Comportamento animal
134 pág.

Comportamento animal


DisciplinaEtologia235 materiais1.218 seguidores
Pré-visualização29 páginas
TECHNICAL BOOKS EDITORA
um manual para o estudo do comportamento animal
COMPORTAMENTAL
ECOLOGIA
INTRODUÇÃO À
Kleber Del-Claro
um manual para o estudo do comportamento animal
COMPORTAMENTAL
ECOLOGIA
INTRODUÇÃO À
Kleber Del-Claro
um manual para o estudo do comportamento animal
COMPORTAMENTAL
ECOLOGIA
INTRODUÇÃO À
Kleber Del-Claro
T B
Rio de Janeiro
2010
Technical Book s ediTor a
1ª edição
Introdução à Ecologia Comportamental:
um manual para o estudo do comportamento animal
Copyright © 2010
Technical Books Editora Ltda.
Rua Gonçalves Dias, 89 - 2º andar - Sala 208
Centro - Rio de Janeiro - RJ - CEP: 20.050-030
Tel/Fax: (21) 2252-5318
vendas@tbedi tora.com.br
www.tbedi tora.com.br
VENDAS:
Technical Books Livraria Ltda.
Rua Gonçalves Dias, 89 - 2º andar - Salas 205 / 206
Centro - Rio de Janeiro - RJ - CEP: 20.050-030
Tel/Fax: (21) 2224-3177 - (21) 2531-9027
(21) 2242-4210 - (21) 2292-5525 - (21) 2252-9299
vendas@tbl ivrar ia.com.br
www.tbl ivrar ia.com.br
T B
Technical Book s ediTor a
Dados internacionais de Catalogação-na-Publicação (CIP)
D331 Del-Claro, Kleber. 
 Introdução à Ecologia Comportamental : um ma- 
 nual para o estudo do comportamento animal / Kle 
 ber Del-Claro. \u2500 1. ed. \u2500 Rio de Janeiro : Tech- 
 nical Books, 2010. 
 128 p. : il. color. ; 21 cm. 
 
