A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
5 pág.
PROVA ONLINE - CONTABILIDADE COMERCIAL

Pré-visualização | Página 1 de 2

Disciplina:
	Contabilidade Comercial (CON72)
	Avaliação:
	Avaliação II - Individual Semipresencial ( Cod.:460717) ( peso.:1,50)
	Prova:
	13608349
	Nota da Prova:
	10,00
	
	
Legenda:  Resposta Certa   Sua Resposta Errada  
Parte superior do formulário
	1.
	O ICMS é um imposto estadual e representa uma das mais importantes fontes de arrecadação. Com os recursos do ICMS, o poder público atende de diversas formas à população, por exemplo, com a construção de rodovias, hospitais, creches, postos de saúde etc. O ICMS, como o próprio nome já diz, incide sobre operações relativas à compra e venda de mercadorias, porém, cabe ressaltar que nos serviços de transporte interestadual haverá também a incidência desse imposto. Sobre os casos em que ocorre a incidência do ICMS, classifique V para as sentenças verdadeiras e F para as falsas:
(    ) Não incidência: é a ocorrência de um ato jurídico que não está compreendido no campo de incidência do tributo, ou seja, o ato praticado não se enquadra em nenhum dos casos previstos na legislação tributária como hipótese de incidência tributária.
(    ) Isenção: é uma situação devidamente estabelecida em lei, que dispensa o pagamento do tributo. 
(    ) Suspensão: é a antecipação do imposto da exigência de pagamento do tributo, mesmo ocorrendo o seu fato gerador, mediante o cumprimento de certas condições estabelecidas em lei.
Assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA:
	 a)
	V - F - V.
	 b)
	F - V - V.
	 c)
	V - V - F.
	 d)
	V - V - V.
	2.
	Adotando-se duas contas para o registro do ICMS incidente nas compras e nas vendas, no final do mês, para regularização, a empresa necessita realizar alguns procedimentos. Quanto a esses procedimentos, analise as sentenças a seguir:
I- A empresa necessita deixar os saldos intactos.
II- Deve-se transferir os dois saldos para o próximo mês, considerando-os como saldo inicial, a fim de movimentar as operações posteriores.
III- Compensar ambos os saldos, debitando a conta que representa a obrigação e creditando a que representa direito, considerando o
menor dentre os dois saldos.
IV- Recolher o saldo da obrigação e manter o saldo do direito no Balanço.
Assinale a alternativa CORRETA:
	 a)
	As sentenças II e III estão corretas.
	 b)
	Somente a sentença III está correta.
	 c)
	As sentenças III e IV estão corretas.
	 d)
	Somente a sentença II está correta.
	3.
	O ICMS é imposto não cumulativo, ou seja, os valores devidos do imposto pelas vendas poderão ser compensados com os créditos obtidos nas compras, sendo assim, o valor do imposto pago em uma operação é compensado no valor do imposto a pagar na operação subsequente. O ICMS é o imposto mais comum entre as operações realizadas pelas empresas comerciais, na maioria das compras e vendas de mercadorias é registrada a ocorrência desse imposto. Sobre a forma em que ocorre a incidência do ICMS nas operações de compras e vendas normais, classifique V para as sentenças verdadeiras e F para as falsas:
(    ) O valor do ICMS, obtido nas compras junto aos fornecedores, representa um direito para sua empresa com o governo do Estado.
(    ) O valor do ICMS, gerado nas compras junto aos fornecedores, representa uma obrigação da sua empresa com o governo do Estado.
(    ) Somente no final do mês, quando sua empresa apurar todas as vendas e compras desse período, é que se saberá se o saldo de ICMS será a pagar ou a compensar.
Assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA:
	 a)
	V - F - F.
	 b)
	F - V - F.
	 c)
	F - V - V.
	 d)
	V - F - V.
	4.
	Nas compras interestaduais, é necessário averiguar se a mercadoria adquirida está ou não sujeita ao Diferencial de Alíquota - DIFA. O DIFA é um percentual de ICMS que o comprador paga ao seu Estado, pelo fato de a compra ter sido efetuada por um percentual menor do que o praticado internamente por esse, que é o Estado de destino. Sobre os casos em que os contribuintes do ICMS são obrigados a recolher o ICMS relativo à diferença existente entre a alíquota interna (praticada no Estado destinatário) e a alíquota interestadual nas seguintes operações e prestações, classifique V para as sentenças verdadeiras e F para as falsas:
