Logo Passei Direto

A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
5 pág.
AOL2 - SISTEMAS ESTRUTURAIS II

Pré-visualização | Página 1 de 2

Híbrido - 104298 . 5 - Hbd40 - Sistemas Estruturais II - 20222 
 Avaliação On-Line 2 (AOL 2) - Questionário 
 Andreza Madureira Barreirinhas 
 Se o material te ajudar de alguma forma, me ajuda deixando uma curtida :) 
 Enviado: 02/10/22 14:34 (BRT) 
 10/10 
 Pergunta 1 
 /1 
 Leia o trecho a seguir: 
 “[…] Numa viga de concreto armado, o derramamento simultâneo do concreto funde monoliticamente 
 os pilares as vigas […] As extremidades dessas vigas não giram [...] São chamadas de vigas de 
 extremidades fixas ou embutidas [pórticos] [...] são especialmente rígidas e fortes. Suportam uma vez 
 e meia a carga de uma viga apoiada do mesmo comprimento e deformam-se cinco vezes menos. 
 Fonte: SALVADORI, M. Por que os edifícios ficam de pé. São Paulo: WMF Martins Fontes Ltda., 
 2015, p. 82. 
 Considerando essas informações e o conteúdo estudado sobre as estruturas em pórticos, analise as 
 afirmativas a seguir: 
 I. Pórticos em concreto armado são uma boa opção em função da facilidade de execução de vínculos 
 rígidos. 
 II. Pórticos metálicos costumam compreender vãos livres menores que pórticos em concreto armado, 
 em função de suas ligações parafusadas. 
 III. Pórticos em madeira laminada tambem são caracterizados pela vinculação rígida de pilares e 
 vigas em engastes. 
 IV. Pórticos em concreto armado apresentam dimensionamento de vigas robustos se comparados a 
 estruturas de vigas biapoiadas. 
 Está correto apenas o que se afirma em: 
 Resposta correta: 
 I e III. 
 Pergunta 2 
 /1 
 Leia o trecho a seguir: 
 “Nas estruturas metálicas, por economia, opta-se normalmente por vigas simplesmente apoiadas. O 
 uso do pórtico passa a ser interessante quando, por exigências arquitetônicas, a viga deva ter sua 
 seção reduzida, ou ainda possa ser usado como elementos de contraventamento da estrutura”. 
 Fonte: REBELLO, Y. C. Bases para Projeto Estrutural. São Paulo: Ed. Zigurate, 2007, p. 92. 
 Considerando essas informações e o conteúdo estudado sobre as estruturas em pórtico, pode-se 
 afirmar que usualmente se escolhe trabalhar com vigas biapoiadas em estruturas metálicas porque: 
 Resposta correta: 
 a execução de ligações rígidas em estruturas metálicas demanda detalhes construtivos laboriosos e 
 de execução complexa. 
 Pergunta 3 
 /1 
 Leia o excerto a seguir: 
 “Elemento estrutural curvo, quase sempre com a convexidade voltada para cima, que 
 construtivamente cobre um vão, suportando cargas. [...] Distingue-se das abobodas pelo fato de sua 
 espessura ser muito menor que o vão determinado. [...] Os arcos descarregam o próprio peso e as 
 cargas que transmite sobre os PÉS DIREITOS, os quais poderão fazer parte integrante duma parede 
 ou estar individualizados em pilares ou colunas isoladas. 
 Fonte: ARCO. In: CORONA, E.; LEMOS, C. A. C. Dicionário da Arquitetura Brasileira. São Paulo: 
 Edart, 1972. p. 50-51. 
 Considerando essas informações e o conteúdo estudado sobre as estruturas em arco, analise as 
 soluções estruturais abaixo e associe-as com suas respectivas aplicações. 
 1) Arcos biengastados. 
 2) Arcos triarticulados. 
 3) Arcos de madeira laminada. 
 4) Arcos de catenária. 
 5) Arcos de aço de alma cheia. 
 ( ) Arcos de cobertura, cuja principal preocupação seria seu peso próprio e esforços de compressão 
 simples. 
 ( ) Canteiros pequenos onde a concretagem ficaria inviabilizada. 
 ( ) Represas e barragens de grande porte. 
 ( ) Projetos com demandas de vãos livres de 150 metros. 
 ( ) Projetos com demandas de vãos livres de 54 metros. 
 Agora, assinale a alternativa que apresenta a sequência correta: 
 Resposta correta: 
 4, 2, 1, 5, 3. 
 Pergunta 4 
 /1 
 Leia o excerto a seguir: 
 “Uma vez que o arco esteja construído, deve-se impedir que suas extremidades se afastem uma da 
 outra. As forças ou empuxos que atuam para dentro, necessários para impedir que o arco se abra, 
 podem ser proporcionadas pelas margens do rio quando estas consistem em rochas sólidas”. 
