A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
31 pág.
Literatura Brasileira I - Avaliando o Aprendizado

Pré-visualização | Página 7 de 13

natural dos rios da Arcádia e dos de sua terra é afetada pela ambição econômica, que perverte a uns e a outros.
	
	é preciso esquecer a harmonia dos versos arcádicos, em vista da beleza maior dos inspiradores rios de mineração.
	
	a natureza de sua região natal guarda harmoniosa correspondência com a da Arcádia.
	
	7a Questão (Ref.: 201504628554)
	
	
	(Santa Casa SP) - Texto I 
É a vaidade, Fábio, nesta vida, 
Rosa, que da manhã lisonjeada, 
Púrpuras mil, com ambição dourada, 
Airosa rompe, arrasta presumida.
Texto II 
Depois que nos ferir a mão da morte, 
ou seja neste monte, ou noutra serra, 
nossos corpos terão, terão a sorte 
de consumir os dous a mesma terra.
O texto I é barroco; o texto II é arcádico. Comparando-os, é possível afirmar que os árcades optaram por uma expressão:
	
	
	que aprofunda o naturalismo da expressão barroca, fazendo que o poeta assuma posição eminentemente impessoal. 
	�� INCLUDEPICTURE "http://simulado.estacio.br/img/imagens/peq_nao.gif" \* MERGEFORMATINET 
	impessoal e, portanto, diferenciada do sentimentalismo barroco, em que o mundo exterior era projeção do caos interior do poeta. 
	
	em que a quantidade de metáforas e de torneios de linguagem supera a tendência denotativa do Barroco. 
	
	em que predominam, diferentemente do Barroco, a antítese, a hipérbole, a conotação poderosa. 
	�� INCLUDEPICTURE "http://simulado.estacio.br/img/imagens/peq_ok.gif" \* MERGEFORMATINET 
	despojada das ousadias sintáticas da estética anterior, com predomínio da ordem direta e de vocábulos de uso corrente. 
	8a Questão (Ref.: 201505256064)
	
	
	No Prólogo ao leitor, Cláudio Manuel da Costa faz algumas considerações sobre o seu livro de poemas Obras Poéticas de Glauceste Satúrnio. Assinale a alternativa que indica a afirmação correta sobre o trecho transcrito:
"Sem te apartares deste mesmo volume, encontrarás alguns lugares que te darão a conhecer como talvez me não é estranho o estilo simples, e que sei avaliar as melhores passagens de Teócrito, Virgílio, Sanazaro e dos nossos Miranda, Bernardes, Lobo, Camões etc."
	
	
	O ideal do "carpe diem" se verifica como ideal clássico retomado nos poemas.
	
	O bucolismo é a principal característica do poema arcádico.
	�� INCLUDEPICTURE "http://simulado.estacio.br/img/imagens/peq_ok.gif" \* MERGEFORMATINET 
	A referência aos autores evidencia a influência dos ideais clássicos.
	
	A presença de pastores e da paisagem mítica se contrapõe a momentos de apelo à vida urbana.
	
	O trecho informa que o princípio da linguagem rebuscada é o ideal perseguido pelo poeta.
Aula 8
	1a Questão (Ref.: 201504621505)
	
	
	Bem creio que te não faltará que censurar nas minhas Obras, principalmente nas Pastoris onde (...) te não há de agradar a elegância de que são ornadas.
O trecho foi extraído do Prólogo ao Leitor do livro Obras Poéticas de Glauceste Satúrnio.
 Assinale a alternativa que apresenta a explicação para as desculpas antecipadas do autor:
	
	
	Tomás Antônio Gonzaga se esquiva da autoria das Cartas 
	
	Cláudio Manuel da Costa se justifica pela ausência de referências à natureza brasileira 
	
	Cláudio Manuel da Costa admite a influência barroca em alguns de seus poemas.
	
	Tomás Antônio Gonzaga ironiza os padrões estéticos árcades. 
	
