Buscar

REVISÃO 4

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você viu 3, do total de 4 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Prévia do material em texto

Pincel Atômico - 28/01/2023 14:49:53 1/4
Exercício Caminho do Conhecimento - Etapa 8 (19428)
Atividade finalizada em 25/01/2023 21:25:51 (692373 / 1)
LEGENDA
Resposta correta na questão
# Resposta correta - Questão Anulada
X Resposta selecionada pelo Aluno
Disciplina:
PESQUISA E PRÁTICA INTERDISCIPLINAR: GEOGRAFIA DO BRASIL, AGRÁRIA, MEIO AMBIENTE E SUSTENTABILIDADE [776428] - Avaliação
com 8 questões, com o peso total de 3,33 pontos [capítulos - 4]
Turma:
Segunda Graduação: Segunda Graduação 6 meses - Licenciatura em Geografia - Grupo: FPD-FEV2022 - SGegu0A151222 [79903]
Aluno(a):
91385100 - RAMON TALES PINTO - Respondeu 6 questões corretas, obtendo um total de 2,50 pontos como nota
[358483_1109
32]
Questão
001
A ANVISA aprovou em 2019 o novo marco regulatório para agrotóxicos. Dos 2.300
agrotóxicos registrados no Brasil, a ANVISA já recebeu dados para reclassificação de
1.981 produtos. Em 2017, 2018 e 2019 houve aumento, acima da média (entre 2010 e
2019) na liberação de agrotóxicos no Brasil.
Agrotóxicos são produtos e agentes de processos físicos, químicos ou biológicos.
Sobre os agrotóxicos no Brasil é correto afirmar que:
I - São destinados ao uso nos setores de produção, no armazenamento e
beneficiamento de produtos agrícolas, nas pastagens, na proteção de florestas, nativas
ou plantadas, e de outros ecossistemas e de ambientes urbanos, hídricos e industriais.
II - Tem a finalidade de alterar a composição da flora ou da fauna, a fim de preservá-
las da ação danosa de seres vivos considerados nocivos, bem como as substâncias e
produtos empregados como desfolhantes, dessecantes, estimuladores e inibidores de
crescimento.
III - Sua avaliação de risco, por análise sistematizada, é realizada pelo Ministério de
Minas e Energia e pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento sob a
supervisão do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República.
Está(ão) correta(s):
somente III.
somente I.
somente II e III.
X somente II.
somente I e II.
[358481_1125
32]
Questão
002
(ENEM 2008) “Calcula-se que 78% do desmatamento na Amazônia tenha sido
motivado pela pecuária – cerca de 35% do rebanho nacional está na região – e que
pelo menos 50 milhões de hectares de pastos são pouco produtivos. Enquanto o custo
médio para aumentar a produtividade de 1 hectare de pastagem é de 2 mil reais, o
custo para derrubar igual área de floresta é estimado em 800 reais, o que estimula
novos desmatamentos. Adicionalmente, madeireiras retiram as árvores de valor
comercial que foram abatidas para a criação de pastagens. Os pecuaristas sabem que
problemas ambientais como esses podem provocar restrições à pecuária nessas
áreas, a exemplo do que ocorreu em 2006 com o plantio da soja, o qual,
posteriormente, foi proibido em áreas de floresta.”
(Revista Época, 3/3/2008 e 9/6/2008, com adaptações)
A partir da situação-problema descrita, conclui-se que
o superávit comercial decorrente da exportação de carne produzida na Amazônia
compensa a possível degradação ambiental.
o desmatamento na Amazônia decorre principalmente da exploração ilegal de árvores
de valor comercial.
X
a recuperação de áreas desmatadas e o aumento de produtividade das pastagens
podem contribuir para a redução do desmatamento na Amazônia.
Pincel Atômico - 28/01/2023 14:49:53 2/4
um dos problemas que os pecuaristas vêm enfrentando na Amazônia é a proibição do
plantio de soja.
a mobilização de máquinas e de força humana torna o desmatamento mais caro que o
aumento da produtividade de pastagens.
[358481_1109
24]
Questão
003
O Brasil cultivou 49,1 milhões de hectares (ha) com culturas transgênicas em 2016, um
crescimento de 11% em relação a 2015 ou o equivalente a 4,9 milhões de ha. Nenhum
outro país do mundo apresentou um crescimento tão expressivo.
(Disponível em: www.noticiasagricolas.com.br. Acesso em 10.mar.2021)
No Brasil, as duas principais culturas transgênicas são de
batata e feijão.
banana e cana-de-açúcar.
uva e algodão.
X soja e milho.
arroz e laranja.
[358481_1109
22]
Questão
004
Paralelamente ao cultivo dos chamados produtos transgênicos tem crescido o número
de agricultores e consumidores de produtos da agricultura orgânica. Este tipo de
plantio se baseia:
Este género de agricultura tradicional caracteriza-se por ciclos de uso e pousio de
terrenos abertos, considerada nômade, devido ao facto de os agricultores se
deslocarem de terreno em terreno.
Tipo De agricultura altamente danoso ao meio ambiente.
É um tipo de agricultura primitivo adotado historicamente pelos povos indígenas nas