 Fonte: SALVADORI, M. Por que os edifícios ficam de pé. São Paulo: WMF Martins Fontes Ltda., 
 2015, p. 160. 
 Considerando essas informações e o conteúdo estudado sobre estruturas em arco, analise as 
 afirmativas a seguir e assinale V para a(s) verdadeira(s) e F para a(s) falsa(s): 
 I. ( ) As margens rochosas de um rio poderiam ser utilizadas para a concepção de um arco 
 biengastado. 
 II. ( ) O empuxo de estruturas em arco pode ser equacionado mediante a adoção de fundações rasas 
 e pouco volumosas. 
 III. ( ) As estruturas em arco equacionam problemas derivados da flambagem com a protensão de 
 suas armações. 
 IV. ( ) A variação da altura das seções dos arcos constitui importante mecanismo de estabilização 
 destas estruturas. 
 Agora, assinale a alternativa que apresenta a sequência correta: 
 Resposta correta: 
 V, F, F, V. 
 Pergunta 5 
 /1 
 Leia o trecho a seguir: 
 “Para entender o comportamento do arco, é útil lembrar a análise feita para o cabo. O cabo, quando 
 solicitado por um carregamento, adquire uma forma de equilíbrio que varia com a posição e a 
 quantidade das cargas […]. Viu-se que o cabo, com o aumento das cargas, vai adquirindo forma 
 curva”. 
 Fonte: REBELLO, Y. C. P. A concepção estrutural e a arquitetura. São Paulo: Zigurate, 2000, p. 
 91-92. 
 Considerando essas informações e o conteúdo estudado sobre estruturas em arco, analise as 
 afirmativas a seguir e assinale V para a(s) verdadeira(s) e F para a(s) falsa(s): 
 I. ( ) O cabo reage apenas a esforços de tração simples. 
 II. ( ) A forma adquirida pelo cabo diz respeito ao encaminhamento de cargas em seu sistema. 
 III. ( ) As estruturas de arcos funiculares reagem tanto a esforços de tração simples quanto a esforços 
 de compressão simples. 
 IV. ( ) As estruturas de arcos de catenárias correspondem ao rebatimento de cabos acometidos por 
 cargas pontuais. 
 Agora, assinale a alternativa que apresenta a sequência correta: 
 Resposta correta: 
 V, V, F, F. 
 Pergunta 6 
 /1 
 Considerando essas informações e o conteúdo estudado sobre as estruturas em arco, analise as 
 afirmativas a seguir e assinale V para a(s) verdadeira(s) e F para a(s) falsa(s). 
 I. ( ) Os arcos de madeira possuem maior alcance de vãos livres do que arcos equivalentes em 
 concreto armado. 
 II. ( ) Os arcos de madeira demandam espessuras superiores a 1,20 metros a partir de vãos livres de 
 54 metros. 
 III. ( ) Os arcos de madeira atingem seu espectro máximo de vão livre com uma flecha de 30 metros 
 de altura. 
 IV. ( ) Os arcos de madeira atingem vãos livres de 45 metros com espessuras menores que as de 
 arcos equivalentes em aço treliçado. 
 Agora, assinale a alternativa que apresenta a sequência correta: 
 Resposta correta: 
 F, V, V, F. 
 Pergunta 7 
 /1 
 Leia o trecho a seguir: 
 “Se um peso é pendurado num pedaço de fio cujas extremidades são seguradas nas duas mãos, o fio 
 toma uma forma triangular: dois segmentos de reta encontram-se no ponto onde o peso está 
 pendurado. Quando se penduram dois pesos em dois pontos distintos do fio, sua forma muda, e 
 tem-se então três segmentos de reta. 
 Fonte: SALVADORI, M. Por que os edifícios ficam de pé. São Paulo: WMF Martins Fontes Ltda., 
 2015, p. 157. 
 Considerando essas informações e o conteúdo estudado sobre as cargas atuantes nas estruturas, 
 analise as asserções a seguir e a relação proposta entre elas. 
 I. As estruturas ideais dos arcos constituem o rebatimento de suas funiculares equivalentes em 
 estruturas de cabos. 
 Porque: 
 II. Estruturas em cabos são submetidas a esforços de tração simples, ao passo que estruturas em 
 arcos equivalentes são submetidas a esforços de compressão simples. 
 A seguir, assinale a alternativa correta: 
 Resposta correta: 
 As asserções I e II são proposições verdadeiras, e a II é uma justificativa correta da I. 
 Pergunta 8 
 /1 
 Fonte: REBELLO, Y. C. A Concepção Estrutural e a Arquitetura. São Paulo: Ed. Zigurate, 2000, p. 
 174-175. (Adaptado). 
 Considerando essas informações e o conteúdo estudado sobre as estruturas em
Página12