ENERGIA NUCLEAR
8 pág.

ENERGIA NUCLEAR


DisciplinaFundamentos de Energia Nuclear10 materiais63 seguidores
Pré-visualização1 página
INTRODUÇÃO 
Atualmente qualquer tecnologia desenvolvida pode ser utilizada com fins pacíficos ou bélicos. Isso acontece com a nanotecnologia, a eletrônica, a engenharia genética, a biologia e claro com a energia nuclear. Os saberes e estudos realizados hoje podem ser na guerra, mas também podem colaborar para a melhoria da característica de vida da população. A energia nuclear \u2013 afamada pelas bombas lançadas no ano de 1945 nas as cidades japonesas de Hiroshima e Nagasaki, assim como os acontecimentos ocorridos com reatores nos Estados Unidos e na Ucrânia \u2013 obteve uma marca que até nos dias atuais afeta uma discussão avaliando os pontos negativos e positivos provenientes dessa tecnologia. Porém várias práticas presentes em nosso dia-a-dia utilizam, direta ou indiretamente e claro, de modo assegurado, as radiações nucleares. Como por exemplo, as técnicas nucleares que vêm sendo responsáveis pelas curas ou prevenções do câncer em cerca de milhares de pessoas. A energia elétrica gerada em reatores cria cerca de 30% dessa fonte de energia no mundo sendo um dos setores que mais se atentam com a segurança, o que também levou nos últimos tempos, vários países a adotar essa tecnologia. A energia nuclear além disso tem sido bastante aplicada no meio ambiente, nas fabricas e na pesquisa.
DESENVOLVIMENTO
Energia nuclear, mas também pode ser chamada de energia atômica. É adquirida através da fissão do núcleo dos átomos de urânio enriquecido, dessa forma gera uma grande quantidade de energia. A energia mantém as partículas do núcleo do átomo unidas, e a liberação de grande quantidade de energia ocorre a partir da divisão do núcleo em duas partes.
A fissão é controlada dentro de reatores, aquecendo a água ela gera calor, assim à transformando em vapor. Tendo em vista que o vapor, em alta pressão, realiza movimentos na turbina, e então é acionado o gerador, assim criando a eletricidade.
O calor gerado na fissão é de intensidade muito alta. A energia gerada através da fissão de um quilograma de urânio em uma usina termonuclear, é a mesma gerada através de 150 toneladas de carvão mineral em uma termoelétrica, mostrando assim tamanha eficiência dessa fonte de energia.
Por conta de ser uma tecnologia de custo alto, o uso intenso é realizado principalmente em países desenvolvidos, como os Estados Unidos, França, Japão, Alemanha e Reino Unido. Atualmente alguns países têm investido em termonucleares, caso de China, Taiwan, Índia e Irã.
No Brasil á tem três usinas nucleares em funcionamento, ambas foram nomeadas como Angra 1, 2 e 3 por estar localizadas na praia de Itaorna, em Angra dos Reis (RJ).
As três usinas em atividades têm um potencial, falando em megawatts de aproximadamente 3357(MW). O governo visa muito as usinas nucleares, pois estão vendo com as hidrelétricas que estão tendo um certo esgotamento perante a situação do pais, como os projetos são construir mais 8 usinas, é um certo alivio para o pais, a fim de dar uma retomada grande em base de custos, que tem para construir usinas nucleares, sem contar que são mais em conta.
Essas usinas são menos poluentes que as outras tendo em vista que também necessitam de um menor espaço para serem construídas. Hoje o brasil está em sétimo lugar no ranking 
Em reserva de urânio, os estudos não param, novas tecnologias sendo desenvolvidas no país, novas formas de serem nocivas para a população e o meio ambiente. A energia hoje e indispensável no dia a dia, mais também a natureza e seus recursos também são.
