Avaliando o Aprendizado Av1 Av2 5º período
37 pág.

Avaliando o Aprendizado Av1 Av2 5º período


DisciplinaDireito do Trabalho II3.759 materiais12.537 seguidores
Pré-visualização11 páginas
1a Questão (Ref.: 201402107281) Pontos: 0,1 / 0,1
(PC/CE) Sobre o instituto da posse, é CORRETO afirmar:
o possuidor direto não tem proteção possessória contra o possuidor indireto.
a posse não pode ser adquirida por representante, haja ou não instrumento de mandato.
o detentor possui proteção possessória equivalente à do possuidor.
 é facultado ao sucessor singular unir sua posse à de seu antecessor, para os efeitos legais.
em razão da vedação à autotutela, o possuidor esbulhado não pode adotar medidas imediatas, por sua 
própria força, para recuperar a posse.
 2a Questão (Ref.: 201402107220) Pontos: 0,1 / 0,1
(XIII EXAME UNIFICADO DA OAB 2014) Ary celebrou contrato de compra e venda de imóvel com Laurindo e, mesmo 
sem a devida declaração negativa de débitos condominiais, conseguiu registrar o bem em seu nome. Ocorre que, 
no mês seguinte à sua mudança, Ary foi surpreendido com a cobrança de três meses de cotas condominiais em 
atraso. Inconformado com a situação, Ary tentou, sem sucesso, entrar em contato com o vendedor, para que este 
arcasse com os mencionados valores. De acordo com as regras concernentes ao direito obrigacional, assinale a 
opção correta.
Perante o condomínio, Ary deverá arcar com o pagamento das cotas em atraso, pois se trata de 
obrigação subsidiária, já que o vendedor não foi encontrado, cabendo ação in rem verso, quando este 
for localizado.
Perante o condomínio, Laurindo deverá arcar com o pagamento das cotas em atraso, pois se trata de 
obrigação com eficácia real, uma vez que Ary ainda não possui direito real sobre a coisa.
Perante o condomínio, Laurindo deverá arcar com o pagamento das cotas em atraso, pois cabe ao 
vendedor solver todos os débitos que gravem o imóvel até o momento da tradição, entregando-o livre 
e desembargado.
 Perante o condomínio, Ary deverá arcar com o pagamento das cotas em atraso, pois se trata de obrigação propter rem, entendida como aquela que está a cargo daquele que possui o direito real sobre
a coisa e, comprovadamente, imitido na posse do imóvel adquirido.
 3a Questão (Ref.: 201401480461) Pontos: 0,1 / 0,1
Assinale a alternativa correta:
Ao possuidor de boa-fé serão ressarcidas somente as benfeitorias necessárias.
 Adquire-se a posse desde o momento em que se torna possível o exercício, em nome próprio, de qualquerdos poderes inerentes à propriedade.
O direito à percepção dos frutos requer que estes tenham sido separados e o possuidor faz jus à percepção
até que ocorra a cessação da má-fé.
As benfeitorias voluptuárias são agregadas ao valor à coisa, são passíveis de indenização ao possuidor de
boa-fé e conferem direito de retenção caso não se as possa levantar sem detrimento da coisa.
 4a Questão (Ref.: 201402105015) Pontos: 0,1 / 0,1
(OAB/RJ 2007) Em relação aos direitos reais, no direito brasileiro, assinale a opção correta.
Sua constituição nunca depende de registro do título.
Têm eficácia idêntica aos direitos de crédito.
 Estão previstos na lei em caráter exaustivo.
Podem ser criados livremente pela vontade das partes.
 5a Questão (Ref.: 201402107141) Pontos: 0,1 / 0,1
A alternativa CORRETA é:
a posse não se transmite aos herdeiros ou legatários
é injusta a posse que não for violenta, clandestina ou precária
o possuidor com justo título é obrigado a provar a sua boa-fé
 salvo prova em contrário, entende-se manter a posse caráter com que foi adquirida
o possuidor tem de fato o exercício pleno de todos os poderes inerentes à propriedade
VII Exame Unificado OAB) Acerca do instituto da posse é correto afirmar que:
fâmulos da posse são aqueles que exercitam atos de posse em nome próprio.
 a composse é uma situação que se verifica na comunhão pro indiviso, do qual cada possuidor conta com uma fração ideal sobre a posse.
o Código Civil estabeleceu um rol taxativo de posses paralelas.