	Cláudio Manuel da Costa prepara o espírito do leitor para a emotividade romântica presente em seus poemas
	2a Questão (Ref.: 201505060307)
	
	
	"Quem deixa o trato pastoril amado/ Pela ingrata, civil correspondência,/ Ou desconhece o rosto da violência,/ Ou do retiro a paz não tem provado./ Que bem é ver nos campos transladado/ No gênio do pastor, o da inocência!/ E que mal é no trato, e na aparência/ Ver sempre o cortesão dissimulado!/ Ali respira amor sinceridade;/ Aqui sempre a traição seu rosto encobre;/ Um só trata a mentira, outro a verdade./ Ali não há fortuna, que soçobre;/ Aqui quanto se observa, é variedade:/ Oh ventura do rico! Oh bem do pobre!" (Claudio Manuel da Costa) 
Assinale o tema que mais predomina no poema árcade: 
	
	
	Fugere urbem (fugir da cidade) 
	
	O mito da Arcádia (idílio pastoril)
	
	Aurea mediocritas (mediocridade dourada) 
	
	Carpe diem (gozar o dia) 
	
	O tédio e a melancolia
	
	3a Questão (Ref.: 201505186447)
	
	
	Na primeira estrofe de um dos sonetos de Cláudio Manuel da Costa, lemos: "Destes penhascos fez a natureza O berço, em que nasci! oh quem cuidara, Que entre penhas tão duras se criara Uma alma terna, um peito sem dureza!" Assinale a alternativa INCORRETA acerca da análise do poema: 
	
	
	A antítese entre as expressões que indicam ¿dureza¿ e ¿ternura¿ pode ser considerada uma herança barroca
	
	A menção à paisagem rochosa é típica do Arcadismo
	
	A presença da rocha aponta nele para um anseio profundo de encontrar alicerce.
	
	A menção à natureza rústica da paisagem se contrapõe à alma terna do artista.
	
	A referência à paisagem brasileira, as rochas, significa um aspecto diferenciado em relação à estética neoclássica
	
	4a Questão (Ref.: 201504628386)
	
	
	(FUVEST-SP) Assinale a alternativa que apresenta dois poetas que participaram da Inconfidência Mineira.
	
	
	Gonçalves Dias e Cláudio Manuel da Costa.
	
	Gonçalves de Magalhães e Castro Alves.
	
	Cláudio Manuel da Costa e Tomás Antônio Gonzaga. 
	
	Castro Alves  e Tomás Antônio Gonzaga.
	
	Gonçalves Dias e Gonçalves de Magalhães.
	
	5a Questão (Ref.: 201505060325)
	
	
	"Ouvi pois o meu fúnebre lamento/ Se é que de compaixões sois animados:/ Já vos vistes que aos ecos magoados/ Do trácio Orfeu parava o mesmo vento;/ Da lira de Anfião ao doce acento/ Se viram os rochedos abalados/ Bem sei que de outros Gênios o destino,/ Para cingir de Apolo a verde rama,/ Lhes influiu na lira estro divino/ O canto, pois, que a minha voz derrama,/ Porque ao menos o entoa um Peregrino,/ Se faz digno entre vós também de fama."
O verso que melhor se caracteriza pelo eu-lírico pedindo à natureza que o ouça é: 
	
	
	Já vos vistes que aos ecos magoados 
	
	"Bem sei que de outros Gênios o destino, 
	
	Se faz digno entre vós também de fama.
	
	Ouvi pois o meu fúnebre lamento 
	
	Para cingir de Apolo a verde rama, "
	
	6a Questão (Ref.: 201505060289)
	
	
	"Onde estou? Este sitio desconheço: / Quem fez tão diferente aquele prado? / Tudo outra natureza tem tomado, E em contemplá-lo, tímido, esmoreço. / Uma fonte aqui houve; eu não me esqueço / De estar a ela um dia reclinado; / Ali em vale um monte está mudado: / Quanto pode dos anos o progresso! /"
 A opção que corresponde ao tema do poema de Claudio Manuel da Costa,poeta árcade, é: 
	
	
	Campo degradado
	
	Vida urbana amena
	
	Subjetividade clássica
	
	Poética amorosa
	
	Individualismo romântico
	
	7a Questão (Ref.: 201504532295)
	
	
Assinale a alternativa que aponta um traço temático do arcadismo presente no poema de Cláudio Manoel da Costa abaixo transcrito:
XIV
Quem deixa o trato pastoril amado
Pela ingrata, civil correspondência,
Ou desconhece o rosto da violência,
Ou do retiro a paz não tem provado.
Que bem é ver nos campos transladado
No gênio do pastor, o da inocência!
E que mal é no trato, e na aparência
Ver sempre o cortesão dissimulado!
Ali respira amor sinceridade;
Aqui sempre a traição seu rosto encobre;
Um só trata a mentira, outro a verdade.
Ali não há fortuna, que soçobre;
Aqui quanto se observa, é variedade:
Oh ventura do rico! Oh bem do pobre!
	
	O poema narra um idílio amoroso, enfatizando a paixão e a sensualidade.
	
	O poema discute a temática da tensão entre os aspectos espirituais e materiais da vida humana.
	
	O poema desenvolve o tema da vida campesina equilibrada, em oposição às agruras