A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
intro estudo anatomia dental

Pré-visualização | Página 1 de 1

INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA ANATOMIA
Por Gustavo Cosenza B. Nogueira
1
Prótese Dentaria:
É a ciência e a arte que proporciona elementos substitutos adequados para as porções coronárias de um ou mais dentes naturais e também de suas partes circunvizinhas.
Tem por finalidade restaurar a função, a estética, o conforto e a saúde do paciente.
2
Anatomia Dental:
Ciência que estuda as formas dos dentes, onde o dente é um órgão do corpo humano, importante e complexo, que tem função, sensibilidade e ação motora.
3
A - Composição
órgão dental
dente
periodonto
5
A - Composição
dente
coroa
raíz
6
A - Composição
esmalte
dentina
polpa
dente
7
A - Composição
periodonto de sustentação
cemento
ligamento periodontal
processo alveolar
8
A - Composição
periodonto de proteção
gengiva
10
Esmalte:
Estrutura mais dura e densamente mineralizada.
	Mais que o osso!
Translúcido;
Responsável pelo brilho do dente;
Sais inorgânicos 98%;
11
Esmalte:
2 a 4 % de matéria orgânica e água;
Elementos minerais - cristais de apatita nas formas de:
	Hidróxi-apatita e Carbonato-apatita
14
Esmalte:
Prismas de esmalte;
Espessura variando entre 2 e 3 mm, onde o máximo se atinge nas bordas incisais dos dentes anteriores e nos ápices das cúspides dos posteriores;
15
Dentina:
De conformação semelhante à do dente, porém mais grosseira;
Dá cor aos dentes;
relaciona-se:
	-internamente:
			polpa
	-externamente:
			esmalte
16
Dentina:
65 a 75 % de substâncias minerais (material inorgânico semelhante ao esmalte);
25% de substâncias orgânicas (esclero proteínas do grupo dos colágenos);
10% de água;
17
Dentina:
Túbulos e canalículos: desempenham papel importante na condução de estímulos;
Maior susceptibilidade à carie;
Espessura variando entre 2 e 5 mm.
18
Polpa:
Dividida em duas porções:
	- câmara coronária
	- canal radicular
19
Polpa:
Constituída basicamente de tecido conjuntivo frouxo;
Ricamente inervada e vascularizada;
Vasos: arteríolas e vênulas;
21
Polpa:
Filetes nervosos: responsáveis pela sensibilidade do dente;
Função:
	-defesa
	-formação de dentina secundária
Ampla nos jovens e diminuta nos mais velhos.
23
Classificação da dentição
Varia de espécie para espécie;
	a dentição do Homem (homo) é diferente da dentição dos cães (canis), gatos (felis).
Varia dentro de uma espécie;
	a dentição dos brancos é diferente da dentição dos negros, que também é diferente da dentição dos amarelos.
24
H - Classificação - Homem
Braquiodonte: dentes curtos e de crescimento limitado
25
H - Classificação - Homem
Plexodonte: dentes com tubérculos, cúspides, cristas, sulcos e fóssulas
26
H - Classificação - Homem
Bunodonte: visto pela oclusal, apresenta cúspides distintas com ápices arredondados
27
H - Classificação - Homem
Homodontes : dentição iguais 
Heterodontes: vários forma de dentes
28
Classificação da dentição
monofiodontes :possuem uma única dentição ex tatu , baleia 
Polifiodontes : Apresenta vária dentições ex peixe 
Diofiodontes : Apresente duas dentições ex seres humanos 
J - Dentições
Decídua Permanente
30
E - Número
Varia de acordo com a espécie:
Homem:
			20 - dentição decídua
		32 - dentição permanente
31
I - Nome
			-incisivo central
anteriores	-incisivo lateral
			-canino
			-primeiro pré-molar
			-segundo pré-molar
posteriores -primeiro molar
			-segundo molar
			-terceiro molar
32
C - Localização
Localização Normal: Interior da cavidade bucal, sobre os processos alveolares maxilares, dispostos em fileiras;
Localização ectópica (fora do lugar normal): palato, assoalho da boca, faringe, esôfago;
33
F - Dimensões
Varia em uma mesma arcada;
	incisivos são diferentes dos caninos, que são diferentes dos pré-molares, que são diferentes dos molares.
Varia em um mesmo dente;
	o incisivo central difere do lateral.
Fatores:	sexo
		genética
		fatores externos
34
G. Cor
Varia entre:
	Amarelo Acinzentado				Branco Azulado
Varia segundo a idade;
Arcada:	maxila: + escura
		mandíbula: + clara
Em um mesmo dente:	cervical
					médio
					incisal
35
B. Função
Mastigação:	Incisivos: cortar
			Caninos: dilacerar
			Pré-Molares: moer
			Molares: moer
Fonação: principalmente os anteriores, na pronúncia das consoantes: F, V, T, D, N, S, C;
Estética;
Suporte facial: ausência dos dentes
 ocasiona o “Perfil de Polichinelo”.
36