Direito Administrativo exercícios
52 pág.

Direito Administrativo exercícios


DisciplinaIntrodução ao Direito I86.708 materiais502.852 seguidores
Pré-visualização30 páginas
(PC/ES AGENTE DE POLÍCIA CESPE/2008) A distribuição de atribuições entre as entidades políticas configura uma descentralização horizontal.
(PC/RN DELEGADO SUBSTITUTO CESPE/2008) Assinale a opção correta em relação aos poderes administrativos e à organização administrativa.
A) O poder vinculado significa que a lei deixou propositadamente certa faixa de opção para o exercício da vontade psicológica do agente, limitado entretanto a escolha dos meios e da oportunidade para a concretização do ato administrativo.
B) O poder discricionário é conferido à administração de forma expressa e explícita, com a norma legal já trazendo em si própria a determinação dos elementos e requisitos para a prática dos respectivos atos.
C) O poder disciplinar consiste em distribuir e escalonar as funções, ordenar e rever as atuações e estabelecer as relações de subordinação entre os órgãos, inclusive seus agentes.
D) Pela desconcentração rompe-se uma unidade personalizada e não há vínculo hierárquico entre a administração central e a pessoa estatal descentralizada. Assim, a segunda não é subordinada à primeira.
E) A descentralização pressupõe pessoas jurídicas diversas: a que originalmente tem ou teria titulação sobre certa atividade e aquela a que foi atribuído o desempenho da atividade em causa.
(TRE/GO ANALISTA JUDICIÁRIO CESPE/2008) Assinale a opção correta no que concerne a descentralização e desconcentração.
A) Caso o TRE distribua competências no âmbito de sua própria estrutura, é correto afirmar que ocorreu descentralização.
B) A desconcentração pressupõe a existência de apenas uma pessoa jurídica.
C) A outorga e a delegação são formas de efetivação da desconcentração.
D) A descentralização é simples técnica administrativa, utilizada apenas no âmbito da administração direta.
 (PREFEITURA MUNICIPAL DE NATAL PROCURADOR DO MUNICÍPIO CESPE/2008) Assinale a opção correta acerca da administração pública.
A) Os ministérios e autarquias fazem parte da administração pública direta.
B) As empresas públicas têm natureza jurídica de pessoas jurídicas de direito público interno.
C) A descentralização administrativa é o fenômeno no qual o Estado atua por meio de entes que lhe são juridicamente distintos.
D) A desconcentração pressupõe a existência de, pelo menos, duas pessoas entre as quais se repartem competências.
1.3 \u2013 Consórcios Públicos e Agências Executivas
Relativamente aos consórcios públicos, julgue o item seguinte.
(AGU ADVOGADO DA UNIÃO CESPE/2008) No caso de constituir associação pública, o consórcio público adquirirá personalidade jurídica de direito público, mediante a vigência das leis de ratificação do protocolo de intenções. Nesse caso, a associação pública integrará a administração indireta de todos os entes da Federação consorciados. A União somente participará de consórcios públicos de que também façam parte todos os estados em cujos territórios estejam situados os municípios consorciados.C
(PGE/AL PROCURADOR DO ESTADO CESPE/2008) O presidente da República editou o Decreto n.º 9.999/2009 para qualificar determinada autarquia. A edição desse decreto só foi possível porque a referida autarquia tinha celebrado contrato de gestão com seu ministério supervisor, além de ter um plano estratégico de reestruturação e de desenvolvimento institucional em andamento. No plano de reestruturação, estavam definidas várias medidas voltadas para a racionalização de suas estruturas, inclusive em relação aos seus servidores. Com a nova caracterização do citado ente, passou a ser possível a dispensa de licitação nas compras de até R$ 16.000,00. Diante dessa situação hipotética, assinale a opção correta.
A) O decreto em questão criou, na verdade, uma organização social.
B) O decreto em apreço criou, na verdade, uma organização da sociedade civil de interesse público.
C) O citado decreto criou, na verdade, uma agência executiva, sem, contudo, criar nova pessoa jurídica.
