Buscar

I -Avaliação ( Psicanalise aplicada á Psicopedagogia )

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você viu 3, do total de 6 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você viu 6, do total de 6 páginas

Prévia do material em texto

1
Ao longo de sua história e de seu desenvolvimento como disciplina, foram abordadas as implicações da psicanálise com outras áreas de conhecimento, tais como a filosofia e a literatura.
Sobre a relação entre psicanálise e aprendizagem, assinale a alternativa CORRETA:
A
Desde seu início, a psicanálise se pergunta sobre como a descoberta do inconsciente, enquanto fator fundamental de compreensão da subjetividade, pode impactar no entendimento dos processos educativos.
B
Ao descrever os trabalhos de educar, curar ou governar como “tarefas impossíveis”. Freud descarta a possibilidade de a Psicanálise ser um saber que se relacione com a educação
C
Freud, ao desenvolver sua obra, nunca se questionou sobre as aplicações da psicanálise no campo da educação especificamente.
D
Apesar de seu trabalho servir de base para pensar a psicanálise em relação a outros campos do saber, Lacan nunca foi além de pensar a psicanálise enquanto modelo clínico.
2A prática psicanalítica busca elaborar e trazer à consciência aquilo que o evento traumático acaba por recalcar no campo do inconsciente. Considerando a prática psicanalítica e o manejo dessas experiências reprimidas, analise as afirmativas a seguir: I- A interpretação é uma técnica que existe para que o analista possa atribuir e dar significado para o acontecimento traumático. II- A representação inconsciente do evento traumático na forma de significante implica na possibilidade de se narrar e elaborar o traumático. III- Não cabe ao analista atribuir sentido a aquilo que o paciente traz através da interpretação. IV- Acessar o inconsciente em análise não se trata de um processo de descobrir um significado profundo, misterioso ou mistificador que estaria escondido e esperando para ser descoberto. Assinale a alternativa CORRETA:
A
Somente a afirmativa III está correta.
B
As afirmativas II, III e IV estão corretas.
C
As afirmativas I, II e IV estão corretas.
D
As afirmativas I e II estão corretas.
3Lacan chama atenção para a necessidade de um retorno a Freud, principalmente a seus escritos técnicos e aos conceitos fundamentais da psicanálise. Nesse movimento, Lacan se posiciona criticamente frente às psicanálises do ego, abordando a necessidade de se trabalhar o fenômeno da resistência. Considerando a resistência e a elaboração em análise, classifique V para as sentenças verdadeiras e F para as falsas: ( ) A análise permite que memórias conscientemente esquecidas do paciente fluam através da transferência. ( ) A repetição das resistências do analisando é um sinal de que a análise não está surtindo efeito, considerando que as resistências são contornadas no início do tratamento. ( ) O diagnóstico, sem o tratamento adequado para as resistências, não é o suficiente para a elaboração dos conteúdos trazidos pelo paciente à análise. ( ) A centralidade do inconsciente na psicanálise implica que o analista precisa ouvir as manifestações inconscientes, ao invés de trabalhar a partir do ego do paciente. Assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA:
A
F - F - F - V.
B
V - V - V - F.
C
V - F - V - V.
D
F - V - V - F.
4
O modelo freudiano do inconsciente ainda está entre nós e continua a exercer uma influência sobre como muitas pessoas pensam sobre “o inconsciente”, especialmente fora da ciência psicológica.
Sobre o caráter paradoxal do inconsciente, assinale a alternativa CORRETA:
A
Inconsciente implica numa instância supraconsciente, ou seja, como um campo externo à consciência.
B
O inconsciente é um conteúdo que desde o início nunca foi acessível para a consciência.
C
Para Freud, o recalcamento não é resultado de uma repressão das emoções, tal qual comumente entendido, mas sim de afetos que, devido a intensidade das aflições que causam, culminam nas neuroses.
D
O inconsciente implica que o sujeito de fato não sabe sobre sua condição, sendo necessária a técnica psicanalítica para fazê-lo recuperar essas memórias perdidas.
5Quando Lacan descreve o analista como "sujeito suposto ao saber", ele está se referindo a uma dinâmica muito particular da relação de transferência dentro do processo analítico. Pensando nisso, classifique V para as sentenças verdadeiras e F para as falsas: ( ) O inconsciente se apresente como discurso do Outro por apresentar uma verdade sobre o sujeito que ele não reconhece como sendo sua. ( ) A análise é uma relação dialógica entre o ego do paciente e o ego do analista. ( ) O discurso do inconsciente, que se apresenta como discurso do outro, é na verdade aquilo que está mais próximo a verdade do sujeito. ( ) Apesar da demanda do paciente de que o analista saiba sobre e revele os segredos do inconsciente, cabe ao analista apenas viabilizar a escuta da verdade que o sujeito sabe, mas não sabe que sabe, sobre si mesmo. Assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA:
A
V - F - V - V.
B
F - V - V - F.
C
F - F - F - V.
D
V - V - V - F.
