A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
213 pág.
Guia de Medicamentos Genéricos

Pré-visualização | Página 31 de 41

0,03mg a 0,2mg/kg/dia IV.
A dose e a duração da terapia deverão ser ajustadas à resposta clínica do paciente.
CONTRA-INDICAÇÕES
Hipersensibilidade ao fármaco. Infecção fúngica sistêmica. 
EFEITOS ADVERSOS
Inibição da secreção de ACTH pela hipófise. Aumento da excreção renal de potássio e retenção de
sódio. Predisposição à osteoporose. Hiperglicemia. Úlcera péptica e hemorragia digestiva. Pancreatite
aguda. Tuberculose recorrente. Infecção oportunista. Insônia e quadros psicóticos. Glaucoma. Catarata.
Imunodepressão. Síndrome de Cushing. 
INTERAÇÕES
Barbitúricos, efedrina e rifampicina aumentam o metabolismo da hidrocortisona.
Diuréticos depletores de potássio aumentam risco de hipocalemia. 
Aumenta o risco de arritmias induzidas por glicosídeos cardíacos.
PRECAUÇÕES
Infarto agudo do miocárdio recente. Úlcera péptica. Doença renal. Hipertensão arterial. Insuficiência
cardíaca congestiva. Tromboflebites. Osteoporose. Hipotireoidismo. Diabetes. Cirrose hepática.
Convulsões. Miastenia gravis. Tuberculose. Transtornos mentais. 
Medicamentos GenŽricos 15.10.01 15:09 Page 161
H
ip
e
rp
la
si
a
 P
ro
st
á
ti
ca
B
e
n
ig
n
a
162
Medicamentos GenŽricos 15.10.01 15:09 Page 162
DOXAZOSINA (MESILATO)
Ref. CARDURAN 
FORMA(S) FARMACÊUTICA(S) 
Comprimido - 2mg e 4mg
INDICAÇÕES
Síndrome de retenção urinária. Sintomas irritativos associados à hiperplasia prostática benigna.
POSOLOGIA 
Adulto: 1mg/dia VO, ao deitar. Em função da resposta terapêutica, aumentar até uma dose máxima de
8mg/dia, em intervalos de 1 a 2 semanas.
Idosos: iniciar com 0,5mg/dia VO. 
CONTRA-INDICAÇÕES 
Hipersensibilidade à doxazosina, outros quinazolínicos e antagonistas alfa-adrenérgicos.
EFEITOS ADVERSOS
Náusea, vômito, diarréia, constipação. Boca seca. Congestão nasal. Conjuntivite. Visão turva. Tontura,
vertigem, cefaléia, parestesias, zumbido, adinamia, mialgias, fadiga, nervosismo, insônia, depressão.
Palpitações, hipotensão ortostática, taquicardia, edema periférico, dispnéia. Poliúria e incontinência
urinária. Diminuição da libido. 
INTERAÇÕES 
Betabloqueadores, diuréticos, inibidores da ECA, losartan, álcool, anestésicos, antidepressores,
nifedipina, bloqueadores dos canais de cálcio, nitratos e outros anti-hipertensivos podem
potencializar os efeitos hipotensores da doxazosina.
Antiinflamatórios não esteroidais e drogas simpaticomiméticas podem reduzir os seus efeitos anti-
hipertensivos. 
PRECAUÇÕES
Usar com cautela em pacientes com insuficiência hepática ou renal. 
Pode causar hipotensão arterial importante e síncope com a primeira dose, se aumentar a dose
rapidamente ou se outros anti-hipertensivos forem associados.
Medicamentos GenŽricos 15.10.01 15:09 Page 163
FINASTERIDA 
Ref. PROSCAR
FORMA(S) FARMACÊUTICA(S) 
Comprimido revestido - 5mg
INDICAÇÕES
Hiperplasia prostática benigna. Síndrome de retenção urinária. 
POSOLOGIA
Adulto: 5mg/dia VO, ao deitar. Embora possa ser observada melhora precoce, uma tentativa
terapêutica de pelo menos 6 meses pode ser necessária para estabelecer se uma resposta benéfica
foi ou não atingida.
CONTRA-INDICAÇÕES
Hipersensibilidade ao fármaco. Menores de 18 anos. Diabetes mellitus com alterações vasculares.
Anemia falciforme. Depressão severa.
EFEITOS ADVERSOS
Impotência sexual, diminuição da libido, diminuição do volume da ejaculação. Dor e aumento da
mama. Reações de hipersensibilidade.
INTERAÇÕES 
Não foram encontradas interações medicamentosas significativas com o uso de finasterida. Embora
extensivamente metabolizada pelo fígado, não existem evidências de interações com outras drogas
metabolizadas pelo sistema do citocromo P450.
PRECAUÇÕES
Usar com cautela em pacientes com insuficiência hepática. 
Alimentos podem diminuir a biodisponibilidade.
Mulheres com potencial de engravidar devem evitar o manuseio da medicação.
