A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
7 pág.
Anatomia Cabeça e Pescoço - Nervos da Cabeça e do Pescoço

Pré-visualização | Página 3 de 3

do teto da nasofaringe e do 
seio esfenoidal 
-Nervo esfenopalatino: penetra na 
cavidade nasal pelo forame 
esfenopalatino e se divide em: 
-Ramos nasais posteriores 
superiores: inervam a parte posterior 
das conchas nasais superior e média 
-Ramos nasais posteriores inferiores: 
inervam a parte posterior das conchas 
nasais média e inferior 
-Nervo nasopalatino: dirige-se 
anteriormente sob a mucosa do septo 
nasal até chegar no canal incisivo, 
onde o atravessa e emerge pelo 
forame incisivo na cavidade oral, 
conduz sensibilidade da mucosa do 
septo nasal e do palato, da linha 
média até a região do canino 
-Nervo palatino: continuação do 
nervo pterigopalatino, ocupa o canal 
palatino e dentro dele se divide: 
-Nervo palatino maior: alcança a 
cavidade oral pelo canal e forame 
palatino maior, conduz sensibilidade 
da mucosa do palato duro até a região 
dos pré-molares ou caninos 
-Nervo palatino menor: alcança a 
cavidade oral pelo canal e forame 
palatino menor, conduz sensibilidade 
da mucosa do palato mole, úvula, 
tonsila palatina e da região adjacente 
 
 
 
 
NERVO MANDIBULAR (V3) 
Misto, maior parte das fibras é sensitiva (fibras aferentes somáticas gerais) e se destinam ao gânglio trigeminal, 
enquanto as fibras motoras (fibras eferentes viscerais especiais) são originadas do tronco encefálico; ambas se 
misturam quando alcançam o forame oval e, após emergir por lá, o nervo mandibular chega na fossa intratemporal 
e emite dois ramos antes de se dividir anteriormente e posteriormente: 
RAMO MENÍNGEO (RECORRENTE): NERVO PARA O MÚSCULO PTERIGÓIDOE MEDIAL: 
Volta para o crânio por meio do forame espinhoso, 
acompanhando a artéria meníngea média e conduzindo 
sensibilidade da dura-máter 
É motor para os músculos pterigóideo medial, tensor do 
véu palatino e tensor do tímpano 
 
DIVISÕES DA PARTE SENSITIVA DO NERVO MANDIBULAR (V3) 
DIVISÃO ANTERIOR: DIVISÃO POSTERIOR: 
Ainda na fossa infratemporal, 
apresenta sua divisão anterior, que é 
predominantemente motora, com 
apenas um nervo 
predominantemente sensitivo: 
 
-Nervo bucal: maior ramo da divisão 
anterior, conduz também algumas 
fibras motoras, dirige-se 
anteriormente para o músculo 
pterigóideo lateral e emite ramos 
motores (nervos temporais 
profundos anterior e posterior e 
pterigóideo lateral), depois passa 
entre os dois feixes do m. 
pterigóideo lateral e dirige-se para o 
m. bucinador, onde se divide em 
filetes nervosos que perfuram este 
músculo; dirige-se para a região dos 
molares, conduz as fibras sensitivas 
da pele e da mucosa da bochecha e 
da gengiva vestibular, na região dos 
molares inferiores 
-Nervo auriculotemporal: ramo mais lateral, deixa o nervo mandibular por um 
trajeto posterior e se bifurca fazendo uma alça ao redor da artéria meníngea 
média; cruza o colo da mandíbula e penetra na gl. parótida, onde suas fibras 
se misturam com as fibras do nervo facial e se divide em dois ramos: 
-Ramo superior: acompanha a artéria temporal superficial até a região 
temporal, conduz as fibras sensitivas do couro cabeludo acima da orelha, da 
ATM, de parte da orelha externa e da membrana do tímpano 
-Ramo inferior: divide-se em dois ou três ramos que se distribuem na parótida 
e anastomosam com o nervo facial; conduz fibras secretomotoras do gânglio 
ótico originadas do nervo glossofaríngeo (IX) para a parótida 
-Nervo alveolar inferior: nervo intermediário, tem trajeto descendente e 
passas no espaço pterigomandibular; antes de penetrar no forame da 
mandíbula emite o nervo milo-hióideo (ramo motor); percorre o canal 
mandibular e emite ramos: 
-Ramos dentais: penetram nos molares e pré-molares através do forame 
apical, dando sensibilidade à polpa dos dentes 
-Ramos interdentais: por meio dos septos interdentais, dão sensibilidade ao 
ligamento periodontal dos molares e pré-molares 
-Ramos ósseos: espalham-se no interior da mandíbula através dos espaços 
trabeculares, dando sensibilidade ao osso esponjoso da mandíbula até a região 
dos pré-molares 
O nervo alveolar inferior, próximo ao forame mentual, divide-se em seus 
ramos terminais: 
-Nervo mentual: emerge da mandíbula pelo forame mentual e distribui-se 
para gengiva, mucosa e pele da região de pré-molares a incisivos 
-Ramos incisivos: dirigem-se anteriormente por um trajeto intraósseo por 
meio dos espaços trabeculares da mandíbula, conduz sensibilidade geral da 
polpa e dos ligamentos periodontais dos incisivos e caninos inferiores, da 
gengiva vestibular e do osso trabecular da região 
-Nervo lingual: ramo mais medial, após a sua origem recebe o nervo corda do 
tímpano (VII) que conduz impulsos gustativos dos 2/3 anteriores da língua e 
fibras secretomotoras para as gls. submandibular e sublingual; aprofunda no 
músculo genioglosso para inervar a língua, conduz sensibilidade geral dos 2/3 
anteriores da língua, da gengiva lingual do hemiarco inferior e da mucosa do 
assoalho da cavidade nasal 
 
NERVO FACIAL (VII) 
Nervo misto, sua parte sensitiva conduz a sensibilidade geral de parte da pele da orelha externa e do meato acústico 
externo, essas fibras são fibras aferentes somáticas gerais que constituem o nervo auricular posterior, um dos ramos 
do nervo facial. Conduz a sensibilidade da mucosa da parte superior do palato mole, na região dos cóanos pelas fibras 
aferentes viscerais gerais.