D) Para se chegar à conclusão de que o referido decreto criou uma agência reguladora, bastava a situação hipotética sob exame revelar que o ente passou a ter poder de regulamentar a prestação de determinado serviço público.
E) O presidente da República poderá editar novo decreto para extinguir a autarquia, desde que haja iniciativa do ministério supervisor.
1.4 \u2013 Administração Direta e Indireta 
(SEGER-ES ANALISTA DAMINISTRATIVO E FINANCEIRO FORMAÇÃO: DIREITO CESPE/2007) As organizações sociais não integram a administração direta nem a administração indireta, pois são entidades da iniciativa privada que se associam ao Estado para a realização de atividades de interesse coletivo.
 (PC/PB AGENTE E ESCRIVÃO CESPE/2008) Julgue os itens subsequentes, relativos à administração direta e indireta.
I As empresas públicas e as sociedades de economia mista são criadas por lei específica.
II A criação de uma fundação pública se efetiva com a edição de uma lei específica.
III Cabe à lei complementar definir as áreas de atuação das fundações públicas.
IV As sociedades de economia mista são pessoas jurídicas de direito privado, criadas sob a forma de sociedades anônimas para o exercício de atividade econômica ou, eventualmente, a prestação de serviços públicos.
V O regime jurídico das empresas públicas e sociedades de economia mista é de caráter exclusivamente privado. 
Estão certos apenas os itens
A) I e II.
B) I e V.
C) II e IV.
D) III e IV.
E) III e V.
(TJ/RJ ANALISTA JUDICIÁRIO CESPE/2008) Maria, que é diretora não-empregada de uma sociedade de economia mista federal, com sede no estado do Rio de Janeiro, é a responsável pela área de contratos dessa empresa. Veiculou-se, na imprensa, que essa sociedade estaria firmando um contrato com o TJRJ. Tendo como referência a situação hipotética acima, assinale a opção correta acerca da administração direta e indireta.
A) Maria será regida pela Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT).
B) O TJRJ compõe a chamada administração pública direta, sendo um órgão independente.
C) Eventual conflito judicial, no que se refere ao cumprimento do referido contrato, não havendo foro de eleição, deverá ser julgado pela justiça estadual.
D) As sociedades de economia mista são criadas por lei específica, devendo registrar os seus atos constitutivos em cartório como forma de aquisição de personalidade jurídica.
E) As sociedades de economia mista são imunes aos impostos
(MPE/RR OFICIAL DE DILIGÊNCIAS CESPE/2008) As autarquias e fundações públicas fazem parte da administração indireta.
A sociedade de economia mista federal X, que tem por objeto a produção e comercialização de combustível e derivados do petróleo, tem uma subsidiária integral que foi criada para lhe fornecer asfalto. Foi firmado convênio entre a citada estatal e certo estado-membro visando recuperar a malha rodoviária do estado, tendo sido acertado que a estatal iria fornecer uma certa quantidade de asfalto e o estado iria pavimentar as estradas com o seu próprio pessoal. Ocorre que, antes de se iniciar o serviço público de construção e reforma das estradas, o caminhão da referida sociedade de economia mista, que transportava o asfalto, colidiu com o carro de Maria, tendo derramado o produto, causando dano ao meio ambiente e a morte de Maria.
(MTE ADMINISTRADOR CESPE/2008) A empresa que fabrica asfalto não integra a administração pública indireta.
A CF expressa em seus artigos o modelo de organização administrativa a ser seguido no país, distribuindo as atribuições entre as diferentes entidades políticas: União, estados, Distrito Federal (DF) e municípios. Em face desse modelo e considerando que um estado membro, mediante lei, crie uma autarquia como entidade componente da administração.
(PC/ES AGENTE DE POLÍCIA CESPE/2008) Um ministério criado no âmbito da União e uma secretaria criada no âmbito de um estado ou do DF são órgãos sem personalidade jurídica, componentes da administração direta do respectivo ente político.