Usina de Chernobyl 
O funcionamento da usina de Chernobyl era proporcional ao das demais usinas nucleares, pois o reator, local onde é guardado os combustíveis físseis, faz com que o calor que ferve a água de uma caldeira a aproximadamente a 270 ºC transformando-a em vapor, podendo rotacionar uma turbina que dá partida a um gerador de energia elétrica, gerando eletricidade. Nos reatores as reações processam integralmente liberando de modo explosivo toda a energia conservada no material fissionável, urânio ou plutônio. 
A usina de Chernobyl, foi a terceira usina nuclear produzida pela União Soviética a utilizar quatro reatores nucleares RBMK-1000, com uma capacidade de cada um gerar aproximadamente 1000 mw de energia. Os reatores RBMK, foram produzidos por uma alta tecnologia ultrapassada, que foi criado trinta anos antes da tragédia e construídos na usina entre 1970 e 1977 com uma moderação usada com grafite, para a desaceleração de nêutrons irradiados pelas fissões nucleares, ou seja, nêutrons térmicos que transmite energia para o grafite em forma de calor. Com isso o vapor da água no interior do reator aumenta expressivamente, como sua pressão interna. 
Foto de Usinas Nucleares
Tricurioso.com
https://www.opetroleo.com.br/multinacional-esta-oferecendo-excelentes-vagas-para-operacoes-portuaria-em-vitoria/
Fotos de um dos maiores desastres nuclear, o desastre de Chernobyl ocorrido no da 26 de abril de 1986.
https://wwwfatosdesconhecidos.com.br
Cidade de Pripyat, na Ucrânia, foi abandonada após desastre nuclear. Imagem mostra 30 anos após o acidente. 
(Foto: Gleb Garanich/Reuters).
CONCLUSÃO 
Conclui-se que a energia nuclear possui vantagens e desvantagens, muitas pessoas tem medo desse tipo de energia pelos alguns fatos que ocorreram em relação a mesma, dentre ela citado o desastre de Chernobyl, e também um certo medo em relação a armas nucleares. Muitos historiadores dizem que o medo da população vem relacionado à forma da ação do governo em relação a esses acidentes, mas também se adquiriu a várias décadas pois antigamente a maioria das pessoas ligavam essa radioatividade á raios estranhos que seria capaz de acarretar mortes assustadoras ou um fenômeno de uma vida nova. Antigamente ela era uma energia muito barata, seus custos eram bastantes pequenos, que nem se chegavam a se cobrar pela a mesma. A sua forma como é utilizada sempre é questionada, pois surgem dúvidas se esta energia evadir ao controle e causar várias mortes na vizinhança. Mas hoje atualmente a energia nuclear tem um custo mais elevado em relação a outras diversas energias, pois como dito tem um maior risco de acidentes nucleares e vir a acarretar um desastre ao meio ambiente e a população que se reside próxima a usina nuclear. No Brasil prevalece mais a energia hidrelétrica, que utilizam a força das águas e se tornam uma fonte de energia mais limpa. Contudo isto a energia nuclear também possui vantagens pois ela não libera gases estufas, necessita de uma condição de área pequena para estrutura, e não dependem muitos elementos como chuvas e ventos acarretando pouca poluição ao ar na sua execução de energia. Portanto este tipo de energia cada dia vem sido continuadamente aprimorado sendo um ponto de discussão e tentativas de melhoramento, estudando sempre as formas de aperfeiçoar e evitar acidentes.
REFERÊNCIAS 
http://pessoal.educacional.com.br/up/4660001/6249852/artigo_4_Nuclear_Radiation.pdf
https://educacao.uol.com.br/disciplinas/geografia/energia-nuclear-como-funciona-pos-e-contras.htm
https://www.infoescola.com/geografia/energia-nuclear-no-brasil/amp/
https://www.pensamentoverde.com.br/economia-verde/usinas-nucleares-no-brasil/
https://brasilescola.uol.com.br \u203a acidente de Chernobyl: causas, como ocorreu e consequências