Medicamentos GenŽricos 15.10.01 15:09 Page 164
TERAZOSINA (CLORIDRATO)
Ref. HYTRIN
FORMA(S) FARMACÊUTICA(S) 
Comprimido - 2mg 
INDICAÇÕES
Síndrome de retenção urinária. Sintomas irritativos associados à hiperplasia prostática benigna.
POSOLOGIA 
Adulto: 1mg/dia VO, ao deitar. Em função da resposta terapêutica aumentar, em intervalos de 1 a 2
semanas, até uma dose máxima de 20mg/dia. 
Idosos: iniciar com 0,5mg/dia VO. 
CONTRA-INDICAÇÕES
Hipersensibilidade à terazosina ou outros antagonistas alfa-adrenérgicos.
EFEITOS ADVERSOS
Náusea, vômito, diarréia, constipação. Boca seca. Congestão nasal. Conjuntivite. Visão turva. Tontura,
vertigem, cefaléia, parestesias, zumbido, adinamia, mialgias, fadiga, nervosismo, insônia, depressão.
Palpitações, hipotensão ortostática, taquicardia, edema periférico, dispnéia. Poliúria e incontinência
urinária. Diminuição da libido. 
INTERAÇÕES 
Betabloqueadores, diuréticos, inibidores da ECA, losartan, álcool, anestésicos, antidepressores,
nifedipina, bloqueadores dos canais de cálcio, nitratos e outros anti-hipertensivos podem
potencializar os efeitos hipotensores da terazosina.
Antiinflamatórios não esteroidais e drogas simpaticomiméticas podem reduzir os seus efeitos anti-
hipertensivos. 
Diminui os efeitos da clonidina.
PRECAUÇÕES
Usar com cautela em pacientes com insuficiência renal. 
Pode causar hipotensão arterial importante e síncope com a primeira dose. Esses efeitos ocorrem
freqüentemente em pacientes usando betabloqueadores, diuréticos, dietas hipossódicas e doses
iniciais acima de 1mg.
Medicamentos GenŽricos 15.10.01 15:09 Page 165
R
e
la
x
a
n
te
s 
M
u
sc
u
la
re
s
166
Medicamentos GenŽricos 15.10.01 15:09 Page 166
ZOPICLONA
Ref. IMOVANE
FORMA(S) FARMACÊUTICA(S) 
Comprimidos - 7,5mg
INDICAÇÕES
Insônia (uso limitado para curtos períodos). 
POSOLOGIA 
Individualizada. Pode ser iniciada com 3,75mg VO, ao deitar. Dose máxima de 15mg/dia.
CONTRA-INDICAÇÕES
Hipersensibilidade ao fármaco. Insuficiência respiratória severa. Gravidez. Lactação. Crianças abaixo
de 15 anos. 
EFEITOS ADVERSOS
Sensação de boca amarga ou seca. Náusea e vômito. Hipotonia muscular. Sonolência matinal.
Sensação de embriaguez. Cefaléia. Astenia. Reações paradoxais: agressividade, irritabilidade,
excitação e depressão. Incoordenação, alucinações, pesadelos, amnésia, cefaléia e dependência.
Reações de hipersensibilidade (erupção cutânea, urticária, eritema, angioedema e reações
anafilactóides).
INTERAÇÕES 
Álcool, analgésicos opióides e anestésicos aumentam o efeito sedativo.
Eritomicina inibe o metabolismo, ocasionando profunda sedação.
PRECAUÇÕES
Evitar o uso nos casos de insuficiência hepática e renal, idosos, história de abuso de drogas, doenças
psiquiátricas. 
Evitar dirigir ou usar máquinas que necessitem de atenção.
Medicamentos GenŽricos 15.10.01 15:09 Page 167
R
e
p
o
si
to
re
s 
E
le
tr
o
lí
ti
co
s
168
Medicamentos GenŽricos 15.10.01 15:09 Page 168
BACLOFENO
Ref. LIORESAL
FORMA(S) FARMACÊUTICA(S)
Comprimido - 10mg
INDICAÇÕES
Espasticidade (rigidez) muscular em esclerose múltipla. Mielopatia. 
POSOLOGIA
Adulto: dose inicial 5mg VO, 3 vezes ao dia. A cada 3 dias, pode-se aumentar a dose em 5mg, até
atingir a dose necessária. Dose ideal: 30mg a 75mg/dia. Dose máxima: 80mg/dia. 
CONTRA-INDICAÇÕES
Hipersensibilidade ao fármaco.
Três primeiros meses da gravidez. 
Úlcera péptica.
EFEITOS ADVERSOS 
Sonolência, tontura, alucinação, confusão mental, cefaléia, parestesias, ataxia, fadiga muscular e
hipotonia. Distúrbio da acomodação visual. Hiperglicemia. Boca seca, alteração do paladar, náusea,
dor abdominal, constipação e diarréia. Depressão respiratória. Hipotensão. Enurese, retenção urinária,
impotência e dificuldade para ejacular.
INTERAÇÕES
Álcool, anestésicos gerais, antidepressores do SNC, inibidores da MAO, opiáceos, benzodiazepínicos,
anticonvulsivantes, clindamicina,