A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
31 pág.
QUESTÕES OBJETIVAS DE SISTEMA E ORGANIZAÇÃO DA SAÚDE NO BRASIL

Pré-visualização | Página 2 de 9

participar da normatização, da fiscalização e do controle dos serviços de saúde do trabalhador apenas nas empresas públicas.
( X ) Elaborar normas técnicas e estabelecer padrões de qualidade para a promoção da saúde do trabalhador são atribuições comuns da União, dos estados, do Distrito Federal e dos municípios.
( ) A saúde do trabalhador dispensa ações de vigilância epidemiológica e vigilância sanitária para alcançar seus objetivos.
12-A Rede de Atenção à Saúde - RAS - objetiva promover a integração de ações e serviços de saúde com a finalidade dos atendimentos na área de saúde a serem realizados com atenção contínua, de forma integral e que ofereçam qualidade, de forma humanizada. Neste aspecto, várias iniciativas foram consolidadas para inovar o processo de desenvolvimento da RAS. Sobre essas iniciativas, associe os itens, utilizando o código a seguir:
I- Pacto pela saúde.
II- Pacto em defesa do SUS.
III- Pacto de gestão.
IV- Pacto pela vida. 
( III ) Estabelece como sendo o espaço regional o local para a concretização das responsabilidades pactuadas, dada a integração de políticas e programas por ação conjunta do Governo Federal, estadual e municipal.
( IV ) Compromisso com as situações de maior importância no que se refere à saúde da população brasileira.
( II ) Compromisso com os princípios constitucionais do SUS.
( I ) Contempla o acordo firmado entre os gestores do SUS para consolidar os princípios da universalidade, integralidade e equidade.
13-As doenças tropicais negligenciadas são impactantes na sociedade, interferindo na qualidade de vida, afetando principalmente as pessoas de baixa renda. Estas doenças tropicais são causadas por parasitas ou agentes infecciosos, como a malária, dengue, doença de Chagas, leishmaniose, esquistossomose e muitas outras, causando milhões de mortes no mundo. Sobre as estratégias para a prevenção, o controle e até a eliminação recomendados pela Organização Mundial da Saúde (OMS), que normalmente são de baixo custo, classifique V para as sentenças verdadeiras e F para as falsas:
( V ) Controle do hospedeiro ou transmissor com o aumento de pessoas responsáveis pelos casos.
( F ) É de responsabilidade única da vigilância da saúde o controle das doenças tropicais.
( V ) Disponibilidade de saneamento básico, água potável e higiene.
( V ) Saúde pública com os animais e ter medicação preventiva.
14-A qualidade dos serviços prestados à saúde da população em geral é um fator muito importante e deverá ser constantemente avaliado. Para tanto, existem alguns mecanismos de controle. Sobre esses mecanismos, associe os itens, utilizando o código a seguir:
I- CCIH ? Comissão de Controle de Infecção Hospitalar.
II- AMAQ ? Autoavaliação para Melhoria do Acesso e Qualidade.
III- Acreditação Hospitalar.
IV- Hospital Amigo da Criança.
( IV ) Título internacional concedido pela UNICEF.
( III ) Programa de qualidade que visa a padrões de excelência similar à certificação ISO 9000.
( II ) Ferramenta de autoavaliação aplicada ao trabalho das pessoas que desenvolvem suas atividades nas unidades de saúde pública. 
( I ) Avaliação dos casos de infecção, o nível de limpeza das salas e equipamentos utilizados.
15-O Sistema Único de Saúde (SUS) é um dos maiores sistemas públicos de saúde do mundo. Ele abrange desde o simples atendimento ambulatorial até o transplante de órgãos, garantindo acesso integral, universal e gratuito para toda a população do país. Criado em 1988 pela Constituição Federal Brasileira, para ser o sistema de saúde dos mais de 180 milhões de brasileiros, tem o compromisso de ter a mesma doutrina e a mesma forma de organização em todo o país. Os municípios, através das secretarias de saúde, têm o dever de atender às políticas nacionais de saúde com seus programas funcionais e os três níveis de atenção à saúde - primário, secundário e terciário, incluindo o setor de emergências. Em se tratando de usuários de álcool, drogas, portadores de sofrimento mental, outras doenças especiais com supervisão que demandam ser consultados por especialistas, em que o enfermo continua sendo atendido pela unidade de saúde, em quais dos níveis de atenção à saúde é classificado esse atendimento?