(    ) Na entrada de mercadorias de outra Unidade da Federação destinadas para uso e consumo.
(    ) Na saída de mercadorias de outra Unidade da Federação destinadas para o ativo imobilizado. 
(    ) Na entrada de prestação de serviço de transporte interestadual, cuja prestação tenha iniciado em outra Unidade da Federação referente à aquisição de materiais para uso e consumo.
(    ) Na entrada de prestação de serviço de transporte interestadual, cuja prestação tenha iniciado em outra Unidade da Federação referente à aquisição de materiais para o ativo imobilizado.
Assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA:
	 a)
	V - F - V - V.
	 b)
	V - V - V - F.
	 c)
	F - V - V - F.
	 d)
	V - F - F - F.
	5.
	É muito comum as mercadorias serem tributadas por substituição tributária. Dessa forma, as mercadorias são tributadas na fonte, ou seja, no momento que saem da fábrica e não nos comércios onde são revendidas. Essa modalidade é mais prática, uma vez que o Estado precisa fiscalizar apenas a retenção do ICMS nas vendas em suas fontes e não nos revendedores. Sobre a forma em que ocorre a incidência do ICMS Substituição Tributária, classifique V para as sentenças verdadeiras e F para as falsas:
(    ) As vendas que ocorrerão nas etapas seguintes, que serão dos revendedores a outros revendedores ou a consumidores finais, não serão tributadas, uma vez que o ICMS já foi pago antecipadamente.
(    ) Nas operações com Substituição Tributária há o Substituto e o Substituído. 
(    ) O Substituto é sujeito ativo, diverso do contribuinte, a quem a lei atribui o dever de restituir o imposto relativo às operações subsequentes àquela por ele praticada.
Assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA:
	 a)
	V - V - F.
	 b)
	F - F - V.
	 c)
	F - V - V.
	 d)
	V - F - V.
	6.
	Nas compras interestaduais, é necessário averiguar se a mercadoria adquirida está ou não sujeita ao Diferencial de Alíquota - DIFA. O DIFA é um percentual de ICMS que o comprador paga ao seu Estado, pelo fato de a compra ter sido efetuada por um percentual menor do que o praticado internamente por esse, que é o Estado de destino. Sobre as operações obrigadas ao Diferencial de Alíquota - DIFA, assinale a alternativa CORRETA:
	 a)
	Venda de mercadoria destinada à industrialização.
	 b)
	Caso o percentual da alíquota interna seja inferior ao da alíquota interestadual.
	 c)
	Na entrada de mercadorias de outra Unidade da Federação destinadas para o ativo imobilizado.
	 d)
	Venda de mercadoria destinada à revenda.
	7.
	A apuração do ICMS, que tem como objetivo levantar o saldo de ICMS do mês, bem como relacionar todas as entradas (compras) e saídas (vendas), deve ser feita mensalmente para que a empresa possa fiscal e gerencialmente saber como se comportam as operações no período. Sobre como a apuração do ICMS é realizada, classifique V para as sentenças verdadeiras e F para as falsas:
(    ) Somam-se os valores do ICMS incidentes em todas as vendas que geram direito efetuadas durante o referido mês.
(    ) Somam-se os valores do ICMS incidentes em todas as vendas que geram obrigação efetuadas
no mesmo mês, mesmo aquelas mercadorias vendidas que não correspondam àquelas compradas no mesmo mês. 
(    ) Caso o total do ICMS calculado sobre as compras seja superior ao calculado sobre as vendas, a diferença ficará em favor da empresa (direito), porém, se o ICMS calculado sobre as compras for inferior ao calculado sobre as vendas, a diferença ficará em favor do governo estadual (obrigação).
(    ) Se a diferença for um débito para a empresa, ela poderá utilizar este valor para compensação de seus débitos (obrigações) nos próximos

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.