Buscar

AD1 2016-1 Biocel 1 - com gabarito

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Prévia do material em texto

GABARITO 
AD1 – BIOCEL 1 2016-1 
 
1 – (4 pontos) Monômeros são as unidades fundamentais formadoras das 
macromoléculas. Estes podem ser ligados uns aos outros através de ligações 
covalentes e formar diferentes tipos de macromoléculas. Cite 4 tipos de 
macromoléculas que podem ser formadas usando os monômeros citados 
abaixo. Use quantos monômeros quiser! 
Aminoácidos 
Hexoses 
Pentoses 
Ácidos graxos 
Fosfato 
Nucleotídeos 
Glicerol 
1 PONTO cada macromolécula formada corretamente. Atente que tipo de 
macromolécula é a classe e não exemplo da molécula. Caso eles coloquem os 
exemplos, dê apenas metade da pontuação. 
Cuidado, não há nucleosídeos nem bases nitrogenadas nos monômeros. 
 
Possíveis respostas: 
Proteínas - formadas de aminoácidos - 
Açucares ou Carboidratos/amido – formados de Hexoses 
DNA/RNA- formados de nucleotídeos 
Fosfolipídios – formados de acidos graxos+glicerol+fosfato 
Triglicerídeos- formados de glicerol + ácidos graxos 
 
 
2 - (3 pontos) Considerando os limites de resolução e as limitações técnicas da 
microscopia ótica e da microscopia eletrônica, explique de que forma você 
poderia: 
0,3 ponto para cada microscopia correta e 0,3 para cada explicação correta 
a) observar diretamente um ribossomo 
R- Os ribossomos podem ser observados através do microscópio eletrônico 
de transmissão, que tem poder de resolução que permite observar estruturas 
desta dimensão. 
b) observar quantos flagelos tem um protozoário 
R- Na microscopia óptica com contraste de fase ou contraste interferencial 
diferencial (DIC), pois toda a célula se seus apêndices ficam visíveis. Podemos 
aceitar Microscopia eletrônica de varredura, na qual toda superfície fica visível. 
 
c) observar o axonema de um flagelo 
R- ME Transmissão. O axonema é a estrutura interna dos flagelos, apenas a 
microscopia eletrônica de transmissão tem poder de resolução que permite 
observar a dimensão desta estrutura. 
 
d) observar batimento do flagelo 
R- Contraste de fase ou com o DIC. Com o uso do anel de fase ou DIC as células 
permanecem vivas e no caso, com flagelo batendo. No campo claro, não 
conseguimos observar flagelos, a não ser que a preparação esteja CORADA 
com corantes vitais. 
e) Identificar a presença de uma proteína específica dentro do flagelo 
R- M O de fluorescência ou MET. Em ambas há a necessidade de se localizar 
a proteína com anticorpos específicos que possam ser observados (ficar 
visíveis) com a ajuda de anticorpos secundários complexados a fluorocromos 
ou esferas de ouro coloidal, respectivamente. 
 
3 - (3 pontos) É muito comum que, no cultivo de células usadas em 
laboratórios, se adicione soro (geralmente bovino) ao meio de cultura em que 
as células são mantidas. Responda: 1,5 ponto cada 
 
a) Qual a função do soro no meio de cultura? 
R- O soro possui nutrientes como aminoácidos, lipídeos, proteínas, co-fatores 
de enzimas, proteínas transportadoras de ferro, fatores de crescimento, entre 
outras moléculas que servem para suplementar o meio de cultivo das células 
estimulando o crescimento celular. 
 
b) Por que se usa soro e não plasma? 
R- Porque o plasma apresenta anticoagulantes (fatores de coagulação) que 
podem interferir no desenvolvimento da cultura.

Outros materiais