FONTE: Entenda o SUS - Ministério da Saúde. Disponível em:<http://portalsaude.saude.gov.br/index.php/cidadao/entenda-o-sus>. Acesso em: 2 dez. 2016.
( ) Terciário.
( ) Primário.
( ) Emergencial.
( X ) Secundário.
16-Amplamente complexo é o sistema de saúde no Brasil, sendo imprescindível a qualidade dos atendimentos e serviços de saúde. A gestão de distribuição de medicamentos é o elemento essencial dos cuidados em saúde, de que adiantaria atendimentos soberanos se os acessos aos medicamentos necessários são deficitários. O Brasil é um grande consumidor de fármacos. A Resolução nº 338/2004 do Conselho Nacional de Saúde admite a Política Nacional de Assistência Farmacêutica. Sobre os pontos fundamentais desta Resolução, analise as sentenças a seguir:
I- Distribuição ilimitada de medicamentos para os portadores de qualquer enfermidade. ERRADA
II- Assegurar o acesso e a utilização racional de medicamentos, fazer uso de plantas medicinais e fitoterápicos. CORRETA
III- Conduzir pesquisas, políticas setoriais, incentivo industrial e desenvolvimento de tecnologias. CORRETA
IV- Visitas à farmacêutica de qualidade e adquirir a RENAME (Relação Nacional de Medicamentos). CORRETA
17-O Ministério da Saúde atuava nas atividades de saúde e prevenção de doenças como assistência médico-hospitalar, para doenças limitadas da população brasileira antes de consolidar o Sistema Único de Saúde (SUS). Após alguns anos, surgiu o Instituto Nacional de Assistência Médica e Previdência Social em que os contribuintes com carteira assinada desfrutavam dos atendimentos nos serviços públicos. Com a reformulação do SUS, houve grandes mudanças, nas quais o cidadão brasileiro desfruta hoje de outras condições de assistência. Considerando a consolidação do SUS sobre as ações do Sistema Único de Saúde, analise as sentenças a seguir:
I- A promoção da cidadania como estratégia de mobilização social tem a questão da saúde como um direito de todo cidadão brasileiro com seus serviços de saúde gratuitos. CORRETA
II- Saúde do trabalhador, atendimento para o trabalhador que tiver qualquer tipo de doença do trabalho. CORRETA
III- O SUS não cobre a realização de transplantes pela rede pública, apenas vacinação em massa para crianças até 5 anos. ERRADA
18-Para intensificar o cuidado com a prevenção de inúmeras doenças, é primordial o desenvolvimento e o aperfeiçoamento das ações na educação em saúde. Para que a sociedade adquira o conhecimento e tenha hábitos saudáveis por vontade própria, é preciso compreender os conhecimentos relacionados à educação e à saúde da sociedade. Para isso, é preciso manter através de ações educativas informações necessárias para contribuir com a qualidade de vida das famílias. Neste contexto, sobre o educar para a saúde, analise as sentenças a seguir:
I- A educação em saúde tem sido um desafio perante os órgãos competentes, tanto na qualidade como na assistência e no aprimoramento dos profissionais que mantêm informações sobre ações educativas para manter a qualidade de vida da sociedade. CORRETA
II- Educação em saúde nos diz que devemos aprender a ouvir dos profissionais ligados à área os assuntos dirigidos à saúde. CORRETA
III- Parte-se do princípio de que a pessoa a quem se destina o cuidado ou o ato educativo é um sujeito passivo, que constrói o conhecimento do objeto por necessidade de aprendizagem, sem maiores interferências no seu dia a dia. ERRADA
IV- Para que a sociedade tenha como significado a cura da doença e o tratamento, é necessário promover a saúde física e mental, com o objetivo de manter estilo de vida saudável. CORRETA
19-O Sistema Único de Saúde (SUS) disponibiliza acesso para toda a população o acesso à saúde. A política nacional em saúde dos municípios monitora a qualidade e o atendimento

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.