Cultura Celular
1 pág.

Cultura Celular


DisciplinaBiologia Experimental716 materiais1.192 seguidores
Pré-visualização1 página


Cultura celular

Através de um microscópio já é possível observar as organelas de uma célula, no entanto, o real entendimento de como todo esse sistema funciona necessita de uma análise bioquímica minuciosa, que pode ser alcançada por meio de processos que permitam dissociar células de tecidos, manipulá-las e cultivá-las em um meio de cultura.



Pré-visualização de imagem de arquivo
Cultivo celular visto em microscópio

Cultura celular, ou cultura de células, compreende técnicas in vitro (ambiente artificial), onde células procarióticas ou eucarióticas podem ser cultivadas sob condições controladas, semelhantes às originais. O objetivo deste processo está na produção de grandes quantidades de células em um superfície de fácil manipulação, que permitirá o acesso e estudo de suas características fisiológicas e bioquímicas, que não é possível no tecido intacto, bem como, a separação dos diferentes tipos de células.

A figura abaixo ilustra materiais laboratoriais como frascos e placas de Petri com meio de cultura, em vermelho, que consiste em um substrato que oferece os nutrientes essenciais onde as células podem sobreviver e multiplicarem-se, fornecendo material adequado e homogêneo para estudo em laboratório.



Pré-visualização de imagem de arquivo
Equipamentos laboratoriais utilizados para cultivo de células


Diferentes tipos de Cultura Celular

  • Primárias - são aquelas obtidas diretamente dos tecidos animais ou vegetais.
  • Secundárias - são aquelas produzidas a partir das primárias, onde há transferência e recultivo do material da placa de cultura da célula primária para um nova placa. As propriedades da célula original são passadas para a secundária e estas permanecem em cultura.
  • Contínuas - diz respeito às células que alcançaram tamanha adaptabilidade que apresentam maior crescimento no ambiente artificial de cultivo do que no natural, sem perder as características da célula original.
  • Transformadas - neste caso, estas células passaram por interferências durante o cultivo, como radiação, exposição a químicos e outros compostos, ou até mesmo intervenção viral, que provocaram alterações em suas características, diferenciando-as das células originais.

  • Aplicações do Cultivo Celular

    A descoberta do cultivo celular de forma eficiente teve grande relevância nos campos da Medicina, Terapia Gênica e Engenharia Genética, sem esse advento científico não seria possível mapear o genoma humano no início do século XXI, compreender a ação de patógenos, tampouco, conhecer os genes responsáveis por anomalias e estudar a ação de vacinas e anticorpos no combate às doenças.


    Células-tronco embrionárias

    Do ponto de vista da medicina, uma das maiores promessas de linhagens celulares são as células-tronco embrionárias, obtidas a partir da massa celular interna do embrião, tem a capacidade de eficiente proliferação em cultura, com potencial de desenvolvimento substancial originando células originais a partir de células cultivadas em laboratório, com capacidade de originar qualquer outra célula do corpo e, quando inoculada em local diferente de origem, pode assumir as características e comportamentos locais, que outras células teriam ali.

    As aplicações destas linhagens celulares compreendem o reparo de tecidos humanos lesionados, substituição de células nervosas em pacientes com mal de Parkinson , células musculares cardíacas danificadas na ocorrência de ataques cardíacos e em células responsáveis pela produção de insulina em diabéticos, como ilustrado pela figura a seguir.



    Pré-visualização de imagem de arquivo
    Aplicações das células-tronco embrionárias


    Descoberta de novas enzimas e proteínas

    Enzimas são catalisadores biológicos e atuam diminuindo a energia de ativação requerida para que haja uma reação, ou seja, aumentando a velocidade da reação. Para estudar uma proteína ou enzima é necessário acessá-la na célula, onde o cultivo celular constitui ferramenta importante de contato inicial.

    Embora sejam pequenos constituintes das células, as enzimas possuem ampla empregabilidade industrial e estão presentes no dia-a-dia, o sabão em pó responsável por limpar as roupas e retirar manchas, o detergente utilizado para lavar louças, a pomada cicatrizante para cortes e ferimentos e até o iogurte ingerido pela manhã possuem enzimas específicas que atuam facilitando e otimizando suas funções, e estas só foram estudadas e descobertas através do cultivo das células que as originaram.



    Pré-visualização de imagem de arquivo
    Manipulação em ensaios enzimáticos