florestas tropicais e desde tempos recuados nos ecossistemas mais antigos.
Procura reduzir o máximo possível a intervenção do homem na natureza, por isso, os
produtos são plantados juntamente com vegetação natural, e procura-se utilizar o
mínimo possível de agrotóxicos, e necessariamente atende cooperativas
X
Não utiliza nenhum produto geneticamente modificado, agroquímico, com adubação de
matéria orgânica, e o controle de pragas é feito com controle biológico, utilizando
predadores naturais.
[358481_1125
27]
Questão
005
Segundo o Ministério do Desenvolvimento Social (MDS), no Brasil 70% dos alimentos
que chegam à mesa da população provêm da agricultura familiar. A Lei nº
11.326/2006, define agricultor familiar e empreendedor familiar rural aquele que pratica
atividades desenvolvidas no meio rural, com mão de obra da própria família e renda
vinculada ao estabelecimento e gerenciamento do empreendimento. Entram nesta
classificação silvicultores, aquicultores, extrativistas, pescadores, indígenas,
quilombolas e assentados da reforma agrária. Sobre o espaço agrário brasileiro,
marque a opção VERDADEIRA.
A agricultura familiar faz parte de um novo tipo de agronegócio que concentra e
domina a terra, a tecnologia de produção e as políticas de desenvolvimento.
Desde as suas origens, notadamente na distribuição da terra em sesmarias e com a
Lei de Terras de 1850, a concentração da propriedade fundiária no Brasil é uma
realidade. Essa por sua vez, atualmente, faz parte dos projetos políticos que buscam
contemplar a distribuição equitativa das terras entre os trabalhadores do campo.
Pincel Atômico - 28/01/2023 14:49:53 3/4
X
O reconhecimento da agricultura familiar no Brasil é relativamente recente e contou
com o apoio do movimento sindical, após o fim da ditadura militar; maior debate sobre
o tema iniciado na década de 1990 e ao desenvolvimento de políticas públicas a partir
da criação do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar
(PRONAF).
O capital e seus proprietários capitalistas, representados pelos grandes proprietários
de terra, bancos, empresas nacionais e transnacionais, estão em crise e observa-se
uma diminuição em todo o mundo do chamado modelo de produção do agronegócio,
que procura seguir o modo de produção da agricultura familiar.
As Ligas Camponesas, Movimento dos Trabalhadores Rurais, Comissão Pastoral da
Terra e União Democrática Ruralista, são movimentos que lutam pelo processo de
distribuição igualitária da terra através da reforma agrária para o desenvolvimento da
agricultura familiar.
[358481_1125
31]
Questão
006
(ENEM 2010) Antes, eram apenas as grandes cidades que se apresentavam como o
império da técnica, objeto de modificações, suspensões, acréscimos, cada vez mais
sofisticadas e carregadas de artifício. Esse mundo artificial inclui, hoje, o mundo rural.
SANTOS, M. A Natureza do Espaço. São Paulo: Hucitec, 1996.
Considerando a transformação mencionada no texto, uma consequência socioespacial
que caracteriza o atual mundo rural brasileiro é
a redução do processo de concentração de terras.
a estagnação da fronteira agrícola do país.
X o aumento do aproveitamento de solos menos férteis.
a diminuição do nível de emprego formal.
a ampliação do isolamento do espaço rural.
[358482_1109
30]
Questão
007
Muitas pequenas e médias propriedades familiares conseguem boa produtividade em
razão dos investimentos em tecnologia, ao mesmo tempo, outros agricultores não
dispõemde tanto dinheiro para investir em sementes selecionadas ou em
equipamentos, por isso, essas propriedades que pertencem aos pequenos
agricultores:
Apresentam menor produtividade e tornam-se mais dependentes da natureza.
Têm uma mão de obra assalariada e atendem a todo mercado interno do país.
Possuem uma mão de obra altamente qualificada com excelentes salários.
São voltadas para atender apenas ao mercado externo dos países desenvolvidos.
X Destacam-se por produzir apenas um tipo de cultivo em grande quantidade.
[358482_1109
28]
Questão
008
Disponível em: https://agroecoculturas.org/politicas-publicas. Acesso em 05 de março
de 2021.
Considere o gráfico anterior e assinale a alternativa correta.
O crédito aplicado na agricultura camponesa é diretamente proporcional a sua
produção global e à mão de obra ocupada.
O gráfico revela a importância do agronegócio para a produção de comida, sendo este
o grande responsável por boa parte da produção de alimentos que chegam à mesa
dos brasileiros.
No agronegócio, a relação crédito x produção de comida é bastante equilibrada.
X
A agricultura camponesa representa a minoria das terras agricultáveis no Brasil, porém
é a grande responsável pela produção de alimentos.
Pincel Atômico - 28/01/2023 14:49:53 4/4
O Agronegócio é responsável pela maioria da mão de obra empregada no campo.