Buscar

Resenha 9 - Laura Helena de Melo Passoni

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Prévia do material em texto

Física II 
 
Resenha 9 – Segunda Lei da Termodinâmica 
Laura Helena de Melo Passoni 
 
Para entender a Segunda Lei da Termodinâmica é necessário primeiramente ter em 
mente alguns conceitos bem definidos e fixados. A primeira ideia que devemos ter em mente 
é da reversibilidade de processos que ocorrem na natureza, estes por sua vez são irreversíveis. 
Tomemos como exemplo a queima de um galho, o galho entrará em combustão e nos restará 
apenas as cinzas, contudo as cinzas não voltarão a ser o galho. 
O mesmo ocorre com a transformação de energia através de calor, mesmo que a 
energia gere calor o calor não irá gerar a mesma energia que havia no começo, isso torna o 
processo interrompido. 
 A partir desse entendimento podemos explicar o funcionamento das máquinas 
térmicas. Trata-se de máquina térmica qualquer dispositivo que transforma parcialmente o 
calor em trabalho ou em energia mecânica. Esses dispositivos podem ser explicados também 
como dois reservatórios um mais quente que o outro que estão em constante troca de energia. 
Quando esses reservatórios obedecem a ordem natural são aquecedores e quando o contrário 
são resfriadores. 
No primeiro caso há um recebimento de trabalho externo para que o reservatório mais 
frio entre em equilíbrio térmico, mas já no segundo o sistema precisa realizar o trabalho. 
Para entender melhor as máquinas térmicas tradicionais devem ser consideradas os 
seguintes tópicos: 
• Calor líquido ou total 
• Trabalho líquido ou total 
• Eficiência 
Além disso a Segunda Lei não trata de cálculos apenas, mas de enunciados como de 
Kelvin-Planck, o qual trata do sentido padrão, e o enunciado de Clausis que trata do 
refrigerador. 
Tratando ainda das máquinas a vapor possuímos um exemplo cotidiano muito prático 
para ser estudado. Os motores de veículos tais como carros e motos possuem muito desses 
conhecimentos inclusos em sua construção para poderem funcionar. Além disso funcionam 
em quatro ciclos que são definidos pelo ciclo de Otto. 
A primeira etapa trata da admissão, a segunda da compressão, a terceira da 
combustão, uma parte da terceira compressão adiabática e a quarta a exaustão. Todas essas 
etapas podem ser descritas com um diagrama PV. 
Por fim também podemos citar o Ciclo de Carnout, através desse ciclo são realizados 
estudos das máquinas e processos termodinâmicos, pois este trata de um ciclo ideal, no qual 
são desconsiderados alguns fenômenos naturais para que os estudo e cálculos sejam 
realizados com precisão.

Materiais relacionados

Perguntas relacionadas

Materiais recentes

Perguntas Recentes