é admissível o interdito proibitório para a proteção do direito autoral.
 2a Questão (Ref.: 201401476915) Pontos: 0,1 / 0,1
A propriedade caracteriza-se por ser, EXCETO:
plena, até prova em contrário.
exclusiva, até prova em contrário.
elástica.
 direito real atípico.
 3a Questão (Ref.: 201402127931) Pontos: 0,1 / 0,1
XVI EXAME DE ORDEM UNIFICADO Mediante o emprego de violência, Mélvio esbulhou a posse da Fazenda Vila Feliz. 
A vítima do esbulho, Cassandra, ajuizou ação de reintegração de posse em face de Mélvio após um ano e meio, o 
que impediu a concessão de medida liminar em seu favor. Passados dois anos desde a invasão, Mélvio teve que 
trocar o telhado da casa situada na fazenda, pois estava danificado. Passados cinco anos desde a referida obra, a 
ação de reintegração de posse transitou em julgado e, na ocasião, o telhado colocado por Mélvio já se encontrava 
severamente danificado. Diante de sua derrota, Mélvio argumentou que faria jus ao direito de retenção pelas 
benfeitorias erigidas, exigindo que Cassandra o reembolsasse. A respeito do pleito de Mélvio, assinale a afirmativa 
correta.
Mélvio é possuidor de boa-fé, fazendo jus ao direito de retenção por benfeitorias e devendo ser 
indenizado por Cassandra com base no valor delas
Mélvio é possuidor de má-fé, não fazendo jus ao direito de retenção por benfeitorias, mas deve ser 
indenizado por Cassandra com base no valor delas.
Mélvio é possuidor de má-fé, fazendo jus ao direito de retenção por benfeitorias e devendo ser indenizado
pelo valor atual delas.
 Mélvio não faz jus ao direito de retenção por benfeitorias, pois sua posse é de má-fé e as benfeitorias, ainda que necessárias, não devem ser indenizadas, porque não mais existiam quando a ação de 
reintegração de posse transitou em julgado.
 4a Questão (Ref.: 201401480469) Pontos: 0,1 / 0,1
Sobre as aquisições da propriedade por acessão, assinale a alternativa correta:
 A Aluvião é o aumento sucessivo e imperceptível que o rio anexa às terras.
O Álveo abandonado dá-se quando força violenta arranca porção de terra que se junta a outro terreno.
A Avulsão é a superfície que as águas cobrem sem transbordar para o solo natural e ordinariamente enxuto.
A Aluvião é um modo derivado de aquisição da propriedade.
 5a Questão (Ref.: 201402135491) Pontos: 0,1 / 0,1
(Questão 14 28º Exame OAB-RJ) Dá-se a traditio breve manu quando:
O possuidor de um imóvel em nome próprio passa a possuí-lo em nome alheio;
 O possuidor de uma coisa em nome alheio passa a possuí-la como própria.
Se substitui a entrega material por ato indicativo do propósito de transmitir a posse;
A posse pode ser continuada com a soma do tempo do atual possuidor com a posse dos seus antecessores;
Marque a alternativa CORRETA:
 Estende-se ao possuidor o disposto quanto ao devedor acerca das causas que obstam, suspendem ou interrompem a prescrição, as quais também se aplicam à usucapião de bens móveis.
Achando-se em terreno aforado, o tesouro será integralmente do descobridor, eis que a enfiteuse deixou de
existir no Código de 2002.
 Ocorrerá pós-eficacização da tradição sempre que a alienação do bem móvel for a non domino ou quando a tradição tiver por título negócio jurídico nulo.
Quem se assenhorear de coisa sem dono para logo lhe adquire a propriedade, ainda que essa ocupação 
seja defesa por lei.
 2a Questão (Ref.: 201401440128) Pontos: 0,1 / 0,1
(TJPR - Juiz Substituto/2010) A legislação estabelece os modos de aquisição e perda da propriedade, cujo instituto é
considerado o mais amplo dos direitos reais, o mais completo dos direitos subjetivos, vez que a grande maioria dos
conflitos de interesses envolve disputas de natureza patrimonial. Considerando a matéria acerca do instituto, avalie
as seguintes assertivas e escolha a alternativa CORRETA:
I. A perda da propriedade imóvel pela renúncia se opera desde logo por qualquer modo expresso que indique a
vontade do renunciante.
II. A propriedade imóvel se realiza independentemente de ato translativo do possuidor precedente, se a aquisição