6Um tema muito discutido em psicanálise é chamado de resistência. A resistência, que os sujeitos apresentam na clínica quando se trata de acessar algum conteúdo inconsciente traumático, é um fenômeno presente e já esperado na clínica psicanalítica. Acerca das estratégias de resistência do Ego em relação ao tratamento psicanalítico, classifique V para as sentenças verdadeiras e F para as falsas: ( ) Um paciente demonstrar resistência em relação a uma intervenção do analista não significa necessariamente que esta intervenção não tenha sido eficaz. ( ) Entre as diferentes formas de resistência do Ego, podemos citar a resistência intelectual como uma forma sutil de resistência na qual a excessiva racionalização do sujeito aparece como uma tentativa de aderir ao tratamento, mas se configura na prática como resistência. ( ) A resistência ao processo de análise e ao analista é natural e pode ser usado a favor do atendimento dentro do laço transferencial . ( ) Uma vez estabelecida a transferência, não se encontram maiores resistência do paciente em relação a figura do analista. Assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA:
A
V - V - V - F.
B
F - F - F - V.
C
F - V - V - F.
D
V - F - V - V.
7Lacan muito contribui com a teoria psicanalítica. Entre as suas contribuições temos a sua teoria dos discursos. Em sua teoria dos discursos, evidencia quatro discursos: o do mestre, do analista, da universidade e da histérica. Acerca dos quatro discursos que Lacan trabalha, e mais especificamente o discurso do mestre, classifique V para as sentenças verdadeiras e F para as falsas: ( ) No discurso do mestre, este coloca o escravo para produzir conhecimento, mas este conhecimento está em função da necessidade do mestre. ( ) Os outros três discursos nada tem a ver com o discurso do mestre. ( ) No discurso do mestre, não existe um interesse pela verdade do conhecimento, mas pelo seu funcionamento. ( ) A contrário do discurso do mestre, o discurso universitário não funciona a partir da burocracia. Assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA:
A
F - F - V - V.
B
V - F - V - V.
C
F - V - F - F.
D
V - F - V - F.
8Jacques Rancière (2007), em seu texto intitulado "O Mestre Ignorante", traz importantes contribuições para a relação entre psicanálise e educação. Com base no exposto, classifique V para as sentenças verdadeiras e F para as falsas: ( ) O texto de Rancière explora a impossibilidade de se aprender sem a presença de um mestre. ( ) Na sala de aula, o desejo do analista se manifesta na ignorância. ( ) Rancière aborda a questão do ensino explicativo e da presunção de que o aluno não pode entender por si só. ( ) A lógica explicativa é uma forma de superar a desigualdade na educação. Assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA: FONTE: RANCIÈRE, J. O mestre ignorante: cinco lições sobre a emancipação intelectual. Trad. Lilian do Valle. 2. ed. Belo Horizonte: Autêntica, 2007.
A
V - F - V - V.
B
F - F - F - V.
C
V - F - V - F.
D
F - V - V - F.
9Em um importante trabalho intitulado "recordar, repetir e elaborar", Freud (1980) revisa sua teoria inicial de que bastava desarmar uma "faculdade crítica hiperativa"para acessar o inconsciente e postula que deve ser feito um trabalho mais árduo de elaboração, devido aquilo que ele denominou de resistências do inconsciente. A respeito dessas resistências na educação, analise as afirmativas a seguir: I- A interpretação seria uma forma de o analista reconhecer e tornar conscientes as resistências. II- Basta tornar as resistências conscientes para que elas sejam superadas. III- Podemos dizer que o processo educativo do inconsciente vai além de tornar conscientes os conflitos inconscientes, trata-se de superar as resistências. IV- Lacan, posteriormente, mostra como o trabalho com as resistências pode servir de alicerce para um ego bem desenvolvido. Assinale a alternativa CORRETA: FONTE: FREUD, S. Recordar, repetir e elaborar (Novas recomendações sobre a técnica da Psicanálise II). In: FREUD, S. Edição standard brasileira das obras psicológicas completas de Sigmund Freud. Rio de Janeiro: Imago, 1980. v. 12. p. 191-203. (Trabalho original publicado em 1914).
A
As afirmativas II, III e IV estão corretas.
B
As afirmativas III e IV estão corretas.
C
As afirmativas I e III estão corretas.
D
As afirmativas I, II e III estão corretas.
10
Sempre ao entrarmos no universo psicanalítico nos deparamos com novos conceitos sobre a psique humana. Entre estes conceitos novos, temos o conceito fundamental de “inconsciente”.
Com base no conceito de inconsciente em psicanálise e sua relação particular com a aprendizagem, assinale a alternativa CORRETA:
A
Freud e Lacan mostram como o saber do inconsciente vem de uma experiência vivida e recalcada pelo sujeito através da resistência. Sendo assim, trata-se na verdade de reaprender este saber.
B
O saber do inconsciente é um saber completamente alheio e inacessível para o sujeito, do qual ele nada sabe.
C
Por se tratar de um saber do campo do inconsciente e não da consciência, a psicanálise não pode contribuir para os campos da aprendizagem e psicopedagogia.
D
O inconsciente freudiano é caracterizado por conteúdos ideativos e emocionais, que Lacan descreve como sendo estruturado como uma linguagem.

Materiais relacionados

Perguntas relacionadas

Materiais recentes

Perguntas Recentes