 Inclui bibliografia. 
 ISBN 978-85-61368-12-8 
 
 
 1. Ecologia Animal. 2. Animais \u2013 Comportamento. 
 I. Título. 
 
 CDD 591.51 
 
Dedicado aos meus amores,
Maura, Vergílio, Augusto e Túlio,
fontes de minha felicidade, paz 
e segurança de um mundo melhor.
Agradeço a todos que, direta ou indiretamente, colabora-
ram para minha formação profissional. Em especial, agradeço a 
Ângela Helena Torezan Silingardi, Gerson Augusto Ribeiro Sil-
veira, Newton Goulart Madeira, João Vasconcellos Neto (meu 
orientador de mestrado), Fernando Antônio Frieiro Costa, Rogé-
rio Parentoni Martins, Robert J. Marquis e Paulo Sérgio Moreira 
Carvalho de Oliveira (meu orientador de doutorado).
Agradeço à Universidade Estadual de Campinas (Uni-
camp), onde me formei, e à Universidade Federal de Uberlândia, 
onde trabalho, desde 1992. 
Agradeço imensamente ao Conselho Nacional de Pesquisa, 
Ciência e Tecnologia (CNPq), que me apoia formalmente como 
pesquisador, desde 1996. 
À Fundação de Amparo à Ciência do Estado de Minas Ge-
rais (Fapemig), agradeço pelos diversos apoios e recursos rece-
bidos.
Quero agradecer também aos programas de pós-graduação 
que muito me ajudaram e aos quais tenho correspondido com 
meu trabalho e dedicação. Sou especialmente grato aos progra-
mas de Ecologia da UFU, UFMS e de Zoologia da USP (FFCLRP), 
UFJF e UFPR. Nos últimos anos, tenho recebido um imenso 
apoio da diretoria do Instituto de Biologia da UFU, a cujo diretor 
e colega, Jimi Naoki Nakajima, agradeço por sempre fazer valer 
a verdade e a justiça, no trato do bem público.
Não poderia deixar de agradecer aos muitos colegas e alu-
nos que me enviam fotos, trabalhos e teses, para compartilhar 
Agradecimentos
ou corrigir, e aos que me convidam a participar de palestras e 
visitas científicas. Vocês são todos muito especiais e grande fonte 
de minha felicidade profissional.
Quero agradecer aos meus principais colaboradores cien-
tíficos: Paulo S. Oliveira, Helena Maura Torezan Silingardi, Lu-
célia Nobre Carvalho, Everton Tizo Pedroso, Jean Carlos Santos, 
Marina Farcic Mineo, Graziela Diógenes Vieira Marques, Jonas 
Byk e a todos os outros com os quais já publiquei ou estamos 
publicando em conjunto. Sou muito grato por seu apoio e con-
fiança.
Agradeço a Artur Andriolo e Jean Carlos Santos por algu-
mas fotos cedidas, que foram usadas neste livro.
A Everton Tizo Pedroso agradeço pelo tempo dedicado à 
leitura crítica dos originais do livro.
Quero agradecer também aos meus editores e àqueles que 
auxiliam na distribuição dos meus livros. Agradeço muito por 
sua compreensão para com minhas constantes solicitações de re-
dução de custos e margens de lucro, a fim de que os livros che-
guem aos alunos o mais barato possível.
Agradeço à Sociedade Brasileira de Etologia, à Sociedade 
Portuguesa de Etologia, ao CNPq e aos nossos incríveis estudan-
tes, por seu apoio e empenho na divulgação de nossos estudos e 
livros.
Não poderia esquecer de agradecer a minha família \u2013 minha 
esposa e meus filhos \u2013, pela paciência, carinho e dedicação que 
têm comigo. Muitas vezes discutindo e dando atenção a um 
\u201cmaluco\u201d que fala do incrível comportamento de uma estranha 
e diminuta formiguinha que carrega sementes ou suga gotículas 
em folhas de plantas com nomes estranhíssimos. Tenham a cer-
teza de que vocês são o que amo com mais ardor.
\u201cO comportamento [...] orientado para uma meta está extrema-
mente disseminado pelo mundo orgânico; por exemplo, a maioria das 
atividades relacionadas a migração, obtenção de alimento, corte, ontoge-
nia e todas as fases da reprodução é caracterizada por tal orientação por 
uma meta. A ocorrência de processos orientados por uma meta talvez 
seja o traço mais característico do mundo dos organismos vivos.\u201d
Ernest Mayr (1988)
\u201cA literatura sobre comportamento animal está cheia de descri-
ções de comportamento animal claramente proposital, revelando pla-
nejamento cuidadoso. [...]. Nesse planejamento proposital não há, em 
princípio, diferença entre seres humanos e animais pensantes.\u201d
Ernest Mayr (2005)
As formigas-correição são nômades e constantemente mudam seus ninhos 
para lugares onde poderão obter mais alimento e segurança, onde possam au-
mentar ou manter alto seu valor adaptativo. Crescer, se desenvolver, sobrevi-
ver e reproduzir, deixar descendência viável: eis a meta final.
\u201cO sonho e a vida são dois galhos gêmeos;
são dois irmãos que um laço amigo aperta.
A noite é o laço.\u201d
Gonçalves Dias
Toda utopia, quando boa, é mais sonho do que pesadelo. O 
meu sonho, ao escrever este livro, é que eu consiga lhe transmitir 
o mesmo prazer que sinto, quando estou livre para estudar com-
portamento animal. Parar calmamente no campo e sentar sobre 
uma pedra, sob uma grande e maravilhosa árvore, com respin-
gos da água gelada das corredeiras da Floresta Atlântica Brasilei-
ra batendo no meu rosto, enquanto observo uma simples formi-
guinha se alimentando das excreções açucaradas de um nectário 
extrafloral. E o melhor: ainda ser pago para fazer isso, para tentar 
entender os mistérios da natureza e do comportamento animal \u2013 
ser pago para viver um sonho!
Este livro não tem, portanto, a menor pretensão de ser uma