 213.317.639
População de Goiás: 7.206.589
Distribuição da população de 2020 por idade em Águas Lindas de Goiás
- 0 A 4 ANOS (HABITANTES): 17.507
- 5 A 9 ANOS (HABITANTES): 16.113
-10 A 14 ANOS (HABITANTES): 17.189
-15 A 19 ANOS (HABITANTES): 21.503
-20 A 29 ANOS (HABITANTES): 43.228
-30 A 39 ANOS (HABITANTES): 34.533
-40 A 49 ANOS (HABITANTES): 28.191
-50 A 59 ANOS (HABITANTES): 17.931
-60 A 69 ANOS (HABITANTES): 7.402
-70 A 79 ANOS (HABITANTES): 2.963
-80 ANOS OU MAIS (HABITANTES): 903
Distribuição da população de 2020 por idade no Estado de Goiás 
- 0 A 4 ANOS (HABITANTES): 443.483
- 5 A 9 ANOS (HABITANTES): 471.490
-10 A 14 ANOS (HABITANTES): 512.717
-15 A 19 ANOS (HABITANTES): 576.034
-20 A 29 ANOS (HABITANTES): 1.189.383
-30 A 39 ANOS (HABITANTES): 1.167.403
-40 A 49 ANOS (HABITANTES): 1.015.631
-50 A 59 ANOS (HABITANTES): 791.133
-60 A 69 ANOS (HABITANTES): 501.904
-70 A 79 ANOS (HABITANTES): 245.329
-80 ANOS OU MAIS (HABITANTES): 102.987
Percentual de cada estrato de idade no município de Águas Lindas de Goiás
- 0 A 4 ANOS (HABITANTES): 8,4%
- 5 A 9 ANOS (HABITANTES): 7,7%
-10 A 14 ANOS (HABITANTES): 8,2%
-15 A 19 ANOS (HABITANTES): 10,3%
-20 A 29 ANOS (HABITANTES): 20,8%
-30 A 39 ANOS (HABITANTES): 16,6%
-40 A 49 ANOS (HABITANTES): 13,5%
-50 A 59 ANOS (HABITANTES): 8,6%
-60 A 69 ANOS (HABITANTES): 3,5%
-70 A 79 ANOS (HABITANTES): 1,4%
-80 ANOS OU MAIS (HABITANTES): 0,4%
Perfil Econômico de Águas Lindas
PIB significa Produto Interno Bruto, ou seja, é uma forma de medir a economia de um país baseado na soma de produtos ou de serviços que foram produzidos em um determinado período. Juntamente com outros indicadores aponta a concentração de renda, crescimento ou queda da atividade econômica. O PIB per capita considera o número de habitantes da região e indica quanto cada habitante produziu em determinado período incluindo bens e serviços finais produzidos.
Rendimento médio
O rendimento médio é a pela divisão da massa salarial pelo número de empregos. Ou seja, o número de empregos (postos de trabalho) corresponde ao total de vínculos empregatícios ativos. Já o PIB per capita considera o número de habitantes da região e indica quanto cada habitante produziu em determinado período incluindo bens e serviços finais produzidos. 
RENDIMENTO MÉDIO EM 2018 (dado mais recente)águas Lindas de Goiás:	1.799,34
Parâmetros da Assistência Social em Águas Lindas de Goiás
O quantitativo de pessoas em situação de extrema pobreza no brasil é de 15.002.707. A quantidade de CRAS é de 8.488. A quantidade de CREAS Municipais é de 2.760 e Estaduais e Regionais é de 34. 
O quantitativo de pessoas em situação de extrema pobreza no Estado de Goiás é 240.406. A quantidade de CRAS é de 292. A quantidade de CREAS é de 110.
O quantitativo de pessoas em situação de pobreza do município de Águas Lindas é de 94.294. A quantidade de CRAS é 3. A quantidade de CREAS é 1. A quantidade de unidades de acolhimento é 1.
A proporção de pessoas pobres em Águas Lindas de Goiás é de 41,5%. Já a proporção de pessoas pobres em Araquara, município do Estado de São Paulo, é de 16,68%.
Violência em Águas Lindas de Goiás
 A situação de violência tem média de 7,24. A média do estado de Goiás é de 7.94. 
O município está no 1º quintil de violência. 
A média de crimes contra a dignidade sexual segundo os dados de 2020 é de 7,38. A média geral é de 7.94
A média de crimes contra a pessoa é de 7,69. A média geral é de 7.94
A média de crimes contra o patrimônio é de 9,69. A média gera é de 7.94
 A média de tráfico de drogas é 7.84. A média geral é de 7,94.
A média de contravenções penais é de 9.06. A média geral é de 7.94