Direitos das Obrigações. Obrigação de fazer
2 pág.

Direitos das Obrigações. Obrigação de fazer


DisciplinaDireito Civil III11.785 materiais92.756 seguidores
Pré-visualização1 página
DIREITO DAS OBRIGAÇÕES
Castro, Maria Eduarda Lombardi
Acadêmica de Direito
 No dia 06 de dezembro de 2012, o Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo determinou a construtora ré ao pagamento de indenização por danos materiais e morais ao autor.
 O autor promoveu a ação, pois após sete anos da existência do contrato de compra e venda seu imóvel não foi entregue, ludibriando seus consumidores a acabando com o sonho de tais pessoas que teriam o desejo de ter seu bem próprio, ferindo a regulação da ordem econômica e social tendo a tutela de direito ferida¹.
 Ferindo de tal forma a sua obrigação de fazer (Art. 247. Incorre na obrigação de indenizar perdas e danos o devedor que recusar a prestação a ele só imposta, ou só por ele exequível, CC). A construtora além de não entregar o bem aos compradores não os respondem judicialmente o porquê de tomarem tal atitude, \u201ca condição civil liberal tinha, como valor necessário da realização da pessoa, seu patrimônio, em torno do qual gravitam os demais interesses privados, juridicamente tutelados²\u201d.
 Entretanto foi julgado na luz da teoria menor da desconsideração da personalidade jurídica Art. 28 CDC que seja realizado o pedido do agravante.
Referências
Constituição federal: Direitos fundamentais
Paulo Lobo: Direito Civil das obrigações 
Julgado: Agravo de instrumento nº2093390-68.2015.8.26.0000
Comarca de São José Dos Campos 
Agravante: Elias Rahal Neto
Agravado: Sunset Construtora Ltda.
 
Paulo Lôbo. Direito Civil. Obrigações. 2ª edição, editora Saraiva. P 16
2 Paulo Lôbo. Direito Civil. Obrigações. 2ª edição, editora Saraiva. P. 17