A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
3 pág.
Resumo aula 03- Enfermidades Orais

Pré-visualização | Página 1 de 1

Resumo Enfermidades Orais 
Cárie dentária: É um processo de destruição localizada, dos tecidos dos dentes, causado por 
microrganismos. O processo envolve a dissolução da fase mineral, consistindo principalmente 
de cristais de hidroxiapatita, por ácidos orgânicos produzidos pela fermentação bacteriana 
 Bactéria + superfície + substrato 
O único fator considerável imprescindível para a ocorrência da doença é a presença da placa 
bacteriana. 
Importante fator de prevenção: a fluoretação das águas tratadas 
 Pós eruptivamento – flúor, fosfato e demais componentes agem protegendo através de 
estimulação do fluxo salivar. 
Alimentos compostos por amido podem reduzir o pH da placa 
A sacarose é o carboidrato mais cariogênico 
O fosfato é um dos componentes inibidores da atividade de cárie. O mecanismo de ação do 
fosfato está relacionado à diminuição da taxa de dissolução da hidroxiapatita, supersaturação 
de cálcio, ajudando a remineralização e a capacidade de tamponamento dos ácidos da placa. 
Alimentos gordurosos -> barreira de proteção contra esmalte 
Gengivite 
Etiologia :placa bacteriana no sulco gengival + toxinas + destruição de teciods + perdas 
dentárias 
 Tratamento: analgésicos,antibióticos, antissépticos bucais + higiene 
 Alimentação: + vitaminas C e A 
Periodontite 
Microorganismos e acúmulo de substrato na superfície dos dentes originando cálculos. 
Etiologia: alimentos,bactéria e cálculos entre a gengiva e os dentes. Acúmulo de pus, gerando 
abcesso com edema e dor aguda. 
Tratamento; drenagem local, lavagem bucal, antibióticos, extração de dentes, dieta rica em 
purinas. 
Alterações na língua 
 
 
 
Infecções na cavidade oral - Candidose oral 
Comum em lactentes - “sapinho” - até o segundo mês de vida 
Idosos, usuários de próteses dentárias e aidéticos 
Corticoterapia e antibióticos de amplo expectro 
Estomatite cremosa oral – concreções esbranquiçadas destacáveis com espátula 
Candidose eritematosa atrófica e candidose hiperplásica 
 
Aftas 
Estresse emocional, pequenos traumas (patergia); Pode haver pródromo de dor e disestesia (3 
a 4 dias); Depende de fatores locais – rara em tabagistas (queratinização reacional da mucosa) 
Ulceração rasa, com halo eritematoso, centro necrótico amarelado 
Deficiência de B12, ácido fólico e ferro  Dieta : + proteínas, suplementos vitamínicos 
Herpes Simples 
Primo-infecção: quadro agudo e exuberante, em geral na infância 
Febre, adenomegalia cervical, irritabilidade, mal-estar 
Duração: 10 a 15 dias 
Infecção no paciente com HIV 
Candidose oral: fase avançada de AIDS, pode progredir para esôfago e vias aéreas 
Condiloma acuminado: localização eventual, difícil tratamento 
Doença periodontal:gengivites e periodontites 
Xerostomia 
Boca seca; Atrofia das glândulas salivares menores; 
Se a mucosa tem aparência normal 
◼ dç psicossomática, 
◼ efeito colateral de medicamentos (atropínicos, anti-histamínicos, 
◼ antidepressivos, 
◼ antidiabéticos, anti-hipertensivos